Casal Renascer vai pegar 140 dias de cana nos EUA

Casal escondeu dinheiro na Bíblia
O apóstolo Estevam e a bispa Sônia Hernandes, donos da Igreja Renascer em Cristo, vão ter de ficar presos 140 dias em uma prisão de Miami.

Por tentarem entrar no dia 9 de janeiro deste ano nos Estados Unidos com U$ 56 mil não declarados (parte do dinheiro estava em uma Bíblia), eles foram condenados hoje a cinco meses de prisão domiciliar e a cinco em prisão fechada, descontando-se os 10 dias que já ficaram atrás das grades.

Além disso, por dois anos vão ter de ficar em liberdade condicional, sem poder sair dos Estados Unidos. Cada um deles vai ter de pagar multa de US$ 30 mil.

No Brasil, há contra o casal processos por lavagem de dinheiro, formação de quadrilha e estelionato. Mas aqui, quando voltar, o casal dará um jeito de se livrar da cadeia.

O Portal Estadão informa que a Justiça americana atendeu ao pedido do advogado do casal para que Estevam cumpra sua pena na cadeia a partir da próxima segunda-feira até 20 de janeiro de 2008 e a Sônia, a partir do dia 21 daquele mês.

Tal revezamento é para que eles possam cuidar dos filhos.

Depois de tudo, é possível que os dois escrevam um livro sobre seus dias de cana nos EUA e ganhem um bom dinheiro.

Atualização às 21h14min: sites e o Jornal Nacional informam que Estevam e Sônia custaram a acreditar na condenação. Sônia perguntou ao juiz se eles iam mesmo ficar presos. O juiz Federico Moreno disse que sim. Os dois choraram e pediram "misericórdia" diversas vezes.

Caso Igreja Renascer.

Comentários

-------- Busca neste site