Bebê morre afogado na pia de batismo, acusa família

Padre tampou com a mão nariz e boca do nenê

Uma família de Moldávia acusa um padre da Igreja Católica Ortodoxa de ter matado o seu bebê durante o batismo. Nessa cerimônia, o sacerdote tampa com as mãos o nariz e a boca da criança para submergi-la na água benta.

A República da Moldávia é um pequeno país da Europa Oriental. Faz divisa com a Ucrânia e a Romênia.

O padre Valentin Taralunga teria sido negligente porque submergiu o bebê de um ano e meio na pia batismal por três vezes sem perceber que estava havendo um afogamento.

Exame médico constatou que havia água benta nos pulmões da criança.

O padre negou à polícia que tenha sido descuidado, mas a família argumenta que o vídeo (reproduzido acima) da cerimônia mostra que ele, nas submersões, não de tempo suficiente para o bebê respirar. As imagens foram mostradas em uma emissora de tv.

A polícia disse que ainda está investigando se de fato o padre foi o responsável pela morte da criança. Se ele for julgado como culpado, poderá pegar até três anos de prisão por homicídio sem intenção de matar.

Com informações da BBC Brasil e agências internacionais.





Ateu faz cerimônia de ‘desbatismo’ com secador de cabelo
julho de 2010

Bizarro.    


Comentários

Anônimo disse…
Imbecilidade deste padreco infeliz!
Anônimo disse…
idiotice desses adoradores de um deus inexistente!
Anônimo disse…
Stalin, um dos líderes do ateísmo mandou matar dezenas de milhões de pessoas.
E não foi descuido.
Foi ação consciente.

Todos deveriam tomar cuidado para não errar em questões de vida.
É horrível.

Mas alguns, pregadores da inexistência de Deus, cometeram faltas muito mais graves.
Anônimo disse…
É ridículo botar a culpa na religião.

Em todas as profissões existem falhas terríveis, por imprudencia, imperícia, engano, de alguns profissionais.

Isto não torna as profissões culpadas, pois elas continuam sendo úteis.

Por exemplo um médico.

O caso é de lamentar muito.

Mas chega de preconceito. É ridículo.
Cecília disse…
Pôxa,fiquei tão triste com esse fato.O que era para ser um momento de alegria para os pais se tornou uma tragédia.Se foi a agua benta que sufocou a criança o padre foi imprudente,mas não creio que ele tenha feito com a intenção de matar.Uma verdadeira lástima.
Bjos
Anônimo disse…
Ai, ai... Mais uma vez vêm esses imbecis se pronunciarem que o comunismo é um movimento com base no ateísmo.
Anônimo disse…
E sinceramente sobre a matéria, esse povo burro tem é mais que se fuder mesmo. Para largar de ser otário.
O que mais me dá raiva nisso tudo, é que a criança inocente, teve que pagar pela imbecilidade dos pais.
Será que não perceberam ainda que esse lixo chamado religião, só faz mal ao mundo.
Theo Guedes disse…
O Anonimo que falou do Stalin lá, devia ler isso aqui ó

http://www.examiner.com/atheism-in-birmingham/refuting-the-myth-that-hitler-stalin-and-pol-pot-were-atheists

Stalin, lider do ateísmo... sei... senta lá, Cláudia.
Lyvinhah! disse…
Eu ri. Eu tb odeio o stalin mas WTF tem ele com isso, gente????????????
Frederico disse…
O fato de Stalin ter matado pessoas sob livre e espontânea vontade não justifica nada e não tem nada a ver com isso. Pára de fugir do assunto, guri.
Edu Amâncio disse…
realmente, nao eh nada o qual se deve atribuir culpa a religião em específico pelo erro de um padre. As vezes fico surpreso quando estou com alguns amigos, que assim como eu são ateus, e reclamam da intolerância dos religiosos e não demonstram o devido respeito às religioes.
Tiago Pereira disse…
Caro "Anonimo"...
Primeiro, de onde você tirou a idéia de que Stalin era ateu? Deveria ler um pouco mais.
Segundo, sim, um médico que causa a morte de um paciente por descuido é culpado e deve pagar, mas partimos do princípio que antes de cometer este erro que causou a morte, ele estava tentando causar exatamente o contrário, ou seja, salvando a vida.
Já o padre, neste caso, estava fazendo o que??? salvando a alma da criança com o batismo??? Ahhhh tenha dó!!!! Este padre deveria pegar prisão perpétua por ter matado um bebê... e os pais também, por permitirem.
fernando molina disse…
"Exame médico constatou que havia água benta nos pulmões da criança."
Gostaria de saber que exame médico é esse que é capaz de dizer que a água que estava nos pulmões da criança era água benta.