Alemães acusam Bento 16 de crimes contra a humanidade

Acusação ao papa foi apresentada
à Corte Penal Internacional
Os advogados alemães Christian Sailer e Gert-Joachim Hetzel pediram à Corte Penal Internacional que abra um processo contra o papa Bento 16 sob a acusação de crimes contra a humanidade.

No dia 14 deste mês, eles encaminharam ao tribunal documento com 51 páginas e 16.500 palavras onde apresentam provas da “estratégia do silêncio” do papa diante do abuso de crianças por sacerdotes, da campanha do Vaticano contra o uso de preservativo no combate à contaminação do vírus HIV e da “coação e ameaças” contra católicos dissidentes.

No documento, os advogados afirmam que o papa tem usado a sua liderança religiosa para subjugar os fiéis com “ameaças terríveis” que colocam em risco a saúde da população mundial. “Ele tem obscurecido o sentido do certo e errado.”

“Os católicos ameaçados pelo HIV se deparam com uma terrível alternativa: se eles se protegem com o preservativo durante a relação sexual, tornam-se graves pecadores; se não se protegem, por medo do castigo do pecado, tornam-se candidatos à morte.”

Sailer e Hetzel argumentaram que nem sequer as crianças escapam do perverso controle da igreja, porque seus pais, sob a ameaça do fogo interno, são compelidos a batizá-las, embora não tenham discernimento para saber o que querem, que religião escolher.

A Corte Penal Internacional é um tribunal permanente criado em 2002 pela ONU (Organização das Nações Unidas) para julgar acusações a pessoas, diferentemente do Tribunal de Haia, fundado em 1946 para decidir sobre questões de Estados. Ambos os tribunais têm sede em Haia, nos Países Baixos.

São mínimas – ou nenhuma – as possibilidades de a Corte Penal aceitar as acusações Sailer e Hetzel.




Com informação do Irishtimes.com, entre outros sites.

junho de 2010

Comentários

Anônimo disse…
Não custa sonhar um pouco com um mundo melhor... imagine só todos os líderes religiosos presos...
Anônimo disse…
Não há nenhuma duvida que Bento 16 é um inimigo mundial , além dele nao ter feito nenhum ato pra melhorar a ICAR [ que vem cometendo erros e crimes a 2 mil anos] ele ainda acoberta os crimes de pedofilia , procurem saber o que é
CRIMEN SOLLICITATIONIS ?? LEI diretiva papal terrivel...
Anônimo disse…
Quero ver os mesmos covardes que acusam o papa fazerem o mesmo com o Islamismo... terão suas cabeças cortadas... bando de vermes.
Anônimo disse…
Esses advogados do D. não querem tambem incriminar a famíla de Adolf Hitler? Pelos massacres dos judeus durante a segunda guerra???
Anônimo disse…
o argumento acima, que nem é um argumento, é ridiculo. certamente querer combater o fato de que a igreja prega algo que fere a própria liberdade e dignidade humana, bem como o zelo e proteçao desta, e ainda querer mascarar e defender "pastores de cristo" que tem abusados de criaçans em todo o mundo, pelo fato de ter existido alguem como Hitler é sem fundamento. NEsse caso, se deveria condenar a igreja pelos crimes do passado realizado pela santa inquiziçao. Mas, assim como qualquer pessoa que comenta um ato deste tem que haver-se com a justiça, nao é pelo fato de a igreja pedir perdao que se deve eximi-la de sua culpa.
Anônimo disse…
Nossa, o prêmio da auto-contradição do Ano!

Certamente querem combater o fato de que a Igreja prega algo que fere a própria liberdade e dignidade humana...


Não seria...CONTRA?

Querem mascarar e defender "pastores de Cristo" que têm abusado de crianças em todo o mundo...

Não seria...CONDENAR?
Anônimo disse…
O mundo será um lugar melhor e mais seguro sem religiões...
Anônimo disse…
No mesmo dia em que a Besta Nazista assumiu o comando da Igreja, eu abandonei esta denominação.
Para aqueles que não despertaram ainda: Deus os abençoe.
Anônimo disse…
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse…
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Rodrigo disse…
Mas o Vaticano não e signatario do tratado que criu o TPI, portanto por questoes de direito processual internacional mesmo se houver um processo contra o Papa não pode haver a entrega dele para as devidas sançoes legais. O pedido e so uma perda de tempo...
Anônimo disse…
E é o representante de Deus ???
Anônimo disse…
Concordo !!!
Que Deus tenha misericordia de tamanha cegueira e ignorância, daqueles que não querem vê...
Anônimo disse…
concordo...
Anônimo disse…
concordo.... mas acho que qualquer um errado incluindo ele tem q pagar
Anônimo disse…
Precisamos muito de um representante de Deus né hahahaha que piada...
Anônimo disse…
Não sei porque tanto bafafá, a igreja católica não está dizendo pras pessoas não usarem preservativo, está dizendo pras pessoas NÃO FAZEREM SEXO FORA DO CASAMENTO. É retrógrado? sem dúvida, mas é uma IGREJA, não um governo. Segue quem quer. Se quer seguir direito, não basta não usar o preservativo, tem que ficar sem sexo. Simples assim
então... muitas pessoas acusam o Papa pela proibição da camisinha... gente vamos ser coerentes, a igreja pede que se guarde a castidade até o dia do casamento: Homem e mulher (certo?) se vc casar virgem não está correndo risco (certo?). dentro do casamento a igreja apoia a monogamia (certo? casamento com um/a parceiro/a para o resto da vida - na igreja católica não há segundo casamento... a salvo quando o noivo/a é
viúvo/a)... o adultério é um dos quesitos que anulam um casamento da igreja... ou seja se o homem e a mulher seguirem a ideia da fidelidade não contrairão AIDS... se a igreja liberar o uso do preservativo estará afirmando que o homem/mulher podem não serem fiéis ao cônjuge... (isso é o que eu compreendo)
agora se você já está errado, não vai de encontro com a teoria da castidade (ou seja faz sexo fora do casamento, é infiel) use camisinha e pronto... as pessoas costumam achar que a igreja deve se adequar a ela e isso não é verdade... nós temos que nos adequar e se não gostamos desta procuramos outra... embora ainda não encontrei fora do islã abertura para se ter vários parceiros... nem dentro do espiritismo que apoia o uso do preservativo...

as pessoas que seguem a risca o que a igreja manda, quando o assunto é castidade, não fazem parte do grupo de risco.

sobre a pedofilia somente no novo século a igreja está abrindo os casos e tem deixado os sacerdotes responderem por seus crimes... agora sobre o fato de eles retornarem ao sacerdócio, embora considero que deva vir da consciência do padre, a igreja não pode lhe fechar as portas se este se confessar arrependido é um dos dogmas da igreja a confissão dos pegados e perdão... lembram de dar a outra face... do perdão ensinado pelo Cristo???

embora eu seja uma pessoa bem critica eu analiso os fatos e as coerências daquilo que a igreja prega... não defendo de forma alguma os pedófilos, eles devem sim pagar pelo crime que fizeram e defendo uma lei diferente do presidiário comum, mas a igreja depois que estes são condenados e zeram as suas contas com a sociedade não podem lhes virar as costas... porque se não vai contra os ensinamentos do Cristo...
Agora cabe a nós exigirmos que o Estado seja laico, pois este não tem obrigação com os ensinamentos cristãos... mas com absolutamente todos os cidadãos...

eu, sinceramente, não espero que a igreja se modernize (pois perderá a sua essência), no entanto desejo um estado cada vez mais longe da religiosidade... um estado LAICOOOO para todos nós... um estado que defende o direito do cristão e do não cristão...
Anônimo disse…
Islamismo é uma bosta tb; é só nos países com ditaduras religiosas que eles são machos; mas no fim das contas todos os religiosos são inúteis
Anônimo disse…
Diferente do Islã, o catolicismo funcona como uma organização global, todos sabemos dos crimes do Islã e caberia aos países islâmicos tomarem uma providência.

Já, o caso do cristianismo, este é um problema nosso.
Anônimo disse…
Você está desinformado, a igreja ataca o uso de contraceptivos no mundo inteiro.

Em caso recente, ela foi contra o uso de contraceptivos no país mais desgraçado do mundo devido ao rápido crescimento populacional, as Filipinas, e, ela se refere à proibição em quaisquer casos, não apenas no caso de pessoas solteiras.

E, não existe esta de segue quem quer, quando esta igreja está com seus membros infiltrados dentro do governo, legislando.
Anônimo disse…
Estão aí grandes motivos para se parar de dar poder a instituições mequetrefes, que usam irracionalidades para comandarem a consciência de ignorantes.

Essas instituições, pelo poder divino que se colocam, blindam-se de tal forma (irracional) que não podem ser questionadas nem legalmente, mesmo que as acusações sejam absolutamente reais e importantes, para o bem REAL de todos.

Sandices autoblindadas, isso não é um mundo louco?