Pular para o conteúdo principal

Embrião tem alma, dizem antiabortistas. Mas existe alma?

por Hélio Schwartsman
para Folha 

Se a alma existe, ela se instala
 logo após a fecundação?
Depois do festival de hipocrisia que foi a última campanha presidencial, com os principais candidatos se esforçando para posar de coroinhas, é quase um bálsamo ver uma autoridade pública assumindo claramente posição pró-aborto, como o fez a nova ministra das Mulheres, Eleonora Menicucci. E, como ela própria defende que a questão seja debatida, dou hoje minha modesta contribuição.

O argumento central dos antiabortistas é o de que a vida tem início na concepção e deve desde então ser protegida. Para essa posição tornar-se coerente, é necessário introduzir um dogma de fé: o homem é composto de corpo e alma. E a Igreja Católica inclina-se a afirmar que esta é instilada no novo ser no momento da concepção. Sem isso, a vida humana não seria diferente da de um animal e o instante da fusão dos gametas não teria nada de especial.

O problema é que ninguém jamais demonstrou que a alma existe e muito menos que se instala no embrião quando da fecundação do óvulo.

Na verdade, é difícil conciliar a noção de alma com o que sabemos de biologia. Um bom exemplo é o fenômeno da gemelaridade. Gêmeos monozigóticos (idênticos) se formam entre um e 14 dias depois da fertilização, quando o embrião sofre um desenvolvimento anormal dando lugar a dois ou mais indivíduos com o mesmo material genético.

A alma, é claro, já estava lá. Cabem, assim, algumas perguntas. Ela também se divide, ou outras almas surgem para animar os demais irmãos? De onde elas vêm? Quem fica com a "original"? E, se gêmeos partilham a mesma alma, como fica o livre-arbítrio? Se um irmão peca, leva o outro ao inferno? Ou a alma boa prevalece sobre a má, carregando para o paraíso uma ovelha negra?

Se é a noção de alma que sustenta teologicamente a oposição ao aborto, no plano biológico ela só cria confusão. Façam suas escolhas. Eu fico com a biologia.






Dilma quebra acordo com religiosos ao nomear ministra abortista
fevereiro de 2012

Ciência versus religião.


Comentários

  1. Argumento totalmene pseudo-científico e fraco!

    Uma óvulo fecundado não é uma pessoa.

    Olha, que dureza esse pessoal que adora mitos e lendas do deus de Abraão.

    Até o 3º mês, nem sistema nervoso o feto tem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pelo jeito você escreve muito mal e não entendeu o texto. Até porque o seu comentário é constituído de frases soltas. Estamos falando sobre o uso da ideia de alma que os religiosos usam para se opor ao aborto e não estamos discutindo sobre a relevância da existência de sistema nervoso sobre a alma.
      Você, Avelino Bego, afirmou que um óvulo fecundado não seria uma pessoa e, na última linha, disse que até o 3º mês o feto não seria dotado de um sistema nervoso. Isso seria um exemplo de argumento científico e forte?

      Bom, fato é que sua ideia é bem próxima daquela que tenho. Mas de qualquer maneira, a sua argumentação foi fraca, e pseudo-científica (afirmar que óvulo fecundado não seria uma pessoa - foi a ciência que disse isso, ou é da sua cabeça?).

      Excluir
    2. Não estou afirmando que alma tem relação com sistema nervoso.

      E eu nem discuto o conceito de alma porque isso pertence à lendas e mitos.

      E, até o 3º mês, não há sistema nervoso, portanto, não há nem mesmo a possibilidade do embrião sentir dor.

      Se você ler um livro de biologia do primário verá que acreditar que um óvulo recém fecundado é uma pessoa, é um erro.

      Minha preocupação com um feto atingir o 3º mês seria que; sem sistema nervoso, não haveria como o feto sentir algo similar à dor.

      Excluir
    3. Eu considero pseudo-ciência acreditar que UM ÓVULO RECÉM FECUNDADO TEM ALMA!

      Alma é um conceito de lendas e mitos.

      Eu considero pseudo-ciência quem acredita nisso e quer evitar o aborto nessas condições.

      Excluir
    4. É, minha resposta parece mesmo que estou contra o texto do post, quando, na verdade, estou contra a ideia de que os óvulos recém-fecundados tem alma.

      Excluir
    5. Avelino, vc não me conhece, pode fazer as idéias que quiser sobre mim...mas como explicar o fato de eu, e tantas outras pessoas, praticarem a projeção astral? (se não sabe do que se trata, joga no google que ele te explica). Se o homem é tão falho, por que "achar" que apenas a atual ciência basta e é auto-suficiente? Cuidado ao generalizar e dizer que "alma" (não usaria este termo)é conceito de mitos e lendas: ela pode estar dentro de lendas sim (e realmente está), mas ela também pode ser real, tão real como o por do sol(isto é, faz parte da natureza). Claro que os argumentos da ICAR são pífios; mas também é claro que se o aborto ser realizado com o endosso do estado só porque os pais não querem um filho naquele momento é um retrocesso social.

      Excluir
    6. A questão imprescinde absolutamente que o feto possua ou não alma, e que esta inexista ou possa embora sem "comprovaçao científica " existir. Eu particularmente já acho um absurdo que a intrusão indevida de pessoas especializadas em computadores, estejam agora a querer nos ensinar conceitos e categorias. Principalmente quando lidamos com elas há mais de 25 anos na mesma área do conhecimento. Decorar as classificações lógicas em latim acerca dos silogismos pode parecer pomposo e solene, quanto ridículo, pedante, pernóstico e afetado. Qualquer aluno meu poderia fazer isso, desde que tivesse lido "As 48 formas de Schoppenhauer", ou aquele site do internauta pseudo-filósofo, que ensina vencer debates na internet, com ou sem razão. Qualquer acadêmico de 3o. semestre de direito já sabe, e detecta um troll em menos de meio minuto; que "pessoa " é um conceito indefinível pela biologia. O direito define a pessoa da concepção até à morte, pois é FILHO de cidadãos, portanto, um ser pleno em capacidades juridicas, sujeito de direitos. O que o Estado não tem nem pode é transformar o direito de vida em direito de morte; pois inexiste tal direito. Isso não é "argumentum ad ignorantiam" misturado com poesia barata. Isso é graduação, 2 pós-graduações, um mestrado e um doutorado na mesma área, com avaliações bem mais pertinentes e autorizadas, que a de uma pessoa leiga em ciência jurídica e social. Quando você chegar no meu nível de poesia e literatura, você estará muito bem!

      Excluir
    7. Se alma for definida como "O resultado de uma programação que começa na genética do ser e termina na morte do indivíduo", sim, um embrião fecundado tem alma. Agora, se definirmos alma como sendo "a primeira formação lógica baseada em neurônios", bom, a "alma" passa a existir a partir da formação deste primeiro neurônio. Se definirmos que "alma não existe", então somos um monte de células vivas, colaborando entre sí para permanecer nesta condição. Meu argumento com base na ciência (e para as pessoas refletirem, caso leia este post): Um computador não passa de um monte de transistores semicondutores executores de instruções lógicas, é o que ele faz o tempo todo. No entanto, quando um gamer está em um ambiente 3D, ou quando um artista compõe uma música no computador e gera o audio resultante, ou ainda, quando um designer cria uma forma, eu tenho certeza de que ele não compartilha da opinião de que aquilo que ele gerou "Não passa de um monte de bits '1's e '0's ". (ah, esse é o meu argumento de (ainda) "religioso" e "Cientista", em busca de respostas. Por clebermag.

      Excluir
  2. Mas, vamos ver se meus dons de profeta estão funcionando!

    Como será os argumentos dos religiosos?

    ( ) Eles vão citar a Bíblia?
    ( ) Vão dizer que Stálin era ateu?
    ( ) Outro. Diga qual: __________________

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ( X ) Outro. Diga qual: Vão dizer que Mao-Tse Tung era ateu.

      Excluir
    2. N.d.a. Luiza voltou do Canadá!

      Excluir
    3. Putz! É mesmo! Esqueci da Luiza!!!!

      Excluir
    4. (X) Outro. Diga qual : 1 - só Deus pode dar e tirar a vida. 2 - que pró-abortistas são assassinos de sangue frio que não dão valor algum a vida humana . 3 - vão dizer que aborto é uma abominação de ateus materialistas e ativistas gays (eles nunca perdem a oportunidade de por a culpa nos homossexuais). 4 - apontar consequencias absurdas : a/ as mulheres vão sair abortando adoidado b/ Deus irá castigar os cristãos que não impedirem esta tragédia c/ o aborto irá barir portas para a pedofilia (incoerencia e religião andam de mãos dadas).

      Excluir
    5. Boa mesmo!!! [2] Sofrimento é vc ver um bebê q fica anos em um orfanato não podendo ser adotado pq é necessario a autorização de uma mãe drogada por exemplo. Caso ele não tivesse nascido não teria sofrido tanto. e nossa quantas almas são fabricadas no mundo pq o tanto de gente q tem nascido tá de fuder DD:

      Excluir
    6. O mundo já possui bilhões de pessoas, não é preciso nascer mais gente, a não ser que nasçam o super-homem e a supergirl.

      Excluir
    7. Ótimo, então paremos de transar!!!!

      Excluir
  3. Seria o mesmo que eu dizer pra não desmatar as florestas porque as árvores tem uma alma que sangra quando é cortada e que as árvores sente dor. E querer que todo mundo aceite isto só porque eu estou dizendo . Eu sou ateu e não sou tão a favor do aborto a não ser em caso que representa riscos de morte para a mãe , mais tem mulheres decididas a abortar e neste caso é melhor que seja liberado , quem lida com saúde deve ter os dados de mulheres jovens que morrem por abortarem .Com certeza estas mulheres vivem um drama até a hora do aborto ilegal e suas morte prematura elas precisam de ajuda e o governo não pode ficar em cima do muro , tem que ajudar estas mulheres de algum jeito :-(

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pra mim, o aborto só teria validade ANTES do 3º mês, porque até esse período de gestação o feto não tem o sistema nervoso completo.

      Sem sistema nervos, sem cérebro e sem dor.

      Excluir
    2. Quando os leões caçam as zebras, eles não estão preocupados com a dor da zebra, os leões foram programados para caçar a zebra.

      Excluir
    3. As estupradas que engravidam? como não correm risco de morrer devem parir o filho do monstro que as matou EM VIDA?

      Pois em tais casos sou a favor que abortem, caso queiram, em qualquer fase da gestação e não só até o terceiro mês. Muitas só descobrem a gravidez, até pelo trauma que sofrem, muito tempo depois disso. Em se tratando de pessoa deficiente mental, então, deve ser a regra: só se são conta no parto...

      Abortar, certamente, não é como tirar as cutículas. Nunca passei nem perto de ter de fazer um. É processo doloroso em todos os sentidos, ninguém faria isso cada vez que engravidasse, tipo transa sem cuidados ( ambas as partes!) e tudo bem depois eu tiro...Não é assim que funciona, nem é isso que se defende. Mas se ela quiser correr os riscos de tirar em a casa gravidez...
      O que não pode é obrigar uma mulher a ter o filho que ela não quer ter ou não pode criar. O que está em jogo e quase não se debate é a recusa de certos grupos, incluindo mulheres, em perder o poder sobre o corpo alheio, de terceiros. Desconfio, à vezes, que o mimimi todo de 'criancinha inocente e piriripororó' e pra acobertar essa milenar prática de manter a mulher submissa, como sendo coisa com donos, sejam maridos, pais, irmãos, padres, e quejandos.

      Uma arbitrariedade da 'mãe natureza' nos fez vivíparos com fecundação interna na fêmea da espécie que tem o dever anexo de gerar e parir. Não foi escolha, foi imposição da natureza. Mais sorte tiveram os que botam ovos e se não são chocados e servem, mesmo fecundados, de comida a outros bichos, ninguém condena porque não estão sujeitos ao pentelhismo da 'cultura' e dentro desta das leis, das religiões e de outros dados culturais. Parece mesmo praga divina, mas é só acaso no processo evolutivo, as fêmeas de muitas espécies, ainda mais mamíferos, são as que morrem na reprodução; os machos não morrem nunca por isso. Baita azar o nosso. Já deixei o pedido pronto, caso haja reencarnação, quero vir em outra espécie, hipocampo de preferência. Ou uma outra que só bote os ovos e o macho que choque e crie hehehe :)

      Essa pendenga vai acabar quando a reprodução for mesmo escolha e puder ser feita toda de forma controlada, sim, pega o sptz do maridão e o ovulozinho colocado lá na poupança congelada do banco de reprodução, junta e manda pra uma encubadora, visitas liberadas pros futuros papis do pimpolho. Deixa o sexo tradicional para a parte boa que é diversão e expressão de sentimentos, sem nada de reprodução. Até lá, não adianta, vai ser mimimi de religioso ou de cientista de falsa ética, saudoso dos tempos em que os homens davam as cartas com a ajuda da natureza e mulher se submetia porque depois de prenha, danou-se ou danava-se.
      Já se pode escolher menstruar ou não, coisa impensável até poucos anos atrás, nossas mães e avós que o digam. Controle sobre ovulação já temos e é rotina, para chegar ao que citei acima, reprodução programada, falta um tantinho ainda e não é a ciência que está atrasada, ela está é sendo emperrada de avançar pelos berros dos resistentes que sentem o poder e o controle escorrendo-lhes das mãos.
      Que o futuro com ajuda da Ciência nos seja mais venturoso do que foi nosso caminho até aqui ditado pela natureza ingrata da qual os homens bem souberam tirar partido...Daqui pra frente é em pé de igualdade ou nada feito. Se quiserem e acharem lindo engravidar e parir, podem usar a Ciência pra isso e não será difícil porque há centenas de casos de gravidez abdominal, for o útero. Basta aperfeiçoar o processo que a 'natureza' permite acontecer, mas é lerda pra fazer em grande escala...

      Excluir
  4. Estudante Bíblico Constitucional12 de fevereiro de 2012 22:09

    Como é que havia o tempo, antes da existência dos planetas?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Simples filho, o tempo so existe com a existencia da materia. Sem a materia nao existe tempo, haja vista que a propria gravidade consegue modificar o tecido espaço-temporal. Nao havia tempo antes da singularidade do bigbang. Ou melhor nao havia nem o tmepo antes do big bang, e claro nao poderia nisso nem haver um deus antes, pois nao havia um antes.

      Excluir
    2. Estudante Bíblico Constitucional12 de fevereiro de 2012 23:59

      Mas o tempo é baseado na rotação de planetas e da translação em torno do sol.

      Excluir
    3. Er, não. Isso é a forma que nós usamos para *contar* o tempo de forma cíclica (justamente porque a rotação do planeta é um movimento cíclico).

      Mas os físicos consideram atualmente que, para que o tempo de fato exista, basta que exista transformação no estado do universo. A "unidade de medida" atualmente usada para calcular esse estado se chama "entropia".

      Quando o universo era o próprio big bang, por exemplo, não existiam estados distintos para os quais o universo pudesse evoluir, pois ele era apenas uma singularidade (um ponto adimensional) sem qualquer outra característica. O tempo só passa a existir mesmo com a expansão do big bang.

      Excluir
    4. Estudante Biblbico Constitucional, o tema da noticia não é esse. Se está em duvidas em relação a sua fé e ciência, procure fóruns e formsprings.

      Excluir
    5. Estudante Bíblico Constitucional13 de fevereiro de 2012 23:34

      Considerando o questionamento sobre quando existe a vida no embrião, esse quando é algo referente ao tempo, o mesmo vale para quando surgiu Deus, por isso pensei em estudar o conceito de tempo.

      Excluir
    6. Vai estudar Direito direito, rapaz. Quando descobrir quando surgiu Brahma, vai estar na sua quinta reencarnação...

      Excluir
    7. Estudante Bíblico Constitucional14 de fevereiro de 2012 00:07

      Como estudar Direito? Fazendo perguntas ou decorando textos sem perguntar coisa alguma?

      Excluir
    8. Primeiro, estudando Direito, não conto de fadas.
      Segundo, fazendo pergunta coerentes

      Excluir
    9. Estudante Bíblico Constitucional15 de fevereiro de 2012 11:17

      O texto do Direito também se refere ao conto de fadas, pois os deputados se sentem protegidos por Deus, mesmo dizendo que todo o poder emana do povo.Ora, já que todo o poder emana do povo, a proteção tem que vir do povo.

      Excluir
    10. Estudante Bíblico Constitucional15 de fevereiro de 2012 12:15

      Ora, se não existe resposta para uma pergunta, basta não responder ou dizer que não sabe. Por que o planeta não é quadrado?

      Excluir
  5. A Bíblia considera como alma, o corpo e como espírito o fôlego.

    Primeiramente vamos ver o que significa alma e espírito...Gênesis 2:7. “formou o SENHOR Deus o homem do barro (Corpo) e lhe soprou nas narinas o fôlego (espírito).”

    Vamos aos textos Bíblicos que relata que nem o corpo (alma) nem o Espírito (fôlego) existirão após a morte. Os textos seguir está de pleno acordo com a realidade Biológica...Após morte desaparece logo o sopro (Espírito) quando acontece o ultimo suspiro. O corpo (Alma) se decompõe se tornando pó.

    Eclesiastes 9:4 diz o seguinte...Ora, para aquele que está entre os vivos há esperança porque melhor é o cão vivo do que o leão morto. “Pois bem, a incredulidade de Salomão, vai de encontro com a não existência de vida em outra dimensão”.
    Eclesiastes 9:5: Porque os vivos sabem que hão de morrer, mas os mortos não sabem coisa nenhuma, nem tampouco terão eles recompensa, mas a sua memória fica entregue ao esquecimento. “Esse texto também vai de encontro com não existência de outra vida além dessa.

    Eclesiastes 9:10. Tudo quanto te vier à mão para fazer, faça conforme as tuas forças, porque na sepultura, para onde tu vais, não há obra nem projeto, nem conhecimento, nem sabedoria alguma. "Os mortos não estão cônscios (ou não tem consciência) de nada." Assim, tudo o que tivermos que fazer, façamos enquanto estivermos vivos, porque, quando morrermos, nada disso poderemos fazer. Este texto pode ser usado para mostrar que o inferno de fogo não existe. Se os mortos "não estão consciente de absolutamente nada" conforme o versículo diz... como pode alguém que já morreu ser atormentado eternamente no fogo do inferno?

    clesiastes 9: Os mortos não sabem de nada que se passa "debaixo do sol" aqui no mundo dos vivos. (Os mortos não podem receber nenhuma “recompensa” do que fizeram neste mundo, a memória dos que morreram (lembrança) deles entre os vivos nesta terra) acaba caindo em esquecimento. Todas as obras dos que morreram nesta terra (amor, ódio, inveja) se pereceram, eles não têm parte alguma das coisas que acontece aqui neste mundo dos vivos.

    Para complementar Eclesiastes 3:19, 20: Porque o que sucede aos filhos dos homens, isso mesmo também sucede aos animais, e lhes sucede a mesma coisa; como morre um, assim morre o outro; e todos têm o mesmo fôlego, e a vantagem dos homens sobre os animais não é nenhuma, porque todos são vaidade.

    Todos vão para um lugar; todos foram feitos do pó, e todos voltarão ao pó. Esse texto bota por terra toda vaidade de quem imagina ser superior aos animais. Essa falácia da superioridade da raça humana diante dos animais, não passa de uma cultura religiosa regada de uma vaidade exagerada. A realidade biológica nos encaminha a crer na direção dos homens e animais fazerem parte da natureza e juntos serem vencidos pelo tempo. Não existe outro jeito, Você nasce...você morre, (desliga) e pronto, nada mais, além disso.

    Não existem evidências científicas que leve o homem acreditar que veio de algo diferenciado de outras raças e que vai partir dessa para outra melhor.

    O melhor é acreditar que o ultimo suspiro, é fim e nada mais pra quem morreu. A vida continuará apenas para quem fica no mundo dos vivos como bem disse Salomão.

    É evidente que no mundo dos vivos o homem sempre quis alcançar a impossível eternidade, mas porque não baixar o lombo da vaidade de querer ser eterno? Claro que é possível ter uma vida mais longa, prá isso à ciência vem trabalhando incansavelmente para nos oferecer a oportunidade de viver bem mais dos que já se foram e os que vierem após nós, vão ter a oportunidade de poder usufruir de uma ciência muito mais poderosa.

    Fonte: http://www.terraguarabira.com/2012/02/alma-e-espirito-existirao-apos-morte.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O legal de adoradores de lendas é que eles usam... mitos e lendas pra se explicar!

      Excluir
    2. Vai e vem 100 deus,
      imagine se usar as citações bíblicas pra justificar o aborto:

      'Se alguns homens pelejarem, e ferirem uma mulher grávida, e forem causa de que aborte, porém se não houver morte, certamente aquele que feriu será multado conforme o que lhe impuser o marido da mulher e pagará diante dos juízes. Mas, se houver morte, então, darás vida por vida,
Êxodo 21:22-23'

      Veja que aqui nesse não há o 'olho por olho' da lei divina, mas uma multa.

      Excluir
    3. Vai e vem sem deus, tudo isso que vc copiou e colou aí não tem validade.

      Excluir
  6. Aos religiosos, cabe o onus da prova.

    Eles que provem a existencia de "almas".

    Sem provas, o argumento deles cai por terra.

    Alias, nenhum crente jamais provou mesmo que existem tais coisas...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os crentes não provam, eles crêem. Deus não prova, Deus quer crença.

      Excluir
  7. Recentemente o STF decidiu que, se para o direito brasileiro a vida termina com a morte encefálica - o que permite a transfusao de orgaos - também a vida começa com a vida encefálica.
    Ora a alma para a psicologia é o fruto da interação entre células, assim como o software para o computador é o fruto da interação entre seus componentes, se o software é uma virtualidade, a alma também o é, entretanto é impossível dizer tal virtualidade antes que se quer exista o hardware para roda-la.
    Qualquer conceito de alma que vá alem dessa analogia, pertence a Teologia, "ciencia" a qual ja sabemos a muito que não leva em conta a dignidade da pessoa humana, mas sim os mandamentos inexplicaveis de um ser superior.
    Mas e a mulher estuprada? E o filho do estupro candidato a uma vida de rejeição e crimes? E as celulas tronco que poderiam salvar milhraes?
    A tudo isso os religiosos rejeitam em prol de um Beethoven, mas esquecem que para cada Beethoven houve 1000 criminosos, 1000 vidas destruidas. Talvez o proprio musico abriria mao da sua vida se o soubesse.
    A muito sabemos que a exegese biblica obedece a opiniao de seu interpretador, mas jamais poderiamos tolerar interferencias voláteis interferindo na decisáo de nosso país.

    ResponderExcluir
  8. foda-se tais pesquisas, foda-se tais livros, foda-se tudo.

    ResponderExcluir
  9. mania ridicula essa de achar que somos "especiais"
    somos animais como todos os outros, a diferença é que pensamos um pouquinho mais (apesar de existir pessoas que eu duvido muito que pensem mais do que um macaco)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O único que fala latim aqui. Fato!

      Excluir
    2. Seriamos melhores se fossemos macacos eles vivem felizes na floresta e não tem nenhum grupo de macaco proselitista dizendo que o grande deus dos macaco vai mandar todos os macaco que não obedece-lo para o inferno dos macaco e obrigando eles a sacrificar as zebras e pregando a vinda do grande messias dos macaco.

      Excluir
    3. Os macacos não vão viver para sempre.

      Excluir
    4. E as pessoas vão?

      Qual foi o sentido dessa frase?

      Excluir
  10. O povo alimenta as igrejas mais as igrejas não alimenta o povo , o povo exalta a igreja mais a igreja não exalta o povo. O povo é a força da igreja mais a igreja não é a força do povo. O povo da glória a igreja mais a igreja não da glória ao povo. O povo paga as conta da igreja mais a igreja não paga as conta do povo.

    ResponderExcluir
  11. Crookes, Sir William, 1832-1919, English chemist and physicist
    descobridor do elemento thallium

    Fez pesquisas com um espirito materializado chamado Katie King, embora convidando os secretários da academia para acompanhar os experimentos este não aceitaram.

    Read more: http://www.answers.com/topic/william-crookes#ixzz1mDw3Roev

    Além dos inúmeros casos de EQM. os médicos dizem que o efeito túnel tem explicação cientifica , mas isto não explica as vivencias pessoa fora da matéria, conversas entre os médicos, procedimentos de ressuscitação etc...

    Tudo isto deve ser levado em consideração antes de afirmar que não existe nada depois da matéria.

    A biologia diz que a vida se dá no momento da concepção outras correntes dizem que não.

    Se ainda não existe consenso sobre a origem da vida como querer explicar outras coisas?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sério, você está usando experiências de quase morte como base de argumentação? Por que não usa casas mal-assombradas também, para fechar o pacote?
      Isso é tão patético que nem sei por onde começar...

      Excluir
    2. EQM, telepatia, premonição, nada disso é prova de alma. São achismos.

      Excluir
    3. Israel ChavesFeb 13, 2012 03:09 AM

      Boy George n precisa ficar como medo, não estou falando de Bicho Papão.

      Excluir
    4. Experimentos esses do início do século... passado.

      Excluir
  12. A pergunta é: Porque o aborto?

    Sabemos que poucas crianças derivam de violencia sexual (estrupo, pedofilia etc...)
    Essas não sendo aceitas por suas mães podem ser encaminhadas para adoção.

    Não tenho necessidade de comentar sobre as crianças que nascem frutos da promiscuidade desenfreada que as próprias autoridades, meios de comunicação , "artistas ou famosos" e o carnaval estimulam.

    Quanto a alma, o sentir do meu peito e o respirar me dizem que tenho uma.

    No caso dos gemeos citado. Creio que a partir da identificação de mais um ser independente uma alma lhe é conferida.

    "Porque não contenderei para sempre, nem continuamente me indignarei; porque o espírito perante a minha face se desfaleceria, e as almas que eu fiz. Isaías 57:16"

    "E o pó volte à terra, como o era, e o espírito volte a Deus, que o deu. Eclesiastes 12:7"




    Sem falar nas ressurreições citadas na Bíblia onde a alma volta ao corpo.

    "As mulheres receberam pela ressurreição os seus mortos; uns foram torturados, não aceitando o seu livramento, para alcançarem uma melhor ressurreição; Hebreus 11:35"

    "Nesta previsão, disse da ressurreição de Cristo, que a sua alma não foi deixada no inferno, nem a sua carne viu a corrupção. Atos 2:31"

    "E os que fizeram o bem sairão para a ressurreição da vida; e os que fizeram o mal para a ressurreição da condenação. João 5:29"



    Temos Corpo, alma e espirito.

    "E o mesmo Deus de paz vos santifique em tudo; e todo o vosso espírito, e alma, e corpo, sejam plenamente conservados irrepreensíveis para a vinda de nosso Senhor Jesus Cristo. 1 Tessalonicenses 5:23"

    Alguem de voces gostaria de ter sido um aborto?


    FICO COM A BÍBLIA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como eu disse: quando falta argumento, eles vem com pregação!

      Acho que estou virando profeta!

      Excluir
    2. (X) Eles vão citar a Bíblia?
      ( ) Vão dizer que Stálin era ateu?
      ( ) Outro. Diga qual: __________________

      Excluir
    3. 1- Mas a ideia é justamente essa: Vc poder ficar c/a bíblia, por que acredita nela e eu ficar com a ciência. Termos liberdade para escolhas individuais com base em crenças também individuais.
      2- Que fonte é essa q dá conta de que o número de indivíduos frutos de violências sexuais é baixo?
      3- Realmente é muito melhor viver órfão na mão de padres pedófilos, ou em instituições do que nunca ter existido. Ao defenderem a adoção vcs continuam contra a adoção por parte de homosexuais. Ou seja, cortam muitas das possibilidades dessas crianças, nascidas em virtude de uma lei hipócrita ou de crenças disseminadas por igrejas,de terem uma vida plena. Quantos padres não tiveram uma família cristã tradicional e se tornaram pedófilos hediondos?
      Qto a preferir ter sido abortado, para mim, soa como uma partitura. Leio mas não faz sentido. Embriões não tem consciência. Não existem ainda concretamente mais do que qualquer matéria. Não existindo, não há como analisar uma suposta existência.

      Excluir
    4. Eu gostaria de ter sido um aborto alias nao é o proprio eclsiastes que diz que melhor é o que nao nasceu? Ora a nao existencia pode ser uma dadiva.

      Excluir
    5. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    6. Estudante Bíblico Constitucional14 de fevereiro de 2012 17:07

      É melhor não ter nascido, pois assim eu não envelheceria e não morreria e não ficaria pensando se vou pro céu ou pro inferno.

      Excluir
  13. Os raciocínios são bem razoáveis, e eu me surpreendo por ter acabado de enunciar uma tautologia. Porventura os há não razoáveis? Sim, e aos montes, posto que dizia Wittgenstein, há tantos jogos de linguagens, quanto razões existem. Eu só penso haver uma razão, universal; esta condena sob todos e quaisquer infinitos raciocínios, O ABORTO. É INJUSTIFICÁVEL, inadmissível, inaceitável, será sempre um crime, independente de todos os lugares, e sejam quais forem os tempos e as circunstâncias. Quando não houver deuses, nem religiões, mesmo assim o aborto será um crime; ainda que milhões de profetas falsos o declarassem um não-pecado! Que importa se a biologia diga não haver alma? Deixaria um cantor de maravilhar-nos com seu talento e a voz por nao ter recebido do biólogo a cientifica definição que não possui alma? A vida ultrapassa todas essas suposições, como já disse a divina e profética porta voz da alma feminina...VIVER ULTRAPASSA TODO ENTENDIMENTO. Crime inominável, absurdo injustificável, mesmo que não exista uma única alma nesse planeta. Ainda assim, o Estado NÃO TEM ESSE DIREITO. Ele é um contra-senso, tão irracional quanto contraditório. Há direito de VIDA, não de morte. A morte faz cessar todo direito.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Argumentum ad ignorantiam misturada com poesia barata?

      Gostei!

      Isso é novo.

      Excluir
    2. Falou, poetou, e não disse nada.

      Excluir
    3. lukretia mandou muito bem.

      Excluir
    4. Conheci na minha vida de assalariada acadêmica tanta gente assim...Não vinga, não medra. Usam bem a retorsio, mas quando chegam na banca, amarelam. Olha, eu até entendo , sabe? Desqualificar o oponente é fácil, menos quando se está numa banca examinadora. Ninguém sai limpinho dali. Poesia barata eu não conheço, mas como diz a magistral, brasileiríssima, "há que se aprender a humildade". Eu jamais teria concluído a minha segunda pós-graduação se não tivesse ao menos, como diz Maquiavel, aprendido a "fingir humildade"...Pois esses leões de patrulhamento pseudo-intelectual cibernético e ateu, são cristãos na arena dos coliseus das bancas! Amarelam, dão chilique, se tremem...Enquanto os humildes vão passando, sobrevivem. Se eu não tivesse compreendido isso e muito cedo, ainda hoje seria empregada do meu avô, e não teria obtido nota 10,0 no meu mestrado na Alemanha, e concorrendo com os alemães! Quem já enfrentou dolicocéfalos louros e lazuli-irizados, com a arrogância típica da presuntiva superioridade ariana; provando que mulher e brasileira e nordestina pode ser inteligente...Não vai ceder ao argumento de autoridade de um mameluco tupiniquim. A menos que seja para aprender a humildade, como diz a poetisa..."Aprendi com cada primavera...a me deixar cortar por inteira e renascer sempre nova". Quando você chegar no meu nível de poesia e discursividade, capital social e cultural, você vai estar muito bem!

      Excluir
  14. "Renda-se, como eu me rendi. Mergulhe no que você não conhece, como eu mergulhei. Não se preocupe com entender. Viver ultrapassa todo entendimento".
    Clarice Lispector.

    ResponderExcluir
  15. Se podemor definir a morte como o fim das atividades cerebrais, a vida também pode ser definida assim: com a formação do sistema nervoso.

    Acho que isso tem mais base racional que poesias e proselitismos...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na verdade, antes da formação do sistema nervoso, não há cérebro e portanto não há a formação do Eu, que é a capacidade de se ver como indivíduo.

      Excluir
    2. Definir a morte como o fim das atividades cerebrais é muito errado, pois assim você está assumindo que só há vida quando há atividade cerebral, e nesse caso plantas não estariam vivas, por exemplo.

      O conceito de vida é muito vago. Por muito tempo discutiu-se se os vírus são ou não seres vivos. Hoje é aceito que não são, mas alguns cientistas ainda defendem que sim.
      Isso porque eles não metabolizam nada, não comem, não excretam, não têm ciclo de juventude-maturidade-envelhecimento-morte, são só códigos genéticos envoltos em proteína e tudo o que fazem é invadir células e se multiplicar. Por isso não dizemos que vírus "morrem" (eles não estão vivos), dizemos que foram "desativados".

      Enfim, o que quero dizer com isso? Que se tentarmos pensar nos prós e contras do aborto com base em se os embriões estão vivos ou não, se morrem ou não, etc, não chegaremos a lugar nenhum. Isso é irrelevante ao meu ver. Existem pontos mais importantes nessa discussão.
      Além disso, se é para considerar embriões como seres humanos, seres vivos, com "alma" ou o que quer que seja, então por que as pessoas não estão fazendo protestos e se unindo para libertar todos os coitadinhos que estão presos congelados em geladeiras de clínicas de fertilização in vitro? Eles não são pessoas?
      Enfim...

      Excluir
    3. Avelino Bego
      muito mais senhor da verdade que os crentes ....o sabe tudo.....rsrsrsrs

      Excluir
    4. Eu não sei tudo, mas procuro embasar minhas ideias.

      Procure tentar fazer o mesmo.

      Excluir
  16. Resumindo: nenhum dos fakes-trolls de religiosos vieram com algum argumento racional.

    Eu me surpreenderia se viessem!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Avelino Bego
      muito mais senhor da verdade que os crentes ....o sabe tudo.....rsrsrsrs

      Excluir
  17. Ateus e Agnósticos também são contra o Aborto.
    É comum esses grupos criticarem os religiosos pela queima de livros na Idade Média e em outros tempos.
    Se as forças da Natureza atuarem isoladamente sobre um espermatozóide ou óvulo, disso não resultará um Ser Humano.
    Mas, havendo a concepção (junção do espermatozóide ao óvulo), as forças cegas da Natureza produzirão, com grande probabilidade, um Ser Humano.
    Assim, dizemos que a Alma surge na concepção significando que o projeto, mapa ou livro que descreve um Ser Humano está presente desde a concepção.
    Então, abortar antes da formação do Sistema Nervoso, pode até não matar uma pessoa. Mas inviabiliza o projeto, o mapa ou o livro que a descreve e que, combinado com as forças naturais, resultará em uma pessoa.
    A Alma é imortal. Mas, impedir que o projeto se transforme em obra tem efeito semelhante a queimar o projeto, o mapa ou o livro. E como os descrentes são contra isso, são contra o aborto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Legal!

      Pena que você se apóia em conceitos pré-definidos de lendas e mitos.

      Tipo: não se sabe nem se existe alma e você já chega afirmando várias conceitos.

      Você é uma adoradora das lendas do deus de Abraão e ainda acredita no conceito do determinismo.

      Bonitinho, mas ainda assim, um apelo emocinonal.

      Isso nem é de perto um argumento racional.

      Excluir
    2. Mesmo porque, esse pensamento é tão desprovido de racionalidade, que, a Seleção Natural "aborta" inúmeros "projetos pré-defindios".

      Fake-troll: seria mais legal se você viesse com proselitismo e citações de Bíblia...

      Excluir
    3. A Senhora Crente estaria usando argumentum nom sequitor?

      Excluir
    4. Raciocine meu filho. Você é contra o Aborto.
      Neste site há, abaixo, uma caixa de texto para inserirmos comentários. Ali, primeiramente você insere seu projeto de comentário. Somente depois de clicar em "Publicar" é que seu comentário nasce para o Mundo. Entretanto, se por um defeito do site ou por decisão condenável do Paulo Lopes, seus comentários fossem abortados já na fase de projeto, você reclamaria muito não é?
      Aqueles que advogam em defesa dos projetos do Criador, fazem o mesmo que você faria.
      Você, na verdade, concorda conosco em tudo. Mas, por simples orgulho e teimosia, nega isso.

      Excluir
    5. Outro argumento.
      Você é Analista Programador.
      Se determinado Compilador ou Sistema Operacional contivesse regras que abortassem seus programas, impedindo-lhes a execução, você mudaria as regras desse compilador ou o substituiria por outro.
      Você é o Deus dos softwares que cria e não quer vê-los abortados antes de observar sua execução. É lógico que o Criador do Universo pensa da mesma forma.
      Avelino, você é contra o aborto.

      Excluir
    6. Você diz que formulei argumento cuma premissão nada tem a ver com a conclusão. Mas não provou isto. Você é capaz de provar ou apenas CRÊ nisso?

      Excluir
    7. "cuma premissão" = "cuja premissa"
      Digitei rápido!

      Excluir
    8. a senhora crente pirou de vez ou esta só trollando? Seus argumentos são sempre baseados em premissas sem provas e analogias forçadas. A do programador foi triste, projetando suas crenças em lendas infundadas em cima de padrões concretos de maneira forçosa e desonesta. O programador não existe, e se existe não da a minima pros seus programas e não a elegeu como seu representante. Sou agnostico atéista e contra o aborto sem controle rígido, mas essa argumentação é insana.

      Excluir
    9. Sugiro aos ignorantes que pesquisem (pode ser pelo google) a respeito das pesquisas científicas a respeito da espiritualidade e sobrevivência da consciência fora da matéria, daí parariam de ter tanta certeza no que "acham".

      Excluir
  18. "A Alma é imortal. Mas, impedir que o projeto se transforme em obra tem efeito semelhante a queimar o projeto, o mapa ou o livro. E como os descrentes são contra isso, são contra o aborto."

    Sim, é argumentum nom sequitor.

    As premissas não tem relação alguma com as conclusões.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você é capaz de provar isto. Ou apenas crê que as premissas não tem relação com as conclusões.

      Excluir
    2. Bom, para começar, ninguém provou que alma existe.

      Excluir
    3. Não é essa a questão aqui. Leia os posts.

      Excluir
    4. A matéria é sobre a existência ou não da alma, você afirma que a alma existe e depois diz que não é a questão? Interessante...

      Excluir
  19. único argumento dos pró-vida é a religião, enquanto isso veremos sempre noticias de fetos sendo jogado no lixão, ou mulheres morrendo em abortos clandestinos.

    ResponderExcluir
  20. Tenho uma opinião bem próxima à do Avelino Bego. Um embrião sem sistema nervoso e sem cérebro não tem como sentir dor.

    Sou a favor do aborto apenas em algumas circunstâncias, como os provocados por estupro, ou no caso de enfermidades que inviabilizam a vida do feto fora do útero (como anencefalia), ou então quando a gestação representa uma ameaça real à vida da mãe.

    Sou contra banalização do aborto. Se liberado em quaisquer circunstâncias, o aborto aliado à promiscuidade e descuido poderiam levar a pensamentos do tipo "pode gozar dentro, depois eu aborto". Existem muitas formas de se evitar uma gravidez indesejada. Conscientização é uma das armas.

    Quanto a existência da alma, eu fico do lado da biologia. Não acredito em almas, não acredito em deus, não acredito em unicórnios.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se você não acredita em alma, também não acredita em energia. Ambas tem natureza semelhante.
      Você vê energia?
      Você toca energia?
      Você, ao menos, consegue ter uma definição precisa de energia?
      Não, por que não há nada palpável, no Mundo, a que se possa chamar energia. O que existe são configurações específicas de matéria e campos físicos em desequilíbrio, capazes de gerar trabalho. Apesar de não existir concretamente, ela move o Universo.

      Excluir
    2. Muito bem Senhora Crente, por favor especifique qual tipo de energia a senhora esta se referindo.

      Excluir
    3. Pela definição que dei, só há um tipo de energia. Releia o comentário.

      Excluir
    4. Não Senhora, existe energia elétrica, potencial, nuclear etc. Qual é a energia que a senhroa se refere?

      Excluir
    5. Energia Elétrica resulta do desequilíbrio entre cargas elétricas; Energia Potencial resulta do desequilíbrio estático entre matérias ou campos; energia nuclear resulta do desequilíbrio na formação nuclear dos átomos.
      Perceba que a diferença está na componente material, mas o princípio é o mesmo.

      Excluir
    6. Ou seja, não há tipos de energia, mas tão somente energia. Os diferentes nomes são apenas para os indivíduos comuns poderem identificar o tipo de matéria que participa do fenômeno.

      Excluir
    7. Energia eletrica, potencial e nuclear podem ter suas caracteristicas fisicas determinadas. Como fazemos para determinar as caracteristicas fisicas da energia que a senhora se refere?

      Excluir
    8. Você determina as características físicas da matéria que participa do fenômeno e não da energia. Ninguém fez isso, ainda.

      Excluir
    9. Ninguém determinou as características da energia que a senhora se refere porque ela não existe, a não ser, porque a senhroa tem fé que ela exista. Quem tem fé, acredita em qualquer coisa.

      Excluir
    10. Esta senhora crente como sempre esta totalmente equivocada eu tenho dó de que ela possa de alguma forma passar essas idéias para pessoas indefesas tipo crianças e adolescentes e causar neles um verdadeiro estrupo mental ,chega a dar nojo as portagens desta tal senhora crente de tão desonesta e disfarçadas de verdade , verdade que só ela acredita e propõe e tão falso quanto o deus dela.

      Excluir
    11. Adora misturar alho com bugalhos

      Excluir
    12. "Se você não acredita em alma, também não acredita em energia. Ambas tem natureza semelhante.
      Você vê energia?
      Você toca energia?
      Você, ao menos, consegue ter uma definição precisa de energia?
      Não, por que não há nada palpável, no Mundo, a que se possa chamar energia. O que existe são configurações específicas de matéria e campos físicos em desequilíbrio, capazes de gerar trabalho. Apesar de não existir concretamente, ela move o Universo."

      O perigo do discurso de pessoas como a senhora crente esta no fato de tentarem enfiar sorrateiramente um achismo de crendice no meio de várias idéias concretas e fisicamente prováveis, usando de eloquência e conteúdo que apela ao público alvo. Se acha que alma existe, prove, assim como provamos que existe energia. Do contrário, é só achismo.

      Excluir
    13. Ninguém provou que existe energia.

      Excluir
    14. A senhora fez a seguinte afirmação:
      "Se você não acredita em alma, também não acredita em energia. Ambas tem natureza semelhante."
      Se ninguem provou que existe nem alma nem energia, em que a senhora se baseia para afirmar que alma e energia tem alguma semelhança?

      Excluir
    15. A última grande sacada sobre energia foi de Einstein, dizendo que energia equivale a materia amplificada por movimento. Mais nada.

      Excluir
    16. "Se ninguem provou que existe nem alma nem energia, em que a senhora se baseia para afirmar que alma e energia tem alguma semelhança?"

      Sua frase já expressa um aspecto semelhante delas. Podemos conceituá-las, mas não podemos prová-las.

      Excluir
    17. Não podemos prová-las porque são conceitos básicos, assim como o ponto em Geometria e o número 1 na aritmética. Tente provar que 1 é 1 e você entrará num raciocínio cíclico. O mesmo ocorre com alma, energia, vida, Deus e outros.

      Excluir
    18. Não respondeu a pergunta e nem demonstrou porque não se pode conceitua-las. Além do mais, para se estabelecer alguma semelhança ou diferença entre duas coisas quaisquer, precisamos de uma metodologia de comparação entre elas. Qual foi a metodologia que a senhora usou para tal?

      Excluir
    19. Prove que existe energia e eu provarei que existe alma.

      Excluir
    20. Você é que não entendeu a resposta. Releia os posts.

      Excluir
    21. Seu conceito de energia é algo completamente deturpado, ou ao menos foi o que deu a entender. Faz parecer que acha que não podemos provar que existe eletricidade ou energia cinética.

      Excluir
    22. Senhora Crente, porque eu tenho que provar que energia existe se a senhora não consegue provar que alma existe? Relei-a seu comentário onde a senhora fez afimrações quanto a natureza da alma e da energia sem apresentar nada que sustente esta afirmação. A senhora fez uma comparação e tambem não apresentou evidência alguma sobre tal coisa. Se a senhora não tem como provar o que fala, deveria pensar um pouco antes de soltar o verbo e tentar jogar a responsabilidade de provat alguma coisa para quem duvida das suas afirmações sem fundamento. A velha falácia crente da inversão do onus da prova.

      Excluir
    23. Mais um detalhe: a energia está associada a capacidade de algo, dotado de energia, realizar trabalho. Que tipo de trabalho uma alma é capaz de realizar? Como se mede a capacidade de uma alma de realizar trabalho? Como se mede a energia da alma? Onde está alma? Entenda que responder a estas questõs sem demosntrar fatos será mera questão de fé e, quem tem fé, acredita em qualquer coisa.

      Excluir
    24. "Mais um detalhe: a energia está associada a capacidade de algo, dotado de energia, realizar trabalho."

      Isso é um racicínio circular: energia estaá associada.....dotado de energia....

      Excluir
    25. "Seu conceito de energia é algo completamente deturpado, ou ao menos foi o que deu a entender. Faz parecer que acha que não podemos provar que existe eletricidade ou energia cinética."

      Leia o post de "Feb 13, 2012 05:29 AM".

      Excluir
    26. Não se trata de raciocinio circular. Não há como algo que não seja dotado de energia, realizar algum trabalho. Eu apenas fui enfático. A senhora ainda não respondeu as perguntas e nem demosntrou suas afirmações com algo palpável.

      Excluir
    27. Se não está satisfeito, por que perde seu tempo?

      Excluir
    28. Não é satisfação que está em discussão aqui. Nenhuma afirmação sua feita até agora tem alguma sustentação.

      Excluir
    29. Então, por que perde seu tempo?

      Excluir
    30. Baseada em quê a senhora afirma que estou perdendo tempo?

      Excluir
    31. Isso já passou de ignorância para trollagem pura faz tempo.
      Realmente não sei o que alguém que não tem nada para contribuir faz em lugares como aqui.
      Primeiro, fala coisas absurdas que não fazem sentido. Ao ser contestada sobre sua falta de coerência, simplesmente retruca "por que está perdendo seu tempo?", o que deixa bem claro que não faz nenhuma questão de fazer sentido, ou de responder a questionamentos. Está só falando o que quer e as pessoas quer aceitem (alguma semelhança com religiões?).
      Aí eu pergunto, por que está perdendo seu tempo?
      Deveria estar trabalhando mais, para ter mais dinheiro para pagar mais dízimo.

      Excluir
    32. Olha, eu não queria abrir precedentes para um ad hominem, mas não tem mais como não concluir que esta Senhora Crente é um TROLL. De fato, ela faz afirmações sem bases que a sustentem, quando questionada, dz que ninguém entendeu o que ela escreveu e pede para reler comentários anteriores e, no final, não apresenta nada mais do que argumentos baseados em fé. Fé demais, diga-se de passagem, e a cacofonia é proposital.

      Excluir
    33. Você está errado. Releia os comentários anteriores.

      Excluir
    34. Senhora Crente,
      troque sua comparação de Energia com alma com energia com chakras/ki/mana...
      E PROVARÁ QUE GOKU EXISTIU E CRIAMOS A GENKI DAMA!

      Excluir
  21. Mba'e la porte chamigo ha chamiga kueras!!
    Pelo que percebi este foi o post onde os comentarios estão mais enquilibrado de todos que aquim ja vi. Percebi que a Senhora Crente está mantendo uma boa condição de discurção com os colegas ateus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ela só não consegue apresentar provas do que ela está afirmando.

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  22. Você, por outro lado, não tem condição nenhuma de manter uma boa discussão com os colegas ateus. No máximo, com o Seu Creysson. Sério, termine a primeira série antes de querer postar em blogs...
    Agora com équiu.

    Desculpe, não resisti, a tentação foi grande demais...

    ResponderExcluir
  23. Depois de morto, você vira matéria orgânica.

    ResponderExcluir
  24. Pois é; eu até sou contra aborto em casos que a gravidez poderia facilmente ser evitada, afinal de contas é muito mais fácil se prevenir do que ter que abortar; até pílula do dia seguinte tem pra quem foi otária o suficiente de não se precaver de uma gravidez indesejada (nem vou entrar no mérito das DST's). Agora, seguindo a linha de pensamento de um vídeo sobre "os abortos de Deus" (abortos naturais), os cristãos deveriam pensar - eu sei que esse é um conceito dificil pra maioria deles - em um motivo para 'Deus' colocar uma alma em alguém que depois ele mesmo permitiria que morressee antes de nascer... a é; vão dizer que é o tal plano divino misterioso e blablabla! ¬_¬

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, o argumento do plano divino é mais uma evidência que demosntra o quanto religião é irracional e sem lógica. O melhor que os religiosos poderiam fazer seria deixar sua fé dentro de suas igrejas e parar de se intrometerem em assuntos que eles não tem a menos chance de apresentar alguma evidência que sustente suas ideias contrárias. O que você poderia esperar de pessoas que acreditam numa filosofia baseada em mitos e que, quando não conseguem subverter a razão e a lógica, apelam para o terrorismo?

      Excluir
    2. Em tempo: o terrorismo ao qual me refiro não é, necessariamente, explodir alguma bomba matando pessoas inocentes, inclusive, outras pessoas de fé. Mas o terrorismo socialmente aceito onde a ameaça do inferno faz com que incautos caem na conversa mole da salvação e afins.

      Excluir
  25. O cerne da questão não deve ser o embrião ou uma alma, mas sim a mulher e sua vontade ou não de levar aquela gravidez, muitas vezes indesejada, à frente. Todos tem direito a escolher o que é melhor para si, por que às mulheres não é dado o direito de ter ou não o filho? Por que em pleno século XXI ainda queremos obriga-las a passar pelos transtornos de uma gravidez indesejada, mesmo que deem o filho à adoção. E mesmo nisso há transtornos, pois não é tão simples assim como nos filmes "dar uma criança". O embrião ainda não pode fazer escolhas, depois de nascido ainda assim estará sob a égide de seus pais até a maior idade, então a mulher deve poder sim interromper uma gravidez que não quer. E é isso que as pessoas tem que entender. O direito da mulher fazer aborto legal, dentro das regras e com acompanhamento médico e psicológico, também não obriga ninguém a fazer aborto, faz quem quiser. Hoje faz quem pode, muitas mulheres pobres sofrem danos irreversíveis em seu aparelho reprodutor e até nos rins e bexiga por conta de "abortos" de açougue.
    As pessoas deviam se preocupar mais com suas próprias vidas em fazer suas próprias escolhas e deixar que os outros vivessem também as suas. Os moralistas de plantão deviam se preocupar menos com a moral coletiva e praticar individualmente suas convicções, deixando cada um com suas próprias escolhas.
    Saudações.

    ResponderExcluir
  26. O crente é desonesto por natureza.

    ResponderExcluir
  27. Sou á favor do aborto, e realmente esse texto é bem inteligente(sempre pensei nesse caso dos gêmeos...).

    É tão estranho também o fato que muitos embriões nem vem á vida(e saem na nossa menstruação). Será que acontece que nem no game do Inferno de Dante? Os bebês vão para o inferno e ganham foices nos pseudo bracinhos formados? Será que deus seria tão cruel assim?o_o

    Ah, e gente um aborto não é coisa simples não! Esse negócio de "pode gozar dentro, depois eu aborto", é meio surreal. Acho que qualquer uma que passou por um ou que lê um pouco sobre o assunto sabe que é um processo violento e nada agradável de se passar! Porém sou á favor da legalização por que quem quiser passar por isso, vai passar de qualquer forma, e prefiro que se precisar a escolha esteja lá. Isso não vai significar na obrigatoriedade de abortar. Se você quiser ter um filho vai ter, mesmo ele tendo todas as adversidades que muitas abortariam, mas é injusto não deixar a escolha.

    ResponderExcluir
  28. Vamos quebrar cada base dos antiabortistas:

    1 - Alma, do latim animu, significa "o q anima, ou o q se move". Tudo q se move tem alma, certo? Ñ exatamente (marionetes tem alma? o mar tem alma? o vento tem alma?)
    * Não estou falando de forma filosófica, mas de forma concreta.

    2 - A religião ñ sabe de coisa nenhuma de ciência e quer "encaixar os dogmas na ciência", criando um "dogma científico" ¬¬

    3 - O melhor de todos: na ciência existe um termo chamado ABORTO ESPONTÂNEO. Agora, se acontece isso, vamos botar a culpa em quem??? Na mulher ou em deus??? E agora, antiabortistas???

    PS: Eu sou a favor do aborto, mas em questões específicas, como estupro e risco de morte p/ o bebê e/ou p/ a mãe. Irresponsabilidade (de ñ usar métodos anticonceptivos)ñ é desculpa, afinal, qndo a realidade bate na sua porta, ela jamais vai embora.

    ResponderExcluir
  29. "3 - O melhor de todos: na ciência existe um termo chamado ABORTO ESPONTÂNEO. Agora, se acontece isso, vamos botar a culpa em quem??? Na mulher ou em deus??? E agora, antiabortistas???"

    Se o aborto foi causado por "caso fortuito", a culpa é da pessoa que gerou tal situação; se o motivo for "força maior", atribui-se à vontade de Deus; se a causa é um defeito físico da mãe, não há culpado.
    Em tempo, Deus nunca é dado como culpado porque não se atribui culpa a quem não se pode punir.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Faz tooodo o sentido.
      Se aconteceu algo bom, foi deus. Seus méritos são ignorados.
      Se aconteceu algo de ruim, há três opções:

      1- Foi culpa sua.
      2- Foi culpa do diabo.
      3- Deus quis assim.

      Conformismo nível épico.
      E, deus pode matar, chacinar, explodir, dizimar, fazer o que bem entender, e ninguém pode achar ruim. Afinal, ele é muito justo.

      Excluir
    2. Você pode até achar ruim, mas não pode puni-lo.
      Deus é uma daqueles casos inalcançáveis pela Justiça Humana. É semelhante, com devidas reservas, ao Suicida. Como é que você pune um suicida?

      Excluir
    3. Desculpe, mas você está sob efeito de drogas?
      Estou falando sério. Sua falta de coerência me espanta, nada do que fala faz sentido.
      Não que isso seja novidade, mas...

      Excluir
    4. Se não faz sentido, por que perde seu precioso tempo comigo?

      Excluir
    5. Porque outras pessoas lerão essa conversa e com base nos argumentos apresentados, poderão dar opiniões relevantes e com isso enriquecer a discussão do tema, ou aprender algo, repensar algum conceito, refletir, etc.
      Não tenho a menor intenção de colocar algo num cérebro apodrecido, mas a discussão pode render algum fruto a um terceiro com capacidade de pensamento. É por isso que, mesmo sendo insanidade religiosa ou trollagem, costumo apresentar minhas respostas.

      Excluir
    6. Não se engane.
      Você não tem motivos altruístas. Você é um egoísta.
      Bem lá no fundo da sua alma, minhas palavras estão ecoando. Você está atônito, pensando: Eu sempre quis saber essas coisas!!! Que maravilha, encontrei alguém que pode me dar esclarecimentos! Agora eu compreendo....eu compreendo!

      Excluir
    7. Isso é realmente a melhor falácia que consegue cometer no momento?
      Achei que fosse melhor nisso devido à prática, até me decepcionou um pouco.

      Excluir
    8. Aceite isto. É o melhor que posso fazer.

      Excluir
    9. É, eu sei. Ficou bem óbvio desde o começo que um argumento coerente era pedir demais. Não se preocupe, não fiquei decepcionado de verdade, foi só modo de falar.

      Excluir
    10. O engraçado é o seguinte:

      1 - Caso fortuito depende. Pode ser culpa da pessoa ou ñ. Tem q averiguar os casos que originaram o aborto espontâneo.
      2 - Vontade de deus??? Então deus é a favor do aborto?
      3 - Defeito físico da mãe, ñ necessariamente, mas complicações físicas, como idade, problemas fisiológicos, desenvolvimento e muitos outros.
      BONUS sobre deus - É dificil acreditar numa divindade q age como ser humano (até erra muitas vezes) e quer ser intocável). Pena q os "seguidores do divino" seguem a msma estrada de mediocridade e intocabilidade. ¬¬

      Excluir
    11. "A religião, usada como consolação, é um obstáculo p/ a verdadeira fé. Neste caso, o ateísmo é uma purificação."
      Simone Weil.

      Excluir
  30. Eu escrevi isto ,esta é a principal caracteristica que eles criaram para livrar a cara do deus imoral deles e deixar ele sempre num pedestal intocável.
    Se você esta com câncer é a vontade de deus
    Se você se cura é a vontade de deus
    Se você morre era a vontade de deus.

    Se você perceber isto que eles criaram é infinito e totalmente desonesto, porque eles sempre vão atribuir o sim e o não a deus , eles por exemplo ignora tudo o que é bizarro neste planeta ,eles falam que não foi deus ou que foi o diabo. Eles estão preso nesta armadilha mental.
    deus não existe ,ou assuma que ele é um vagabundo amoral tirano soberbo injusto sem nenhum plano para a humanidade porque este deusinho paz e amor das religiões é pura soberba e falta de honestidade intelectual.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Deus o q fiz para ser pobre e ver alguns amigos viajando para vários legais enquanto eu senpre viajo p/ o mesmo lugar SEMPRE ? Eu fui um panaca na minha vida passada ou o sistema capitalista me priva de ter tais luxos ? Desculpe deus mas eu não estou muito afim de saber a tua resposta pq eu realmente, quero viver ESSA vida nem me lembro da passada imagine, se vou lembrar do caminho de volta para o julgamento ? .-. Mi FU

      Excluir
    2. E ,baseado neste raciocínio, os religiosos deveriam não criar caso contra os homossexuais pois seria, também, vontade de deus.

      Excluir
    3. Nem todos os religiosos criam caso contra homossexuais (vide estórias recentes sobre padres católicos). Você está generalizando.

      Excluir
    4. O que eu quis dizer é que alguns religiosos são gays, na sua maioria.

      Excluir
    5. Muito bem, mas TODOS religiosos seguem uma doutrina de fé qualquer e vocês mesmos não conseguem entrar num acordo racional, nem ético, nem moral e nem lógico sobre o que é certo e o que é errado. Até mesmo aqueles que tem fé no mesmo deus não se entendem.

      Excluir
    6. Ateus devem ter templos?
      Alguns acham que sim, outros acham que não.
      Ateus são crentes ou descrentes?
      Alguns acham que são crentes, outros acham que são descrentes.
      Ateus devem promover encontros entre si?
      Alguns acham que devem, outros acham que não devem.

      Por que você atira pedras, mesmo tendo um telhado de vidro?

      Excluir
    7. Ora, mas crentes não são orientados por uma força divina superior e única em sabedoria que determina o melhor caminho a seguir? E mesmo assim, vocês não conseguem se entenderem e chegam ao ponto de se degladiarem e se matarem uns aos outros, inclusive, envolvendo pessoas inocentes? Eu não atirei pedras, eu fiz uma afrimação verdadeira e cheia de provas para qualquer um ver. Ao contrário da senhora que faz afirmações baseadas em mitos sem comprovação alguma.

      Excluir
    8. Uma única força divina, agindo em diferentes pessoas, tem o mesmo efeito da energia que age em diferentes tipos de matéria: gera denominações diversas, comportamentos diversos, até mesmo propósitos diversos. Sabedoria é entender isso.

      Excluir
    9. Acontece que, diferente de religiosos, que seguem um mesmo código de regras bem específica, ateus não são um grupo que compartilha dos mesmos valores e costumes. É só um bando de gente que não acredita em deuses.
      É a mesma coisa que esperar que todas as pessoas que não nasceram em janeiro tenham opiniões iguais, afinal, elas fazem parte de um grupo (o grupo dos que não nasceram em janeiro).

      Excluir
    10. É...tem razão! E daí?

      Excluir
    11. Mas se ninguém provou que existe energia, como é que a senhora afirma que energia tem algum efeito? Sabedira? Ok, que tipo de sabedoria precisamos para entender os propósitos dos terroristas quando matam pessoas inocentes por causa de sua fé? Lembre-se que terroristas são, em geral, pessoas de fé.

      Excluir
    12. E daí que invalida esse seu argumento:

      "Ateus devem ter templos?
      Alguns acham que sim, outros acham que não.
      Ateus são crentes ou descrentes?
      Alguns acham que são crentes, outros acham que são descrentes.
      Ateus devem promover encontros entre si?
      Alguns acham que devem, outros acham que não devem.

      Por que você atira pedras, mesmo tendo um telhado de vidro?"

      Seu "argumento" é de que ateus não têm coerência em suas opiniões. Ao mostrar que, diferente de religiosos, ateus não são um grupo que compartilham um conjunto de características, mas apenas UMA (como no exemplo de não ter nascido em janeiro), seu argumento vai por água abaixo.

      Excluir
    13. Não, não sabe. Pombos enxadristas só sabem o que lhes convém.

      Excluir
    14. Entendo...

      Excluir
  31. Toda energia pode ser mensurável(cal, joule, eletron-volt, tesla, etc..), não importa qual matéria partice do fenômeno estudado, alguém já mediu a "energia" alma? Qual a unidade de medida?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Há algumas tentativas, como a Radiônica da Alma. Mas parece que isso é tão difícil quanto detectar a "Partícula de Deus".

      Se detectarem a partícula de Deus, certamente o próximo passo será detectar e medir a alma.

      Excluir
  32. Equivalente a 1 idiotom.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso é parecido com o que diziam sobre a Física de Einstein, no início. Também falavam assim, quando alguém pensava em medir informação; daí surgiu a Teoria da Informação. Muita gente, até hoje não acredita em Entropia, Física Quântica, etc.

      São apenas idiotas!

      Excluir
    2. Não nos esqueçamos da Matemática do Infinito, fortemente combatida pelos opositores de Cantor.

      Excluir
  33. Olha, a pessoa por trás do fake-troll da Senhora Crente deve ter tomado um chazinho-de-fita, e dos bons!

    Primeiro, ela assume que alma existe sem ter evidências da mesma.

    Segundo, energia é uma grandeza física que mede a o QUANTO de uma força transformou-se em trabalho.

    Portanto, ENERGEIA não é uma substância.

    Mas devemos dar os parabéns para quem criou o fake-troll.
    Ele sabe se comportar com alguém desprovido de conhecimento científico.

    Qual será a próxima analogia maluca que ele usará?

    Só Deus sabe...

    ResponderExcluir
  34. Bla Bla Bla da senhora crente, alma é uma virtualidade da interacao entre os neuronios , o que passa disso é bla bla bla. Se do contrario for, que nao se permita as transfusoes de orgaos, a inseminacao artificial , a reducao de ovulos fecundados, e me mostre um ovulo fecundado que pense. O dia que estiver esperando um anencefalo vitima de um estupro por um monstro, a opiniao dela muda.

    ResponderExcluir
  35. Estudante Bíblico Constitucional13 de fevereiro de 2012 23:53

    Ora, uma vez que eu penso em alguma coisa, existe algo dentro do meu corpo que me faz pensar, esse algo é a alma, o espírito?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estudante Bíblico Constitucional14 de fevereiro de 2012 10:25

      Considerando a estória de Adão e Eva, a alma foi criada num corpo adulto e não num embrião.

      Excluir
    2. Que eram formado do barro. Então barro tem energia?

      Excluir
    3. Estudante Bíblico Constitucional14 de fevereiro de 2012 17:11

      Sim, o barro é formado de átomos, elétrons, cargas positivas e negativas.

      Excluir
    4. Assim como pedras, cadáveres e merda.

      Excluir
  36. É inútil ficar discutindo o início da vida, o que é alma porque não há consenso sobre isso nem mesmo entre os estudiosos. O que se deve fazer é legalizar o aborto para tentar resolver os problemas do dia-a-dia de mulheres que não pedem a opinião de ninguém para resolver um problema. Elas simplesmente o resolvem. Daí a existência dos chamados "aborto de fundo de quintal, com azeite de mamona e agulha de tricô" feito pelas mais pobres; de clínicas clandestinas pelas mulheres médias; e das operações feitas no exterior pelas ricas, que estão enchendo as clínicas de Nova York, Lisboa e Madri mais do que as mulheres naturais destes lugares. E quem achar que o aborto é um crime por causa da religião ou dos valores individuais que não aborte. Do mesmo que a transfusão de sangue, tão necessária em muitos procedimentos cirúrgicos, é proibida por uma certa religião e seus adeptos não a fazem. É preciso ter em conta que legalizar NÃO é obrigar. E os religiosos, com seus dogmas, têm que ficar em suas igrejas, templos, etc. Parem de usar a política para difundir suas ideias. A população precisa discutir o assunto do ponto de vista da saúde pública.

    ResponderExcluir
  37. Se o embrião já tem alma eu não sei.Mas ele tem um DNA único e diferente do da mãe.Ou seja:não faz parte do corpo da mãe.É um novo e outro ser.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele VAI SER outro ser. Enquanto embrião, é só um projeto.
      Além disso, pela sua lógica, gêmeos são um mesmo ser. Eles têm o mesmo DNA. Certo?

      Excluir
  38. Estudante Bíblico Constitucional14 de fevereiro de 2012 17:48

    Que tal se o planeta todo fosse abortado com a explosão de bombas atômicas, antes da chegada de Nibiru?

    ResponderExcluir
  39. Senhora Crente Feb 13, 2012 05:13 AM

    Outro argumento.
    Você é Analista Programador.
    Se determinado Compilador ou Sistema Operacional contivesse regras que abortassem seus programas, impedindo-lhes a execução, você mudaria as regras desse compilador ou o substituiria por outro.
    Você é o Deus dos softwares que cria e não quer vê-los abortados antes de observar sua execução. É lógico que o Criador do Universo pensa da mesma forma.
    Avelino, você é contra o aborto.

    ------------------------------

    Primeiro erro neste argumento: definir Deus a priori

    Primeiro, devemos verificar se um deus existe ou não.
    Segundo, caso um deus exista, se ele teve a intenção de tudo isso que dizes.

    Porque, como podemos definir as vontades de uma coisa que nem provamos que existe?

    Como sua analogia parte de uma coisa sem comprovação, ela é um argumentum non sequitor, isto é, as premissas não seguem as conclusões.

    ResponderExcluir
  40. E mais: energia é a medida de quanto uma força, atuando sobre um corpo, transformou-se em trabalho.

    Energia não é uma entidade.
    Energia não tem consciência ou inteligência.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
    2. Deletado por apresentar indícios de indigência mental.

      Excluir
  41. "O argumento central dos antiabortistas é o de que a vida tem início na concepção e deve desde então ser protegida."

    Aquele que nunca "bateu uma" que levante o dedo.
    O que será que os anti-abortistas estão pensando diante dessa pergunta?

    ResponderExcluir
  42. é como eu já dizia, punheta é holocausto kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  43. Pra quem acha que alma existe recomendo ler "a ilusao da alma" de eduardo gianetti Alma é mais uma das ilusoes criadas pelo ser humano pra aceitar a finitude da vida e pra nos sentirmos superiores aos animais.Só isso, Pura besteira

    ResponderExcluir
  44. Pra quem acha que alma existe recomendo ler "a ilusao da alma" de eduardo gianetti Alma é mais uma das ilusoes criadas pelo ser humano pra aceitar a finitude da vida e pra nos sentirmos superiores aos animais.Só isso, Pura besteira

    ResponderExcluir
  45. Não duvido que cedo ou tarde irão dizer que o espermatozoide tem alma e funde com a alma do óvulo. O que seria um absurdo, claro, pois quantas almas são perdidas no "ato".

    E eu? Sozinho em um hotel, longe da família a mais de um mês, a esta altura já estaria sendo assombrado pelas pobres "almas penadas".

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Editor deste site
Paulo Lopes é jornalista
Trabalhou no jornal 
abolicionista Diario Popular, 
Folha de S.Paulo, revistas da
Editora Abril e em outras 
 publicações. 
Contato

POSTS MAIS LIDO EM 7 DIAS

13 teorias da conspiração sobre o coronavírus. Ou: a bolsa ou a vida?

90 trechos da Bíblia que são exemplos de ódio e atrocidade

66 atividades para fazer em casa durante a quarentena. E o que não fazer!