Paulopes

Religião, ateísmo, teoria da evolução e astronomia

sábado, 6 de dezembro de 2014

Entidade anti-islâmica lança na Austrália o vinho '72 Virgens'

Rótulo do vinho que
faz sátira ao islamismo
A Sociedade Q, uma organização australiana anti-islâmica, lançou o vinho espumante "72 Virgens", o Hal & Al 72 , para financiar suas atividades, com a realização de palestras. A bebida custa cerca de US$ 60.

O Alcorão, que proíbe o consumo de bebida alcoólica, afirma que todos os muçulmanos obedientes e corretos irão para o céu onde terão à disposição 72 virgens, além de outras “regalias”, como almofadas verdes bordadas de ouro, roupas de seda e água mineral de torneiras reluzentes.

A Sociedade Q foi criada em 2010 por um grupo de pessoas seculares com o propósito de divulgar uma abordagem crítica do islamismo, que é a religião que mais tem se expandido no mundo, apesar de muitas de suas lideranças estimularem atos de discriminação e violência.

Debbie Robinson, presidente da organização, disse que a sátira é uma boa arma contra a intolerância religiosa.

Disse que o rótulo do vinho não informa em que vinicultura ele foi produzido, para evitar que o fornecedor sofra retaliações.

O rótulo traz o seguinte esclarecimento: “Quem beber este vinho pode ficar impedido de entrar no céu islâmico, mas os paraísos judeu e cristão continuam como alternativas”. 

Com informação do Fox News.





Muçulmanos pedem decapitação do indonésio ateu
fevereiro de 2012


Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...