Paulopes

Religião, ateísmo, teoria da evolução e astronomia

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

Meca veta publicidade com Neymar por ferir ‘santidades'

Talvez agora o jogador Neymar (foto) deixe de fazer proselitismo cristão em campo porque, se continuar, poderá entrar menos dinheiro em seu bolso.

Jogador '100% Jesus'
não é bem-vindo
em países islâmicos
A prefeitura de Meca, cidade saudita que é considerada sagrada pelos muçulmanos, determinou à McDonald’s que suspenda a campanha publicitária na qual aparece o brasileiro que atualmente joga no Barcelona.

O jornal A Meca informou que a prefeitura entendeu que as fotos do jogador violam a “santidade religiosa”.

A prefeitura não faz menção ao fato de o jogador usar sua fama internacional para divulgar o cristianismo evangélico, mas é isso que está por detrás da decisão.

Ozman Mali, porta-voz da prefeitura, emitiu comunicado alertando as demais empresas estrangeiras que respeitem os “sentimentos muçulmanos” quando tiverem de usar personalidades famosas em cartazes.

O mais recente proselitismo religioso em grande estilo de Neymar ocorreu em 2015, em Berlim, quando o Barcelona conquistou o troféu da Liga dos Campeões, ganhando do Juventus por 3 a 1.

Na ocasião, diante das câmeras de TV que transmitiam para o mundo, Neymar colocou na cabeça a faixa “100% Jesus”.

Com informação das agências e foto de divulgação.





Franceses acusam Neymar de fazer proselitismo religioso

Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...