Pular para o conteúdo principal

Morre o cartunista Quino, que era um ateu que lia a Bíblia para se divertir

O cartunista argentino Quino (Joaquín Salvador Lavado Tejón) morreu hoje (30 de setembro de 2020) vítima de AVC. Tinha 88 anos.

Quino é o “pai” da Mafalda, cujas tiras foram publicadas em jornais de todo o mundo entre 1964 e 1973.

A personagem tem muito de Quino – contestadora, progressista, feminista, libertária e fã dos Beatles.

O cartunista era um leitor voraz. Ateu, ele lia com frequência a Bíblia para rir, encontrar “passagens divertidas”, de acordo com que disse em uma entrevista.

Em 1998, a Folha de S.Paulo lhe perguntou se acreditava em Deus.

Resposta: “Posso crer em Deus como nos fantasmas, nos gnomos. É uma legenda interessante.” 

Quino parou com
as tiras de Mafalda
para não se tornar
repetitivo


Com informação da Folha e de outras fontes.

Ateus brasileiros famosos

Ateus representam 0,1% nas prisões federais dos EUA

Bill Gates recomenda leitura de livro do ateu Richard Dawkins

Bellotto assumiu seu ateísmo por causa do fanatismo religioso

Brasil é um país difícil para os ateus, afirma o ator Duvivier

Ateu, Chico Anysio teve de enfrentar a ira de crentes

Brasil é um país difícil para os ateus, afirma o ator Duvivier

Ateia, Malu Mader afirma ter inveja de que tem fé

Philip Roth afirma que o mundo seria melhor se todos fossem ateus

Abujamra achava que religião é um dos males da humanidade

Da Vinci provavelmente era ateu, escreve autor de biografia

No Brasil, só 8% votariam em um ateu para Presidência, mostra pesquisa

Ateu desafia cristão a explicar por que Deus permite o mal

Gilberto Gil admite que é ateu: ‘Deus é uma invenção do homem’

Brasileiros acham que é preciso crer em Deus para ser bom

Comentários

  1. A prova de que Deus existe é Deus aparecer e falar diretamente aos ouvintes. Quem exige prova da existência de Deus não pode ficar lendo livros sobre Deus. Mas, em vez de Deus aparecer e falar, quem aparece e fala são os representantes de Deus, então os representantes de Deus deveriam ter os mesmos poderes de Deus.

    ResponderExcluir
  2. O argentino QUINO não foi só um ateu, caricaturista e desenhista insuperável , mas um pensador que apontava os absurdos , as tristezas e as alegrias cotidianas.
    Conforme o Jornalista Flávio Tavares , "direto e cortante como um punhal, tem a vantagem de não sangrar , vai direto ao coração, mas faz rir, e até, gargalhar com seu desenho irônico".
    E lembra muito, o brasileiro NANI que é capaz de expressar em desenhos irônicos apontando com seus traços imagens que valem por mil palavras!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Posts mais acessados na semana

90 trechos da Bíblia que são exemplos de ódio e atrocidade

Colégio adventista expõe réplicas de dinossauros em evento criacionista

Promotor nega ter se apaixonado por Suzane, mas foi suspenso