Pular para o conteúdo principal

Ministério Público pede à Assembleia da Paraíba que não faça proselitismo religioso

Se o Legislativo continuar invocado a "proteção de Deus" no início das sessões, o órgão vai propor uma Ação Direta de Inconstitucionalidade 


Em defesa do Estado laico, o Ministério Público do Estado da Paraíba "recomendou" à Assembleia Legislativa que revogue o artigo de seu regimento interno que se refere à invocação "proteção de Deus" na abertura das sessões e que determina a exposição de um exemplar da Bíblia na tribuna durante o expediente, "para os deputados que dela queiram fazer uso".

A recomendação contém a advertência de que o Procurador Geral de Justiça entrará com uma ADI (Ação Direta de Inconstitucionalidade) contra os referidos trechos do regimento, caso a Assembleia os mantenha por mais de 30 dias.

A Assembleia de Paraíba
terá de respeitar
o Estado laico
FOTO: DIVULGAÇÃO

A Procuradoria foi acionada por representação de Eduardo Banks, ativista da laicidade de Estado.

Ele explica que sua estratégia é mirar pequenas cidades do interior, como Campina Grande, na expectativa de que, assim, haja precedentes favoráveis à laicidade na Justiça, para, depois, ele se concentrar em cidades maiores, incluindo as capitais.

Nesse sentido, ele afirma que, independentemente da defesa que a Assembleia de Paraíba apresentar, o Tribunal de Justiça terá de manter a coerência com as suas decisões firmadas em casos como o de João Pessoa, Campina Grande e Bananeiras.

Banks informa estar fazendo uma jurimetria (estudo estatístico aplicado ao direito) para, a partir do "cerco" à jurisprudência de Estados, "lançar um ataque contra a União" de modo que a laicidade de Estado se fortaleça em todo o território nacional.

> Com informação do Ministério Público e de outras fontes.

Comentários

CBTF disse…
Parabéns pelo trabalho, mal sabem esses cristãos que ao defender a laicidade estamos protegendo eles mesmos de eventuais abusos.

Post mais lidos nos últimos 7 dias

Influenciadora cristã torna-se ré por associar enchentes no Sul à quantidade de terreiros

90 trechos da Bíblia que são exemplos de ódio e atrocidade

Bianca Machado Cotta, vítima do voo AF 447

Responda cristão: Deus criou as estrelas antes ou depois da Terra?

Alunos evangélicos de escola de Manaus recusam trabalho de cultura africana

Líder de igreja é acusado de abusar de dezenas de fiéis

Ateus americanos recorrem à Justiça na 'guerra ao Natal'

Ateus são o grupo que menos apoia a pena de morte, apura Datafolha

Valdemiro pede 10% do salário que os fiéis gostariam de ter

A física moderna sugere que o tempo não avança, é apenas uma ilusão