Paulopes

Religião, ateísmo, teoria da evolução e astronomia

......................................................................................

segunda-feira, 8 de agosto de 2016

Marco Feliciano já teve projeto de lei para castrar estuprador

Em 2013, quando chamou a atenção da opinião pública por ser um conservador que tinha chegado à presidência da Comissão de Direitos Humanos da Câmara, o pastor Marco Feliciano (PSC-SP), na foto abaixo, apresentou um projeto de lei que, se aprovado, instituía a castração química para estupradores reincidentes.

Patrícia Lellis acusa
 o pastor de tentar
 violentá-la
Agora, nestes meados de 2016, se tivesse conseguido aprovar esse tipo de punição, o próprio pastor estaria correndo o risco de ser castrado.

Isto porque a militante do PSC Patrícia Lellis (foto) registrou no domingo (7) em uma delegacia da mulher de Brasília um B.O. (Boletim de Ocorrência) acusando Feliciano de ter tentado estuprá-la.

Em um áudio, contou como teria sido a abordagem. Ela fez, inclusive, referência ao “pintinho” do pastor.

Em uma entrevista, Patrícia disse que não foi a única mulher a sofrer assédio do pastor. Falou que a diferença é que ela é a primeira a fazer denúncia.

Feliciano nega os ataques.

O projeto de lei de Feliciano defendia a adoção de castração química (feita com medicação) temporária ou definitiva, dependendo da gravidade do caso.

Disse ele na época: “O portador desse desvio sabe que poderá reincidir e, se submeter a tratamento que provoque a castração química, ele poderá livrar a sociedade de seus ataques".

O projeto de lei foi arquivado, e certamente Feliciano não voltará a apresentá-lo.


Com informação das agências.

Mulher não deve ter os direitos do homem, defende Feliciano


Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...