Mortes no mundo por coronavírus sobem 50% em uma semana e passam de 150 mil

O número de mortes provocadas pela doença Covid-19 passou de 150 mil em todo o mundo nesta sexta-feira, um aumento de 50% em apenas uma semana – em 10 de abril, a cifra global era de 100 mil vítimas. As informações são da Universidade Johns Hopkins.

A pandemia, que teve início na China no final de dezembro, já deixou mais de 2,2 milhões de pessoas infectadas, segundo números oficiais. Mais de 565 mil pacientes se recuperaram.

Os Estados Unidos são o país mais atingido, com quase 687 mil casos confirmados e mais de 32 mil mortes. 

A Espanha vem bem atrás, com 188 mil infecções e 19 mil mortes. 

A Itália soma menos casos, 172 mil, mas tem mais vítimas que a Espanha, com mais de 22 mil óbitos.

NO BRASIL, A CHAMADA CURVA
DA MORTE COMEÇOU AGORA
A PEGAR EMBALO

Com informação das agências.




Vídeo: Quarentena, brigas políticas, remédios polêmicos. É a Gripe espanhola de 1918!

20 fatos que você precisa saber sobre entubação

Vídeo: prefeito que disse que cura da Covid-19 virá da igreja é internado

'Internet Segura' adverte para onda de golpes na quarentena

Cidade de Nova York improvisa necrotério fora de hospital

Psicóloga diz como é possível manter o equilíbrio emocional em tempo de pandemia

13 teorias da conspiração sobre o coronavírus. Ou: a bolsa ou a vida?

Microbiologista critica a negação à ciência e alerta que o Covid-19 mudou o mundo




Comentários