Igreja pune pastora por ‘conduta imoral’ por ter sido estuprada


Igreja acusou a
 pastora de  não ter
 reagido à violência

Os responsáveis por uma igreja dispensaram uma pastora sob a acusação de “conduta imoral” por ter sido estuprada por um fiel e, segundo eles, não ter reagido. A pastora nega. Ela foi afastada de todas as atividades da igreja, incluindo sua participação em um grupo de capelães de um hospital.

A pastora recorreu à Justiça do Trabalho com o pedido de uma retratação e o pagamento de indenização por danos morais.

À Justiça, um representante da igreja confirmou que o motivo da dispensa foi o estupro. Argumentou que, se a mulher dele fosse atacada, ela gritaria e chutaria o estuprador, “como qualquer outra mulher faria”, conforme consta nos autos do processo.


A primeira instância decretou que a ação da pastora é improcedente, e ela recorreu ao TRT (Tribunal Regional do Trabalho) da 15ª Região, com sede em Campinas (SP).

O TRT reformou a sentença e determinou que a igreja pague uma indenização. Como a ação corre em segredo de justiça, não há informação sobre o valor da indenização nem sobre o nome da igreja. Ainda cabe recurso.

Para o escritório de advocacia Cremasco, de Campinas, a igreja "não poderia praticar o linchamento moral da pastora", execrando-a publicamente. "Ela deveria ter oferecido apoio moral à vítima."

Com informação do escritório de advocacia  Cremasco.


Igreja evangélica regional alemã assume que apoiou o nazismo

Evangélicos adotam nomes esdrúxulos para novas igrejas




Perua gospel diz que quem usa sua grife é ‘escolhida por Deus’

A responsabilidade dos comentários é de seus autores.


Comentários

Anônimo disse…
RESUMO

O MEIO CRENTE tá igualzinho ou pior que o Católico :

´´Uma putaria´´ !!!!

´´ Religiões são como vagalumes só brilham onde há escuridão´´
Anônimo disse…
A pastora foi punida porque não reagiu e não deu a chance para o marketing evangélico louvar a sua posterior ressuscitação durante o culto.
Anônimo disse…
um dia as mulheres sentirão orgulho de nunca ter contribuído em nenhuma linha sequer desse livro imundo.
Glaucia.Rezende disse…
Triste, realmente triste. Cristo não faria isso, tenho certeza.

Aliás, Jesus Cristo repudiava os religiosos da época (Fariseus, Saduceus, Escribas da Lei)

Hoje os evangélicos do Brasil envergonham!

Mas, ainda existe muita gente do bem, que busca a Deus com sinceridade e vive o que diz (amar ao próximo como a si mesmo).

Amor sem é ação é frustração.

Abraços e de olho nos charlatões!
Joice disse…
Da pra notar como a religião que eles pregam ta dentro deles.
Anônimo disse…
O curioso é constatar que eles apenas foram +- coerentes com o que a Bíblia diz sobre mulheres estupradas (que teoricamente não pedem socorro). A total coerência, entretanto, culminaria em apedrejamento.
E como tem gente que acredita nas balelas escritas nesse livro maldito...
Anônimo disse…
Religião é a involução dos seres humanos e mesmo das intelecções humanas.
Ela disse…
Ué, o estuprador era crente? O Datena não vive falando que estupro é coisa de gente sem deus no coração?
Anônimo disse…
tu ta louco livro maldito isso porque vc deve ser burro alias vc é muito burro e sem nehum conceito certo este livro é nossa espada nos dias de hj jesus ta voltando eu nao sou evangelico mas sou cristao maldito é vc eo resto de sua geraçao
Vinícius disse…
É por essas e outras que eu não tenho religião.
Anônimo disse…
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse…
Sim, isso só prova o quando maldito é essa tal de biblia....parem de venerar deus falso, tão imperfeito como nos e converta-se ao Hinduismo...
Anônimo disse…
Na gibíblia a figura feminina é desfigurada e renegada.Um cavalo vale mais do que uma mulher no livrinho dos remidos e ungidos eleitos do ser imaginário.
Anônimo disse…
Bizarro e demente, sério.
Edson Cerqueira disse…
Permitam-me fazer uma pergunta: Por que o aluno tira notas baixas em História? Responda: é porque a História está errada ou o aluno não tem conhecimento? Senhores "anônimos", a Bíblia é o Livro de Deus, se os homens não têm conhecmento para interpretá-lo é outra história...
Edson Cerqueira - SE
Anônimo disse…
Eu acredito em Deus e ele nunca me faltou, mais em religião e nos homens,nunca!
Cadu disse…
Ué, mas o pastor só seguiu o que está escrito na Bíblia, é pecado um cristão usar a Bíblia? Detalhe que pela Bíblia a estuprada teria que ser morta pois está na cidade e não gritou para pedir socorro, ou seja, é considerado que ela "se deixou estuprar"! Se vocês cristãos estão negando seu livro sagrado então porque continuam sendo cristãos?
Anônimo disse…
Vcs já ouviram falar de falsos crentes? Nem todos que frequentam igrejas evangélicas são crentes de verdade. E são esses falsos crentes que o diabo usa pra manchar a imagem de Cristo, existem muitas igrejas falsas mas existem também as verdadeiras, então não queiram generalizar as coisas. Satanás usa pessoas da própria igreja, pois será mais difícil ser descoberto e mais fácil de enganar as pessoas, mas os verdadeiros seguidores de Cristo não se deixam ser enganados.
Dá pra ver que nos dias atuais as pessoas estão se afastando de Deus, pois a igreja está sendo alvo de inúmeros escandalos, o inimigo trabalha bastante pra ganhar seguidores e tenta difamar a vida daqueles que realmente seguem a Jeus Cristo.
Anônimo disse…
Que Jesus tenha misericórdia desse povo ingrato!
Anônimo disse…
Cristão que não sabe usar pontuação! Até se tu realmente lesse a bíblia, conseguiria escrever melhor.
Leonardo Penha disse…
A questão é que existem vários livros de história. Por que o seu estaria mais certo que o de outros?
Anônimo disse…
Olha a falácia do escocês aí, gente!
Anônimo disse…
História sempre foi minha disciplina favorita nos tempos de colégio e eu sempre tirei boas notas nela, seu argumento é inválido.
Isapinheiro disse…
Engraçado que o cara que estuprou continua na igreja, como se a culpa fosse dela e ele estivesse apenas fazendo o papel dele de "estuprador". Odeio o machismo que é pregado pelas religiões, como se os homens fossem Deus e a mulheres só tem o papel de serem submissas a eles.
Anônimo disse…
Tava demorando: A tradicional, batida, incansável e desgastada falácia do escocês. hahahaha \o/
Anônimo disse…
Gláucia...

Absolutamente TODOS são charalatões, eu tenho pena e vergonha de mulheres que se envolvem com religiões que as tratam como seres de segunda categoria, é como se concordassem com esta misoginia institucionalizada.

Buscar a um deus, se você acreditar que este exista é ok, não causa danos a ninguém, mas, apoiar a religião organizada é um ato de covardia e estupidez moral e intelectual.
Sirlene disse…
Este comentário foi removido pelo autor.
Júlio disse…
Edson Cerqueira essa eu te respondo com muito gosto. O aluno tira nota baixa em história essencialmente (claro q existem outros q não vai importatr aqui) por dois motivos:

1- Não teve interesse e não estudou como deveria;
2- O professor era irresponsável e não passou o conhecimento devidamente;

Levando essas hipóteses de forma análoga ao caso da bíblia, temos que:

1- A bíblia não é estudada por aqueles que não têm interesse em estudos ou leituras (99,9% dos religiosos);
2- Os professores são irresponsáveis e não passam o conhecimento como deveria (100% dos líderes religiosos).

Aí dá no q dá!

Obs.: a bíblia não tem nada de deus algum. Ela é fruto da criatividade humana na tentativa primitiva de explicar a realidade.
Anônimo disse…
Jesus Cristo é tão real quanto a lenda da Fada do Dente, o Saci-pererê, Papai-Noel ou as fantasias mirabolantes e delirantes de uma mente louca. Os seres humanos são absolutamente independentes e são os seus próprios mestres em todos os sentidos. Não existe nenhum poder superior para protegê-los, não existem espíritos guias, não existe Jesus Cristo, nem existem Deuses, nem santos, nem anjos da guarda, e nem quaisquer outros arquétipos e similares. Todos e cada um desses personagens é o produto de religiões e seitas, inventadas e criados para desviar os seres humanos do caminho da Verdade Verdadeira, e para fazê-los acreditar que, como seres humanos, que não são auto-suficientes, mas sempre dependentes de poderes superiores.
Profeta Verdadeiro Billy Meier.