Grupo joga bombas em igreja do Chile e deixa mensagem: ‘Porcos estupradores’


Mensagem faz
referência ao
escândalo do
acobertamento
da pedofilia

No Chile, um grupo de pessoas jogou três coquetéis Molotov em uma igreja católica e deixou uma mensagem: “Porcos estupradores. Nós não queremos seus sermões”.

Não houve feridos.

O atentado ocorreu na noite de 25 de maio de 2018, na igreja de Nossa Senhora das Américas, em Conchalí, região metropolitana de Santiago [mapa abaixo].


Até agora, a polícia não pegou nenhum suspeito.

Em janeiro de 2018, dias antes da visita do papa Francisco ao Chile, pelo menos quatro igrejas foram alvejadas por bombas.

A Igreja Católica do Chile está em crise porque vinha acobertando padres pedófilos, e os bispos do país conseguiram convencer o papa por algum tempo de que as denúncias das vítimas não tinham fundamento.

Um emissário do Vaticano descobriu a farsa.



Acobertamento de padres pedófilos acelera declínio da Igreja no Chile

Pedofilia leva todos os bispos do Chile a pedir demissão ao papa




Igreja do Chile tem confraria secreta de pedófilos, denuncia católica

A responsabilidade dos comentários é de seus autores.


Comentários

Busca neste site