Na África, recomendação de Bento 16 contra HIV surpreende órgãos de saúde

A maioria das pessoas infectadas pelo HIV está na África (22 milhões de um total de 36 milhões em todo o mundo).

Por isso, já se esperava que Bento 16, em sua primeira visita à região, defendesse a abstinência como forma de combater a disseminação do vírus da Aids.

Mas o papa surpreendeu ao fazer uma afirmação que contraria levantamentos e estudos de organizações de saúde e de combate ao HIV.

Ele disse que a distribuição de preservativos — como ocorre em vários países, incluindo o Brasil — “piora o problema” da Aids.

Como? Ele não explicou.

Com informação das agências.





Papa Bento 16 está de malas prontas para o inferno

Jornal alemão levanta suspeita de que Bento 16 tenha protegido um molestador

Alemães acusam Bento 16 de crimes contra a humanidade

Bento 16 associa união homossexual ao ateísmo

Bento 16 diz que Dawkins é autor de ‘ficção científica’

Huffington Post publica que Bento 16 seria gay enrustido

Bento 16 sai do silêncio para dizer que pedofilia é ausência de Deus

Retrato de Bento 16 é feito por 17 mil preservativos coloridos

Tribunal decide não investigar Bento 16 por encobrir abuso

Escultura retrata Bento 16 como papa nazista e pedófilo

Atriz ganhadora do Oscar chama Bento 16 de 'papa nazi'

O diabo veste Prada e o papa Bento 16 também

Vaticano informa que Bento 16 não vai mais doar os seus órgãos

Ratzinger teme ser processado de novo por causa de pedofilia

Papa afirma que casamento gay ameaça o futuro da humanidade

Papa pede aos fiéis americanos reação ao secularismo



Comentários

  1. o papa diz isso porque tem tolos que o levam sério

    ResponderExcluir
  2. A falta de sexo faz as pessoas dizer essa bobagens. Creio que esse seja o problema do papa. Ele precisa relaxar, como disse a Marta Suplicy, relaxa e goza.

    ResponderExcluir
  3. o papa esta certo o sexo desenfreado levou a africa ao que em pouco tempo ira acontecer no mundo inteiro!!!

    ResponderExcluir
  4. o papa ta certo devemos nos disciplinar!!!

    ResponderExcluir

Postar um comentário


EDITOR DESTE SITE

Paulo Roberto Lopes é jornalista

profissional diplomado. Trabalhou

no jornal centenário abolicionista

Diario Popular, Folha de S.Paulo,

revistas da Editora Abril e

em outras publicações.

Contato