Pular para o conteúdo principal

Bispos da França sugerem uso de ‘pais’ em vez de ‘pai e mãe’ no registro de batismo

Porta-voz disse que a
preocupação é não discriminar
 filhos de pais homossexuais

A Conferência Episcopal da França, a equivalente à CNBB no Brasil, enviou um comunicado às paróquias sugerindo a substituição de “pai” e “mãe” por apenas “pai” nos registros de batismo. 

Feito há um ano, o comunicado só agora foi noticiado, inicialmente pelo jornal bimestral católico L'Homme nouveau.

Autor do comunicado, o bispo Joseph Metz-Noblat, de Langres, em Haute-Marne, disse que a Igreja Católica da França continua considerando como família somente casais de homem e mulher, mas está preocupada em não discriminar filhos de união de pessoas do mesmo sexo.

Ele disse que batismos de filhos de casais homossexuais ocorrem com pouca frequência, mas a Igreja, sem qualquer julgamento moral, tem de se posicionar diante desta questão: “Como integrar as pessoas de minorias?”



"As crianças não podem ser responsabilizadas pela situação de seus pais."

Não há informação sobre quantas paróquias aceitaram a sugestão, mas pelo menos um bispo disse que as igrejas sob a sua jurisdição não vão alterar o registro de batismo.

O bispo Dominique Lebrun, de Rouen, que não faz parte do comando da Conferência Episcopal, disse que por enquanto os termos do certificado de batismo vão se manter inalterados.

Disse que consultou os padres de sua paróquia e a maioria acha que não seria prudente excluir o “pai” e a “mãe” do certificado.

Ele falou que o seu desejo é que “a filiação natural” seja valorizada, o que não impede que a Igreja acolha todas as crianças.

Com informação do Le Figaro e de outras fontes.





Igreja Anglicana deixa de citar Satanás na liturgia do batismo

Igreja dos EUA avisa ateus que batismo não pode ser desfeito

Ex-presidente da Irlanda diz que batismo de bebê é violar direitos humanos

Bebê morre afogado na pia de batismo, acusa família




Comentários

  1. Eh só substituir pai e mãe por responsáveis ... pronto ... e por 2 linhas ... ou 3 sei la .. Vai saber qtos pais vão aparecer ...

    ResponderExcluir
  2. Ae o cara barbudão vai ter que assinar no "mãe" para agradar a tara desses padres pedófilos?

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Editor deste site
Paulo Lopes é jornalista
Trabalhou no jornal 
abolicionista Diario Popular, 
Folha de S.Paulo, revistas da
Editora Abril e em outras 
 publicações. 
Contato