Youtuber diz que sacrifício de bode atrapalha governo de Bolsonaro

Fundamentalista
 afirma  que quem não
 orar vai se arrepender

O Youtuber Bernardo Küster (foto) postou em seu canal um vídeo [ver trecho abaixo] pedindo oração ao presidente Bolsonaro, que está sendo prejudicado, segundo ele, por “magia negra”.

Afirmou ter certeza de que há muitas pessoas “sacrificando bode, bicho, até gente contra esse país”.

“Essas pessoas acreditam em feitiçaria, mas nós temos um Deus que venceu a morte, que pôs em vergonha os demônios.”

Küster é católico, embora sua pregação pareça neopentecostal.

Ele tem mais de 690 mil inscritos em seu canal do Youtuber.

O pedido de oração recebeu apoio.

Alexa Philyppis, por exemplo, escreveu que ora desde antes das eleições. “A batalha espiritual é grande, mas Deus vai vencer.”

Küster é seguido no Twitter pelo presidente Bolsonaro, Eduardo Bolsonaro, embaixador Ernesto Araújo, ministro Onyx Lorenzoni, Movimento Brasil Livre, entre outros.

O vídeo de Küster tem sido alvo de críticas e gozação na rede social.

Henry Bugalho, por exemplo, escreveu no Twitter que “logo começam a acender as fogueiras para queimarem bruxas e hereges”.

O ex-senador Roberto Freire afirmou o "que os fundamentalistas evangélicos, que são base importante no governo Bolsonaro, têm a dizer sobre essas magias e macumbas? Pobre Brasil!”.


Com informação da rede social.




Fundamentalismo religioso de Bolsonaro é pior que o da Idade Média, diz Roberto Freire

Bolsonaro logo vai descobrir que orações não resolverão os problemas do Brasil

Damares usa projetor de fotos para criticar a performance ‘xerecas satânicas’

Onde termina o extremismo religioso e começa a loucura?



Receba por e-mail aviso de novo post

Comentários

  1. Bodes, eu não sei, mas, que existe muita gente ainda ressentida com o resultado das urnas, isso eu não tenho a menor dúvida. Fora que Bolsonaro vem batendo sistematicamente em vários interesses escusos que estavam por aí mamando há muito tempo o suado dinheiro do contribuinte brasileiro. Era preciso uma mudança. O Brasil não aguentava mais segurar tantos FEUDOS de gente, que só pensava no próprio umbigo. A corrupção estava estratosférica.

    ResponderExcluir
  2. Bodes, eu não sei, mas, que existe muita gente ainda ressentida com o resultado das urnas, isso eu não tenho a menor dúvida. Fora que Bolsonaro vem batendo sistematicamente em vários interesses escusos que estavam por aí mamando há muito tempo o suado dinheiro do contribuinte brasileiro. Era preciso uma mudança. O Brasil não aguentava mais segurar tantos FEUDOS de gente, que só pensava no próprio umbigo. A corrupção estava estratosférica.

    ResponderExcluir
  3. O estranho é que eles dizem não acreditar em bruxarias, mas oram para combatê-las. Risível, isso!!!

    ResponderExcluir
  4. Esse cara é um doentão e pior, os vídeos deste mongo não param e aparecer na minha lista de recomendados, parece um castigo, é incrível.
    A primeiro momento pensei que era um canal sério, mas depois que assisti a 2 vídeos vi que era só mais um fanático religioso.

    ResponderExcluir
  5. A única caveira enterrada, que é de burro, é a Ministra Damares Alves. No dia em que o Capitão se livrar dela, começa a governar.

    ResponderExcluir
  6. Caramba essa notícia é inacreditável, bem vistos a República Fundamentalista do Brasil (Evanjeguequistão).

    ResponderExcluir
  7. Bode, gente sendo sacrificado eu não sei... Mas sei que essa política do (des)governo está assassinando pobres por bala ou falte de medicação, indígenas pela devastação da Amazônia e muito mais.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

EDITOR DESTE SITE



Paulo Lopes é jornalista profissional diplomado.
Trabalhou no jornal centenário abolicionista
Diário Popular, Folha de S.Paulo, revistas da
Editora Abril e em outras publicações.