MP instaura inquérito para apurar doação de rua à Mundial

Templo rouba 137 metros do espaço público
O MP-SP (Ministério Público de São Paulo), por intermédio da Promotoria de Habitação e Urbanismo, instaurou um inquérito para apurar a “doação” pela municipalidade à Mundial de um terreno destinado ao prolongamento de uma rua no bairro de Santo Amaro, zona sul da cidade. Sem alvará da prefeitura, a igreja está construindo no local um templo cujo terreno total equivale a um quarteirão. 

No dia 29 de agosto, a Câmara Municipal aprovou em primeira discussão o projeto de lei 71/12 que legaliza a ocupação pela igreja de 137 metros de espaço público. A votação em segunda discussão estava prevista para o dia 5 de setembro, mas foi adiada.

Por detrás dos 31 votos a favor do PL dos vereadores está o prefeito Gilberto Kassab (PSD), aliado político de José Serra (PSDB), candidato a prefeito. Dias antes da votação da Câmara, Serra tinha comparecido a um culto de Valdemiro, de quem obteve uma “benção”.

O promotor José Carlos de Freitas pediu a Kassab e à Igreja Mundial “informações sobre a legalidade” das obras, principalmente tendo em vista o arquivamento do projeto de lei 224/11. De autoria de Kassab, esse projeto, sem mencionar o templo da Mundial, desobrigava a municipalidade de construir o prolongamento da rua Bruges.

Freitas disse que o projeto teve de ser arquivado porque a Constituição estadual determina que a população participe por intermédio de audiências públicas das discussões sobre mudanças viárias de planejamento urbano.

Freitas quer saber da Câmara Municipal por que os vereadores aprovaram o PL 71/12 se eles já tinham concordado em arquivar o PL 224/11 — ambos têm praticamente o mesmo teor. Para o promotor, está havendo uma manobra política para beneficiar a Mundial.

Templo da Mundial no bairro de Santo Amaro, em São Paulo
O templo está sendo construído sem o alvará da prefeitura
Com informação do Correio do Brasil e deste site.

MP estuda pedir demolição de templo da Mundial que roubou rua
junho de 2012

Valdemiro Santiago.    Religião no Estado laico.

Comentários

  1. Não se preocupe, o Russomano vai legalizar tudo

    Afinal teremos uma igreja em casa esquina.


    PS: ironia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nesse caso é 1 igreja só para várias esquinas, imagina o som que vão usar pra todos ouvirem dentro desse galpão. Imagina que inferno vai ser morar nesse bairro.

      Excluir
  2. São Paulo tá na merda nos próximos 4 anos...

    ResponderExcluir
  3. Sinto falta dos homens bombas

    ResponderExcluir
  4. Tenho medo do que o Brasil está se transformando

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fale por você. Aqui no Espírito Santo, onde a maioria é evangélica, o negócio é terrível. Aguarde, o fundamentalismo será institucionalizado e, paulatinamente teremos um Estado de fato verdadeiramente secularizado. Isso é só o começo do fim.

      Excluir
  5. Para que serve uma igreja? Além das versões religiosas serem um punhado de fábulas e de tradições... Ou seja, meras mitologias, para acreditar o crente precisaria ainda ser enganado...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente, as igrejas tem um papel fundamental na estabilidade da sociedade. Bem ou mal, as religioes ajudam os ferrados a se manterem minimamente satisfeitos na situaçao em que estao.

      Excluir
    2. Nunca li tanta asneira...
      O papel de ajudar aos "ferrados" é do governo.
      As religiões, junto de Flamengo e Corinthians, além do carnaval, é claro, apenas iludem às pessoas e tapam os seus olhos para tudo o que acontece...

      Excluir
    3. Enquanto isso na Suécia...

      Excluir
    4. Ou seja, religiões ó servem pra ferrar com o povão, afinal elas evitam que as pessoas fiquem muito insatisfeitas e cobrem melhores condições do governo

      Excluir
  6. Espero que isso "de em algo" o que eu acho difícil, pois pelo o que vejo toda a base da estrutura já está completa, sem contar com as paredes externas, vão derrubar tudo se for constatado a ilegalidade? (o que já é obvio!) Duvido muito disso.

    ResponderExcluir
  7. Essa maldita religião evangélica ta destruindo o Brasil

    ResponderExcluir
  8. Ah, se eu pudesse mudar de país!!!

    ResponderExcluir
  9. O engraçado é ver o engajamento de políticos com a religião , sendo que religião era a última coisa que um governo deveria se preocupar mesmo porque religião é um assunto privado de cada ser humano tem quem tem e tem quem não tem . Mais eu vejo que se pudesse cristãos gostaria de tomar o lugar da constituição. O governo há de se preocupar com moradia, saúde , segurança pública , infra estrutura , educação , porque religião é um caso a parte e não prioridade.

    ResponderExcluir
  10. Tem algo errado nisso ai. Não vi até agora UMA pessoa falando bem do Russomano. Então como q esse cara tá na frente na disputa pela prefeitura de SP ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vai no blog do Maracutaia que vc vai ver um bando de papagaios falando bem dele.

      Excluir
    2. Porque quem vota nele não tem opinião, apenas segue o bando, a onda, as estatísticas eleitorais, o lobby da Universal. Quem fala mal está discutindo ideias, sopesando prós e contras do candidato, vendo algo a mais por detrás da imagem polida de TV. Infelizmente, consciência política é privilégio de poucos.

      Excluir
  11. Pobres paulistas, sempre tão arrogantes e senhores de si...primeiro entregaram seu banco estatal para a privataria tucana, agora sua capital será entregue a uma igreja qualquer, já imagino o secretariado: é o pastar fulano, o bispo beltrano, o obreiro sicrano, que mico!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ja nao basta o preconceito da crentalhada, agora tem bairrismo por aqui tambem? Vai caçar um marido

      Excluir
    2. Amigo, você tá enganado, não aticei por bairrismo e sim pra mexer com os brios da paulistada, lamento realmente o ponto a que se chegou.Bons paulistanos e ateus, reajam!

      Excluir
  12. Esta é a maior prova que o povo vota mal, e muito mal mesmo!

    ResponderExcluir
  13. engracado. quando a prefeitura doa praças e locais para templos catolicos, ninguem reclama né? preconceito mata!

    ResponderExcluir
  14. Vocês ateus são um bando de idiotas; abram uma igreja também e vão garantir a vossa prole e os vossos genes...

    Imbecis...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que feio, deus provavelmente nao gostou do que você escreveu, peça perdão ou irá para o inferno.

      Excluir
    2. Crente doloridinho detected

      Excluir
    3. Não abriria uma porque não há espaço para os microempresários.
      Respondo por mim mesmo.

      Excluir
  15. Tomara que aconteça uma desgraça e esses filhos sem mães morram. Tomara que percam metade de seus corpos, especialmente a cabeça, para que fiquem com sequelas irreversíveis e deixem de praticar suas atividades. Uma batida de seus respectivos carros contra uma carreta pesadamente carregada seria uma boa, ou que, pelo menos a roda do segundo eixo passasse por cima do tórax desses vermes. Tomara que os peões contratados pra essa construção, e as demais com contexto semelhantes, sejam os piores, para que na primeira semana da entrega, a parede lateral direita seja a que está com 90% do peso total da estrutura e que se rompa, arruinando tudo sobre o nosso amigo Valdemiro, mas que ele morra atravessado verticalmente por um vergalhão belgo 50s. E naquela bagunça toda, o Kassab apareça, e que a equipe de reportagem chame-o para uma entrevista, mas para que isso aconteça a equipe precisa atravessar a rua, o Kassab numa outra calçada, numa esquina, e uma ambulância, longe, já sendo avistada por sua sirene; que pelo grau do acidente no templo e por se tratar do pastor, o motorista ultrapasse os 90km/h no bairro, uma curva se aproxima, já é a rua do templo, o motorista avista a equipe de reportagem atravessando a rua, então, por estar numa velocidade muito alta e com uma distância pequena, o motorista resolve frear e mudar a direção da ambulância, mas ela vai direto ao prefeito; a pancada é tão grande que seu corpo explode e quando cai no chão está todo aberto e de cara inchada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara, que louco Lucovisch, ou tu é um débil mental ou tu estás assistindo muito premonição, que paranoico, ainda fala que crente é que é louco!

      Excluir
    2. ...E para você desejo toda saúde possível.

      Excluir
    3. lukovisch não esquenta com esse tolo alienado, esse pobre coitado teve seu cérebro frito pela religião desde quando ele era um pequeno garotinho, sinto pena deste trollzinho, pregar pra quem não sabe é moleza, mas pra quem tem um certo entendimento de certas coisas nem com muita grana viraria crente...

      Excluir
    4. Quando eu era mais ignorante, pensava que, quando informando, mostrando provas, seria o suficiente para que qualquer 'gentalha' usasse sua lógica e criasse consciência, que ficasse, de fato, a par da situação. Meu engano!
      Fica difícil passar a informação sem demonstrar uma crítica agressiva, a passividade ainda não ultrapassou esse campo que os 'protegem'.

      Excluir
  16. Se isso é um "templo" o deposito das casas Bahia é o vaticano. Ja que vão enganar o povo (digo ajudar), podiam fazer isso num lugar mais bonito, Veja o exemplo da universal no brás, com o belíssimo templo de salomão (sarcasmo).

    ResponderExcluir
  17. Não são igrejas são centros de arrecadação mediante venda de auto ajuda.

    ResponderExcluir
  18. tantas pessoas precisando de um pedacinho de chão para contruir seus barracos....e .... É UMA VERGONHA. RELIGIÃO DROGAS E POLÍTICA juntos só dá nisso.

    ResponderExcluir
  19. Valdemiro usou todo seu poder "$" junto aos políticos e no aprove "$" com o tal Aref para construir esses sanatórios. No Brás, conseguimos fechar sua fabrica de malucos por falta de segurança, falta de isolamento acústico, transtorno ao trânsito, comércio ilegal nas ruas, superlotação, barulho, baderna até altas horas, madrugada adentro.
    O problema, é que esse maldito está simplesmente trocando um velho galpão de concreto, por um novo galpão de estrutura metálica.
    Não estamos vendo:
    Área para estacionamento – necessário mais de 1500 vagas.
    Adequação do entorno, com obras para melhorar a fluidez do trânsito – nada está sendo executado.
    Debaixo desse angu tem muito caroço. Esse projeto ficou meses e meses parado na Secretaria de Habitação sem aprovação por não atender a legislação, de repente, foi aprovado a toque de caixa.
    Por favor, alguém da imprensa, investigue a execução / aprovação dessa obra na rua Carneiro Leão, 439, no Brás.

    ResponderExcluir

Postar um comentário