Morre astronauta russo que foi o primeiro homem a caminhar no espaço

Leonov foi o primeiro a
 andar do lado de fora de
uma espaçonave

das agências

O cosmonauta russo Alexei Leonov (foto) morreu no dia 11 de outubro de 2019, em Moscou, aos 85 anos. 

Ele foi o primeiro homem a caminhar no espaço sideral. O pioneiro andou do lado de fora de uma espaçonave em 1965. A informação foi confirmada pela Agência Espacial Estadunidense (Nasa) e pela agência de notícias russa Tass.

Leonov lutava contra uma doença há muitos anos. Ele morreu no Hospital Burdenko, na capital russa. 

O cosmonauta fez dois voos ao espaço. O primeiro foi em março de 1965, como co-piloto da espaçonave Voskhod-2. 

Foi nessa missão em que Leonov realizou a primeira caminhada no espaço sideral, durante 12 minutos. Ele realizou novo voo em julho de 1975, como comandante de uma missão de encontro com astronautas estadunidenses.

A Nasa lamentou a morte do cosmonauta. 

“Estamos entristecidos com a perda do legendário Alexei Leonov, que se tornou o primeiro a andar no Espaço. Sua aventura no vácuo do espaço começou a história de atividades extraveiculares que permitem a manutenção de estações espaciais hoje possível”, destacou a entidade em sua conta no Twitter.



Dois astronautas fazem caminhada de 7 horas na Estação Espacial

Notícia falsa de que ateu viu anjos se espalha na rede social

Nasa lança sonda programada para 'tocar' a coroa do Sol

Pontes diz que acredita em Deus, mas não mistura religião com ciência




Comentários