Pular para o conteúdo principal

Governo angolano avisa Brasil que problema com a Universal é interno

Às vésperas da viagem de uma comissão de parlamentares brasileiros a Angola, Francisco Queiroz, ministro da Justiça e Diretos Humanos daquele país, falou a deputados da Assembleia Nacional que a crise da Igreja Universal é “um problema interno”.

Pastores dissidentes angolanos anunciaram em 2019 rompimento com o bispo Edir Macedo, líder da Igreja, tomaram 30 templos em junho de 2020 e estão criando a Igreja Universal Reformada.

Eles acusam as lideranças brasileiras da igreja de irregularidades, como evasão de divisas, lavagem de dinheiro e imposição da vasectomia aos pastores. A Igreja nega.


O ministro Queiroz afirmou que “questões internas em relação à Universal não podem afetar o bom ambiente existente entre dois governos”.

Aliado político de Bolsonaro, o bispo Edir Macedo tem mobilizado o presidente, o Itamaraty e parlamentares brasileiros para pressionar as autoridades angolanas a resolverem logo o impasse.

Queiroz disse que os pastores brasileiros — o que inclui o bispo Honorilton Gonçalves, responsável pela igreja em Angola — “devem respeitar as leis angolanas”.

Com base em investigações do SIC (Serviço de Investigação Criminal), o equivalente no Brasil à Polícia Federal, autoridades governamentais têm afirmado que há fortes indícios da prática de crimes por parte da Universal.

A PGR (Procuradoria-Geral da República) abriu dois processos para esclarecer denúncias de pastores de lavagem de dinheiro. 

Pastores angolanos
acusam a Igreja de
lavagem de dinheiro


Com informação do Novo Jornal, de Luanda, e de outras fontes.




Bancos de Angola bloqueiam contas da Igreja Universal do Reino de Deus

Bispo rebelde da Universal de Angola revela como a igreja desvia o dízimo

Edir Macedo amaldiçoa angolanos que expulsaram pastores brasileiros de templos

Pastores da Universal em Angola acusam bispos brasileiros de desvio

Jornal de Angola diz que Igreja Universal impõe vasectomia a pastores

Universal tirou ilegalmente dólares de Angola, diz ex-bispo

Angolano diz que invasão de seitas ameaça cultura do país




Comentários

Emerson Santos disse…
Nossa ... Angola .. dando aula pro anão diplomático ... "Questões INTERNAS do país ..."

Posts + acessados hoje

Pregação criacionista abre evento científico da Universidade Federal do Mato Grosso do Sul

Robinho e Neymar se negam a ver crianças de lar espírita

90 trechos da Bíblia que são exemplos de ódio e atrocidade