Paulopes

Religião, ateísmo, teoria da evolução e astronomia

sábado, 17 de maio de 2014

Fósseis revelam que maior animal da terra pesava 77 t

Osso de coxa serviu para dimensionar o dinossauro
Argentinosaurus (acima) perdeu 
título de maior animal do planeta
Arqueólogos desenterraram perto do deserto de La Flecha, a 250 km a oeste de Trelew, na Patagônia, do lado da Argentina, fósseis do dinossauro que provavelmente tenha sido o maior animal que já viveu sobre a Terra. Trata-se de um herbívoro de uma espécie do Cretáceo que ainda não tinha sido catalogada.

Pelo tamanho dos ossos da coxa, paleontólogos calcularam que o animal tinha 40 metros de comprimento (da cabeça à ponta do rabo) e 20 metros de altura, equivalente a um edifício de sete andares.

Seu peso foi estimado em 77 t, o mesmo que 14 elefantes africanos ou 7 t a mais do que o dinossauro Argentinosaurus (na ilustração), o recordista anterior, também descoberto na Patagônia.

Quem primeiro localizou os fósseis foi um trabalhador rural, que tropeçou em um osso petrificado.

Sob a orientação dos doutores José Luis Carballido e Diego Pol, uma equipe do Museu de Paleontologia fez a escavação. “O novo dinossauro é o maior animal conhecido que andou na Terra", confirmou um dos paleontólogos da equipe.

No lugar havia esqueletos parciais de 7 indivíduos, todos em excelentes condições.

O herbívoro gigante viveu na Patagônia entre 95 e 100 milhões de anos, de acordo com a idade das rochas do local onde foram encontrados os ossos.

Os pesquisadores estão escolhendo para o novo dinossauro um nome que descreva sua magnificência e que ao mesmo tempo homenageie o trabalhador que o descobriu.

Pesquisadores ficaram surpresos com o tamanho do dinossauro
Com informação da BBC News e outras fontes.





Escolas cristãs dos EUA ensinam que monstro do Lago Ness é real
junho de 2012


Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...