Paulopes

Religião, ateísmo, teoria da evolução e astronomia

quinta-feira, 17 de janeiro de 2013

Banco do Vaticano tem conta secreta de 40 milhões de euros

Jornal diz que ninguém sabe a origem e
destino do dinheiro da conta misteriosa
O Banco Central da Itália descobriu que o IOR (Instituto para as Obras de Religião), que é o nome jurídico do Banco do Vaticano, tem uma conta secreta em uma agência do Deustsche Bank com a movimentação de 40 milhões de euros em  12 meses. O valor equivale a aproximadamente R$ 109 milhões.

O jornal Corriere della Sera informou que “não se sabe praticamente nada” sobre a origem e o destino desse dinheiro.  “O problema é sempre o mesmo: não se conhece o titular efetivo do depósito e, sobretudo, quem tem poder para operar essa conta e, por isso, não se pode aplicar as normas contra a lavagem de dinheiro.”

Essa conta misteriosa fez com que o BC italiano suspendesse o uso de cartões de crédito internacionais em 80 estabelecimentos comerciais do Vaticano. Assim, desde 1º de janeiro, os turistas só podem pagar museus, farmácias, supermercados e lojas de lembranças com dinheiro em espécie, afetando o faturamento dessas atividades e as finanças do Vaticano.

O governo dos Estados Unidos e entidades financeiras internacionais pressionam há anos o Banco do Vaticano para que tenha balanços transparentes, de que modo a evitar que a instituição seja usada para a lavagem de dinheiro de terroristas, traficantes e mafiosos.

O Vaticano estaria resistindo à transparência para não ter de revelar algumas destinações de seus recursos.



O jesuíta Federico Lombardi, porta-voz do Vaticano, disse que os pagamentos com cartões de crédito e débitos voltarão, assim que forem resolvidos, segundo ele,  “problemas técnicos”. 

Com informação do Corriere della Sera

Ex-presidente do Banco do Vaticano teme ser morto
junho de 2012
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...