Paulopes

Religião, ateísmo, teoria da evolução e astronomia

quarta-feira, 11 de maio de 2016

Ateus reagem ao preconceito manifestado pela filha de SS

A Atea, associação que representa ateus e agnósticos, vai recorrer à Justiça e ao Ministério Público contra o preconceito manifestado por Patrícia Abravanel em relação àqueles que não acreditam em Deus. A informação é da jornalista Mônica Bergamo.

A filha de bilionário
afirmou que ateus só
querem saber de dinheiro
Na noite de domingo (8), no quadro "Jogo dos Pontinhos" do programa em rede nacional de Silvio Santos, seu pai, a apresentadora disse ser contra os ateus porque “a gente fica muito miserável quando não acredita em Deus”. [ver vídeo abaixo.]

Filha do bilionário dono do SBT, Patrícia afirmou que ateus só ficam “pensando em dinheiro, nas coisas mais materiais”.

Acrescentou que “acreditar em Deus eleva a gente espiritualmente, deixa a gente mais alegre com as coisas que a gente tem, mas contente. Então eu sou contra sim [em quem não acredita em Deus]. Acho que todo mundo deve acreditar.”

A evangélica Patrícia repetiu, assim, o beabá dos preconceituosos que associam valores negativos a quem não “tem Deus no coração”, como se, para ser bom, fosse necessário crer em Deus.

A opinião da Patrícia em relação aos descrentes foi endossada por outros participantes do programa.

Antes, no mesmo programa, ela já tinha revelado (na verdade, confirmado) que é homofóbica.

Disse: “Não sou contra o homossexualismo [sic], mas sou contra falar que é normal”.

Na mesma noite, ela foi um dos assuntos em destaque no Twitter.

No dia seguinte, diante da repercussão, Patrícia pediu desculpas em relação ao que falou sobre o relacionamento entre pessoas do mesmo sexo, alegando que tinha sido mal interpretada.

Em relação aos ateus, a apresentadora manteve sua opinião.

"Ateus só pensam nas coisas mais materiais"

video






Com informação da Folha e de vídeo do Youtube.
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...