Ateus são o grupo que menos apoia a pena de morte


63% dos católicos
defendem a execução

O Brasil é uma nação de população cuja maioria (acima de 90%) segue uma religião, a cristã, que, em tese, defende a vida e prega o amor ao próximo.


Mas o maior grupo que se opõe à pena de morte é o de ateus, mais de 50% do total deles, de acordo com o Datafolha.


Os católicos se destacam como os maiores defensores da condenação, com 63%. Do total, 34% são contra.

Dos evangélicos, 50% são favoráveis e 45% contrários.

O Datafolha entrevistou 2.765 adultos em 192 municípios nos dias 29 e 30 de novembro de 2017.

Em relação à totalidade da população, houve um aumento para 57% de adesão à pena de morte, na comparação com os 47% verificados em 2008.

O apoio à execução é maior entre os mais pobres e os menos escolados.

Por faixa etária, o segmento que mais apoia a pena é o de 25 a 34 anos, representando 61% deles

Com informação da Folha.




83% dos ateus não apoiam a punição de mulher por aborto

Comentários

  1. 06.02.18
    O JOGO DA VIDA E DA MORTE NO BRASIL: DIABO (10 MIL) VERSUS JEOVÁ E JESUS (O1). NARRAÇÃO: GRANDE MÍDIA ABERTA BRASILEIRA, DROGADA E PROSTITUÍDA. O Império Brasileiro das Comunicações jamais falou uma frase em favor do ateísmo, tampouco mencionou a estreita relação entre o ateísmo, o método científico e os grandes cientistas da humanidade, do passado e do presente. Nós sabemos o porquê. Para essa Grande Mídia fake e fajuta, a Ciência é apenas uma vaca que lhe dá o leite e os meios tecnológicos para faturar bilhões. Todavia, é muito triste acordar pela manhã e constatar as imbecilidades e os crimes contra a humanidade praticados por esses impostores e bagunceiros arrumadinhos contra uma população indefesa. O Terceiro Mundo é terrivelmente escarnecido por suas respectivas religiões, principalmente o Brasil com seus 12 milhões de analfabetos e seus 120 milhões de analfabetos funcionais (pessoas com o máximo de escolaridade até o Ensino Fundamental). Essas pessoas, sem saber que estão sendo enganadas e vilipendiadas, quase chegam ao orgasmo quando leem ou escutam imbecilidades tais como: “Enquanto o Anticristo e seus exércitos atacarem Jerusalém, Deus intervirá e Jesus Cristo voltará. O Senhor destruirá os exércitos, capturará o Anticristo e o Falso profeta e os lançará no lago do fogo” (Apocalipse 19.11-21). Senão vejamos: A religião judaico-cristã nesses 3500 anos (?) de existência já provocou centenas e centenas de milhares de armagedons, apocalipses, genocídios, torturas, perseguições. Moisés e Josué foram dois assassinos e genocidas. Sendo assim, podemos considerar Jeová e Jesus os verdadeiros anticristos. É estarrecedor o ponto ao qual pode alcançar a imbecilidade humana em acreditar piamente na bondade e na perfeição desses mitos religiosos. Por outro lado, é também muito divertido assistir a manipulação e a lavagem cerebral diárias impostas aos telespectadores incautos, pela grande mídia brasileira. Sabemos que no país mais cristão do mundo, o Brasil, morrem 50 mil pessoas por ano em desastres no trânsito e mais 60 mil mortos pela violência e ou criminalidade. E estamos mencionando somente de dois tipos de tragédias. Que país maravilhoso, abençoado por Deus e por Cristo, não é mesmo? Pois bem, quando um ou outro infeliz escapa com vida dessas estatísticas macabras a Grande Mídia Drogada e Prostituída faz um grande alarde invocando milagre! Nem sei mais se esse Brasil é cômico ou trágico. É verdade, é tragicômico! O mais dramático e estarrecedor é que as próprias vítimas das tragédias e da violência começam com toda essa baboseira de “milagre”. Ou seja, o Diabo, sozinho, ganha de Deus e de Jesus por MILHARES a UM OU DOIS, talvez 6. Entretanto, quando Deus e ou Cristo fazem um gol a galera quase chega ao orgasmo ou à turgescência. “Eu voooou pra galeeeeeeeeeeeera! LUÍS CARLOS BALREIRA. PRESIDENTE MUNDIAL DA LEGIÃO CIENTÍFICA BRASILEIRA.


    ResponderExcluir

Postar um comentário