Nos EUA, Justiça obriga Igreja a divulgar casos de pedofilia

do Religión Digital

José Gómez
Arcebispo Gómez admitiu que os
relatórios são tristes e diabólicos
“Estes documentos são duros e difíceis de serem lidos. O comportamento descrito nestes relatórios é terrivelmente triste e diabólico”, revelou o arcebispo de Los Angeles, José Gómez (foto).

O arcebispo de Los Angeles, José Gómez, divulgou relatórios sobre casos de pedofilia que envolve uma centena de sacerdotes.

Os 124 textos, divulgados na internet da Arquidiocese por uma decisão judicial de 2007, incluem 82 relatórios que contêm informações sobre acusações de pedofilia.

O arcebispo afirmou no site que “estes abusos remontam a dezenas de anos atrás. Mas que isto não os torna menos graves”.

“Estes documento são duros e difíceis de serem lidos. O comportamento descrito nestes relatórios é terrivelmente triste e diabólico. Não há desculpas, nem justificativas para o que aconteceu com estas crianças”, acrescentou.

“Os sacerdotes implicados tinham o dever de protegê-las (as crianças), de serem seus pais espirituais e falharam”, acrescentou Gómez, que destacou: “Devemos reconhecer hoje que houve terríveis infrações”.

No começo de janeiro, a Justiça ordenou que a Igreja católica de Los Angeles divulgasse a identidade dos altos responsáveis acusados de pedofilia, uma decisão bem recebida pelas vítimas.

O arcebispo se comprometeu a cumprir a ordem da juíza Emilie Elias, que anulou uma decisão anterior do juiz Dickran Tevrizian, em 2011.

Então, Gómez assegurou que a “maioria das informações solicitadas já havia sido divulgada” em 2004 em um “Informe ao Povo de Deus”.



Nos últimos anos, a Igreja se viu envolvida em vários casos de acusações contra supostos padres pedófilos, especialmente nos Estados Unidos, onde um de cada quatro cidadãos se diz católico.

Igreja acobertou na Argentina padre que violentou 50 jovens
setembro de 2012

Casos de padre pedófilo

Comentários

  1. a "era" dos padres está chegando ao fim.



    humano, demasiado humano...

    ResponderExcluir
  2. Aleluia! normalmente a igreja ate se desculpava, depois jogava a culpa toda em cima de alguém ou alguma coisa, e não fazia mais nada, parece que a coisa ta mudando.

    ResponderExcluir
  3. Igreja católica apostólica pedofila romana..

    ResponderExcluir
  4. Anônimo,por erros de alguns padres você não pode culpa a Igreja como entidade por erros humanos a Igreja Católica Apóstolica Romana,tem o trabalho grandioso
    em recupera drogados,tem abrigos de velhos mantido pela a Igreja,que inportante no mundo inteiro mediga isso ja e vicio ou odio desses ateus atacar a Igreja Católica,tem pena desses ateus sem alma condenados para o inferno.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. a igreja não mantém nada. Ele não vende um alqueire de terra pra doar o dinheiro aos pobres..

      Nos tínhamos a terra e eles a bíblia.
      Agora nos temos a bíblia e eles a terra.

      A igreja católica cobra até para batizar LOL #FACEPALM

      Excluir
    2. Chora mais crentalhão

      Excluir
    3. Leva o pedófilo pra casa, crentelho.

      Excluir
    4. paulo, você escreve mal pra cacete, cara, sua pontuação é horrível. Não tem uma gramática na tua casa?

      Ah sim, e tua causa é perdida, meu filho. Não tem como defender essa instituição podre chamada ICAR. Te conforma.

      Excluir
  5. Essa deve ser a tal "perseguição" que o arcebispo se refere... Os pedófilos estão sendo perseguidos, tadinhos...

    Tem que prender e jogar a chave fora. O islã tem um monte de defeitos, mas pelo menos lá estuprador tem o pinto cortado e jogado fora.

    Façam parte da campanha: mandem um padre pedófilo para fazer um trabalho missionário no islã! Pelo menos poderiam morrer como "mártires" da igreja católica...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Legal, o Islã não tolera "estuprador", apenas faz casamento de homens velhos com meninas impúberes (menores de 10 anos). Ah sim, mas esqueci que o problema é somente com homossexuais, não é? Sim, afinal, quando se fala em pedofilia, só se pensa em homossexuais, tanto que daí a sua sugestão para punir os pedófilos mandando-os para terras islâmicas, afinal, em sua mente, eles são homossexuais e iriam sofrer muito onde apenas a pedofilia heterossexual é aceita.

      HOMOFÓBICOS são lixo, escória, não devem ser considerados humanos, pois são verdadeiras abominações danosas à humanidade! Deveriam ser jogados num calabouço escuro e úmido, passando a pão e água até definharem suas nefastas existências como vermes que são!

      Excluir
  6. A casa ta caindo pra crentalhada.

    ResponderExcluir
  7. Vaticano - Riqueza se deve a Corrupção e Assaltos em Massa - Igreja Católica

    VEJA este documentário.

    http://youtu.be/Zw1HUrBe77U

    ResponderExcluir
  8. A maioria das vítimas, cristãs como são, só estão querendo uma boa revanche. Não se trata de evitar novos abusos, pois se fosse o caso elas não continuariam a fomentar esta religião que dá aval para todos os tipos de abusos possíveis contra a humanidade!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Busca neste site