Pular para o conteúdo principal

Reino Unido une-se à OMS para campanha global contra 'fake news' da Covid-19

O governo do Reino Unido e sua emissora nacional, a BBC, estão unindo forças com a Organização Mundial de Saúde para executar  uma campanha global de informações sobre a pandemia de coronavírus.

CAMPANHA QUER REDUZIR EFEITOS
DAS ''FAKE NEWS' NA PANDEMIA E
E DAR CRÉDITO ÀS AUTORIDADES

A campanha  Stop the Spread   (algo como 'Pare de Espalhar')  é destinada a combater "informações incorretas e falsas" sobre o vírus.  Será veiculada nos canais de televisão, sites e aplicativos da BBC World a partir deste mês de maio e durante junho.

De acordo com uma declaração da OMS, "a   campanha visa conscientizar o público que vê e lê a  BBC sobre os riscos de desinformação na Covid-19".

A ideia central  é incentivar leitores e espectadores a verificar  as informações de fontes não confiáveis ​​e promover  a OMS e as autoridades nacionais de saúde como fontes confiáveis ​​de informação e desconfiar de comunicados falsos ou duvidosos  distribuídos por redes sociais,

Trio de parceiros 


A BBC forneceu suas plataformas para esta campanha voluntariamente,  como parte de seu acordo de parceria com a OMS para ampliar a importância de mensagens precisas de saúde.

O governo do Reino Unido garantiu o financiamento da campanha e está liderando o engajamento de rastreamento.  Também vai fornecer um kit de ferramentas de campanha para os governos parceiros traduzirem e usarem em seus próprios países, para criar uma mensagem mundial unificada  em torno do surto de coronavírus.

A campanha reúne três poderosos parceiros para  minimizar o que está sendo chamado de infodemia (endemia de informações falsas)   sobre a Covid-19 e para romper uma série de  mitos sobre a disseminação do coronavírus e o tratamento da doença.


Com informações do The Guardian e OMS 




Comentários

Posts mais acessados na semana

Dona Religião é casada com sr. Atraso e têm vários filhos

Bolsonaro fica irritado com aprovação da CoronaVac que vai salvar vidas

Aprovação da CoronaVac significa duro golpe no bolsonarismo

90 trechos da Bíblia que são exemplos de ódio e atrocidade

Bolsonaro compra a novela 'Os dez mandamentos' da Record para a TV Brasil