Críticos de Trump deveriam se matar, diz padre americano


O padre Philip Pizzo postou na rede social um meme pedindo às pessoas que não gostam do presidente Trump que se matem.

Apesar deste meme,
pastor diz que não
apoia o suicídio
O meme mostra um homem se jogando de um edifício.

O padre é da Igreja St. Benedict Joseph Labre, do Queens, um distrito de Nova Iorque.

Devotos ficaram revoltados com o Pizzo.

Questionado pelo New York Post, o padre disse que distribuiu a mensagem por a achou "engraçada".

“O suicídio não é engraçado”, disse o devoto Carlos Coburn, que já pensou em se matar.

O meme do padre é apenas mais uma manifestação de regozijo de sacerdotes católicos e evangélicos pela chegada de um "homem de Deus", Trump, à presidência dos Estados Unidos.

Com informação do New York Post e ilustração da rede social.

Envio de correção.

Grupo de discussão no WhatsApp.

Treze das vítimas dos padres pedófilos belgas se suicidaram