Mais uma cidade atropela Estado laico com imposição da Bíblia aos estudantes

Prefeito e vereadores de
 Campina Grande (PB) fazem
proselitismo religioso em vez
de administrar a cidade

Autoridades de mais uma cidade resolvem fazer proselitismo cristão em vez de cuidar do que importa, o bem estar da comunidade.

Desta vez é a Campina Grande, cidade de 400 mil habitantes de Paraíba.

A Câmara dos Vereadores aprovou e o prefeito Romero Rodrigues (PSD) sancionou lei que impõe a leitura da Bíblia nas escolas públicas e particulares.

A lei é inconstitucional porque o Estado brasileiro é laico, ou seja, não pode se envolver com qualquer religião, mesmo a majoritária.

Espera-se que o Ministério Público de Paraíba faça o que se espera nesse caso: pedir à Justiça que derrube logo essa excrescência, antes que entre em vigor, em 60 dias.

Os vereadores e prefeito, com certeza, nunca leram a íntegra da Bíblia, porque ali é um deus violento e assassino.

Seguem alguns links para que essas autoridades se informem melhor.

3,89% do texto da Bíblia propagam violência e ódio; Corão, 8,85%

Bíblia relata seis casos de incesto, veja quais são

Alunos devem ler a Constituição, e não a Bíblia, afirma professor

Nove trechos da Bíblia que fazem apologia da tortura

Na Bíblia, Deus matou 2,5 milhões de pessoas; Satanás, 10

Com informação do Jornal da Paraíba e da Bíblia.



Estado laico coloca a religião na esfera privada e impede que ela seja usada pelo governo

Príncipe brasileiro defende estado laico e diz que conversão de indígenas é crime

Prefeito tenta cumprir Estado laico, mas pais exigem oração nas escolas

Vereadora defende Estado laico ao se recusar a ler a Bíblia





Comentários

  1. Parabéns ao prefeito, estamos em guerras constantes aqui no Brasil justamente por faltar Deus nas escolas, talvez se a palavra de Deus fosse proclamada em tudo o que se faz não existiria mais satanistas no mundo, vindo com abortos e ideologias de gênero e morte e destruição. Parabéns novamente ao prefeito pela atitude.

    ResponderExcluir
  2. Se os Cristãos tomassem veneno como está escrito em Marcos 16:18 e morressem, não haveriam mais Cristãos na face da Terra.

    "17.Estes milagres acompanharão os que crerem: expulsarão os demônios em meu nome, falarão novas línguas, 18.manusearão serpentes e, se beberem algum veneno mortal, não lhes fará mal; imporão as mãos aos enfermos e eles ficarão curados”."
    São Marcos, 16 - Bíblia Católica Online

    Leia mais em: https://www.bibliacatolica.com.br/biblia-ave-maria/sao-marcos/16/

    ResponderExcluir

Postar um comentário

EDITOR DESTE SITE

Paulo Lopes é jornalista profissional diplomado. Trabalhou no jornal centenário abolicionista Diário Popular, Folha de S.Paulo, revistas da Editora Abril e em outras publicações. WhatsApp de contato.