Pular para o conteúdo principal

Indigenistas temem que religiosos causem o genocídio com Covid-19 de índios isolados

Uma portaria da Fundação Nacional do Índio (Funai) causou forte apreensão entre indigenistas.

O texto concede autorização para que as 39 coordenações regionais do órgão, que estão repletas de gestores indicados politicamente, possam estabelecer contato com povos isolados por conta da pandemia do novo coronavírus.

Em entrevista à DW Brasil, o consultor internacional de políticas para povos indígenas isolados Antenor Vaz projeta um cenário de genocídio caso a medida seja colocada em prática.

Para o sertanista, com mais de 25 anos de experiência em campo junto a essas populações, o episódio configura mais uma investida de grupos religiosos com representação na autarquia e outras instâncias do governo federal.

Com informação do Deutsche Welle, que é a emissora internacional da Alemanha e produz jornalismo independente em 30 idiomas.



Anvisa aprova oito testes rápidos para diagnóstico do Covid-19

'Patroa' contaminada não avisa empregada doméstica, que morre de coronavírus

Igrejas pedem que fiéis rezem contra a pandemia. Alguém avisou o coronavírus?

Morre de coronavírus o presidente do conselho do Santander em Portugal

Supremo derruba liminar que sugeriu soltar presos por causa do Covid-19

Justiça de SP dispensa trabalho presencial de professores de escolas particulares




Comentários

Editor deste site
Paulo Lopes é jornalista
Trabalhou no jornal 
abolicionista Diario Popular, 
Folha de S.Paulo, revistas da
Editora Abril e em outras 
 publicações. 
Contato

POSTS MAIS LIDO EM 7 DIAS

Vídeo: R.R. Soares manda o Covid-19 para o inferno, mas não tira a máscara do rosto

13 teorias da conspiração sobre o coronavírus. Ou: a bolsa ou a vida?

90 trechos da Bíblia que são exemplos de ódio e atrocidade