Pular para o conteúdo principal

MP pede a escola que suspenda pai-nosso. E cristãos dizem ser perseguição

O proselitismo religioso foi denunciado por uma professora de religiões de matriz africana

Em defesa da laicidade do Estado, o Ministério Público orientou a prefeitura de Rifaina (SP) a suspender o pai-nosso que escola de educação básica João Etchebehere impõe aos alunos, com punição a quem não aderir.

Bastou isso para que cristãos fanáticos acusassem o MP de perseguição religiosa. Trata-se de uma inversão de valores: a perseguição é contra os alunos não cristãos submetidos a uma crença da maioria.

Em caso recente, dois desses estudantes foram colocados para fora da classe por professores, sofrendo constrangimento diante dos colegas.

"A proibição do pai-nosso é um absurdo", escreveu na rede social um fundamentalista. "Querem acabar com o cristianismo."

Quem acionou o Ministério Público foi uma professora de religiões de matriz africana. Ela anexou à denúncia um vídeo com alunos rezando.

Indução de uma
crença religiosa em
escola de pais laico

A professora disse que só recorreu à instituição após conversar coma direção da escola, mas todas "as minhas tentativas foram hostilizadas e ignoradas".

Para ela, a escola deve se primar "pelos conhecimentos técnicos-científicos, assegurando a igualdade e a livre manifestação de cultos religiosos, como assegura a Constituição de 88".

O promotor Alex Facciolo Pires, que expediu a recomendação, afirmou que “o fato de nenhum pai ou mãe de aluno ter reclamado do pai-nosso é irrelevante”.

“Alega-se que a prática é facultativa. Mas os alunos não têm plena capacidade de discernimento e escolha, porquanto se encontram na faixa etária entre 5 e 10 anos.”

O prefeito Hugo Lourenço (Cidadania) criticou a atitude do MP e em um encontro com moradores pediu que todos ali rezassem um pai-nosso. Mas disse que acatará a recomendação porque, caso contrário, avisou o promotor, o município terá de responder a uma ação civil pública.

> Com informação do Ministério Público do Estado de São Paulo e de outras fontes.

• O deus evangélico agora terá de respeitar a Constituição?

• MP move ação contra leitura bíblica na Câmara de Engenheiro Coelho

• Cristãos se tornam minoritários na Inglaterra e País de Gales



Comentários

Post mais lidos nos últimos 7 dias

90 trechos da Bíblia que são exemplos de ódio e atrocidade

Mescla da política e religião intimida ateus no Brasil. E defendê-los e defender a razão

Deputado estadual constrói capela em gabinete. Ele pode?

Como as memórias são armazenadas em nosso cérebro?

Veja 14 proibições das Testemunhas de Jeová a seus seguidores

Fé de pais TJs não supera direito à vida de um bebê, decide juíza

Ateu manda recado a padre preconceituoso de Nova Andradina: ame o próximo

No noticiário, casos de pastores pedófilos superam os de padres

Marcha para Jesus se tornou palanque para candidatos da extrema direita