Salesianos suspendem padres que defendem sexo com crianças

por Carol Glatz, do Catholic News Service, a propósito de
Padre holandês foi conselheiro de entidade pró-legalização da pedofilia

Os Salesianos de Dom Bosco removeram dois membros europeus das suas funções depois que se descobriu que um deles pertencia a uma organização pró-pedofilia e outro fez afirmações em defesa da pedofilia.

A sede salesiana em Roma disse que um padre holandês identificado apenas como padre "Van B." e o superior dos salesianos da Holanda, Herman Spronck, foram suspensos.

"A Província da Bélgica-Holanda anunciou oficialmente que o padre 'Van B.' não tem mais permissão para realizar qualquer atividade pastoral e que o padre Spronck foi liberado de seu ofício como delegado", disse a congregação em um comunicado de imprensa.

O provincial dos salesianos da Bélgica-Holanda, padre Jos Claes, disse que para a "grande surpresa" os salesianos, o padre  "Van B." era membro de uma associação holandesa que defende a legalização das relações sexuais entre um adulto e uma criança.

Claes disse que a associação "não é compatível com a nossa identidade salesiana" e "nós, portanto, condenamos a participação e as opiniões do Padre van B.".

A província estabeleceu uma comissão para recolher informações sobre as ações e declarações do padre "Van B.", disse Claes, e um relatório da comissão "será enviado aos superiores da Congregação Salesiana em Roma".

O padre Spronck foi demitido de sua posição de superior dos salesianos da Holanda depois que a rádio RTL publicou uma transcrição de uma entrevista com o padre na qual ele supostamente disse que as relações sexuais entre adultos e crianças deveriam ser permitidas.

O sacerdote teria dito: "Não devemos considerar a idade tão rigidamente. Você nunca deve invadir o espaço pessoal de uma criança se ela não o quer, mas isso tem a ver com a própria criança. Também há crianças que indicam que isso está bem. O contato sexual também é, então, possível".

O provincial da Bélgica-Holanda disse: "Tomamos distância completamente dos comentários do Padre H. Spronck", e a ordem o suspendeu "de toda a autoridade delegada" dentro da ordem salesiana.

A sede da ordem ofereceu seus pedidos de desculpas e disse: "Podemos entender que essa notícia, sem dúvida, mais uma vez, feriu gravemente as sensibilidades justificadas de muitas pessoas".

E disse: "A congregação vai tomar as medidas disciplinares necessárias em conformidade com o protocolo em vigor desde 2002 e com as normas dadas pela Igreja sobre essa matéria".

A Conferência dos Bispos da Holanda e a Conferência dos Religiosos da Holanda lançaram uma "ampla investigação externa e independente" sobre casos de abuso sexual clerical em maio de 2010, depois que mais de 1.500 pessoas entraram em contato com a linha telefônica de ajuda às vítimas, e mais de 50 reclamações formais foram registradas em apenas três meses.





Padre italiano pedófilo confessa ser portador do vírus da Aids
maio de 2011

Casos de padre pedófilo.


Comentários

  1. Está é a liberdade Européia que muitos homossexuais e ateus elogiam? Uma criança não tem discernimento para saber o que é bom para ela. Não vou usar de meias palavras e nem vou me preocupar se me chamarem de ignorante, estou me lixando para isso. Não se enganem tal, "liberdade" irá levar a todos que há praticam para o inferno. Não é necessário eu botar aqui a posição Bíblica quanto a isso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. então nos temos que reprimir ateus e homossexuais? e depois? muçulmanos e todos os contrarios a tua igreja e teu livros "sagrado"? parabens, ainda mais por nao se preocupar que o chamaremos de ignorante, pois ja, implicitamente, admitiu isso na tua argumentação (bem fraca por sinal).
      quero dados sobre isso que falou, pois está deixando claro um apoio da parte dos ateus e homossexuais à pedofilia da igreja, caso não tenha esses dados confirmando isso, terei prazer em entrar contra ti por calunia e difamação.

      Excluir
  2. Ué, Fernando mas são estes religiosos aí que defendem sexo entre crianças e adultos... A reportagem não diz que eles sao ateus ou gays.

    ResponderExcluir
  3. É impressão minha ou o Fernando é contra o afastamento de padres favoráveis à pedofilia? É o que se tira do comentário dele:

    Fernando SEMPRE A LUZ DA BÍBLIA disse...

    Está é a liberdade Européia que muitos homossexuais e ateus elogiam? Uma criança não tem discernimento para saber o que é bom para ela. Não vou usar de meias palavras e nem vou me preocupar se me chamarem de ignorante, estou me lixando para isso. Não se enganem tal, "liberdade" irá levar a todos que há praticam para o inferno. Não é necessário eu botar aqui a posição Bíblica quanto a isso.



    Suzy

    ResponderExcluir
  4. Estou pensando em criar um grupo pró-pedofilia no Brasil. Tentaremos arranjar apoio político para a empreitada, buscando apoio da base religiosa. Precisamos dar uma função para as crianças não-abortadas, sabe, é que depois que elas nascem o povo esquece delas, só se lembrando do cabrestinho da eleição. Talvez tenha apoio do mAGNO mALTA
    :3

    ResponderExcluir
  5. Esse Fernando, A Luz da Superstição de Povos da Idade do Bronze não tem salvação..;-) É um caso perdido, se dependesse dele, toda liberdade acabaria, e a inquisição voltaria..:- )

    Parece que ele acha que o amigo imaginário dele, que teria criado TODO universo, precisa da ajuda dele, Fernando, para controlar os seres humanos. Seria cômico, se não fosse trágico, e ridículo um adulto com tais ilusões e distorções cognitivas.


    Talvez no futuro se encontre tratamento para esse tipo de distúrbio mental, que pensa que a Gibiblia é real, ou que textos mal escritos de povos nômades da idade do bronze valem alguma coisa..:-)

    Mas até lá, é perigoso, um sujeito tão ruim e mesquinho quanto o deus imaginário dele.

    ResponderExcluir
  6. Os mais de 9.000 usuários do brchan adeptos do amorzinho apoiam uma discussão séria sobre o assunto, de forma parcial e justa.

    ResponderExcluir
  7. Da para ver que o Fernando prefere atacar e ofender os ateus e homossexuais.

    Essa pessoa tem serios problemas mentais. É o futuro novo Wellington, nao tenho duvidas disso.

    Pelo visto, Fernando nao condenou os padres. Nem os recriminou. Nem mesmo falou deles.

    Dois pesos, duas medidas.

    ResponderExcluir
  8. A criança até pode ter a sexualidade aflorada,e ser precoce.Mais temos nos que sermos adultos e responsáveis por proteger elas de elas mesmas.

    ResponderExcluir
  9. Fernando não critica os padres e pastores pedófilos porque é daqueles que querem colocar a culpa nos ateus e gays para aliviar a barra dos religiosos.

    ResponderExcluir
  10. O padreco holandês só externou aquilo que muitos padres cristãos pensam na alcova, digo, nas paróquias. Afinal de contas já são pelo menos 50 anos de denúncias de casos de pedofilia clerical - começou na década de 60, mesma época em que o hoje caprichosamente escolhido "papa" foi responsável pela elaboração de uma cartilha ensinando o que a Igreja deveria fazer ante as denúncias: apenas transferir os abusadores para outras paróquias e abafar os casos, perpetuando a pedofilia [http://www.bbc.co.uk/portuguese/reporterbbc/story/2006/10/061001_panoramaigreja_tp.shtml]. Na verdade a sujeira da Igreja Católica ainda nem foi trazida a público em sua totalidade. Isso daí é apenas a ponta de um iceberg indizível. E quem defende a Igreja ou as religiões um dia vai figurar nos livros de História como coadjuvante de luxo dos crimes cometidos em nome de um deus hipotético e surreal.

    ResponderExcluir
  11. Nao duvido de que o Fernando teria a coragem de colocar a culpa da pedofilia nas criancas.

    ResponderExcluir
  12. Sim,ele seria.Uma criança sensualizada poderia provocar desejos sexuais incontroláveis em um pedófilo despertando sua libido pedossexual.Esse pensamento caberia perfeitamente na linha de raciocínio tacanha e apequenada do Fernando.

    ResponderExcluir
  13. Credo. Quanto mais comentário do Cristão eu encontro, mais eu me surpreendo com o monstro que ele é. Não acredito que ele esteja do lado desses padres. Pena que exista pessoas assim T.T

    Esses padres precisam ser vigiados constantemente.

    ResponderExcluir
  14. Agora vemos que é o fim, não prescisamos ver mais nada; um padre falando abertamente a favor desta monstruosidade. É o fim.

    ResponderExcluir
  15. Carol Glatz não nomeia essa tal "associação holandesa" pró-pedofilia. Você teria alguma informação, Paulo?

    ResponderExcluir
  16. Estudei em um Colégio Salesiano aqui no RS nos anos 60. E tinha pedofilia. Daqui ninguém foi incomodado.

    ResponderExcluir

Postar um comentário