Pular para o conteúdo principal

Em nome de Jesus, evangélicos sem máscaras desafiam o coronavírus

Centenas de pentecostais de duas cidades do Maranhão fizeram uma passeata contra o coronavírus evocando o poder de Jesus.

Aglomerados e sem máscaras, ignorando, portanto, recomendações das autoridades sanitárias para evitar o contágio do novo coronavírus, os evangélicos saíram às ruas no domingo, 31, de Santa Helena e Turilândia, a 115 km de São Luís.


Líderes evangélicos convocaram as pessoas para queimar as máscaras.

"Jesus não quer ver ninguém mascarado, Deus não se agrada de medrosos", disse um dos manifestantes, de acordo com vídeos postados no Youtube.

Naquele dia, de acordo com dados oficiais, Santa Helena tinha 251 casos confirmados de Covid-19 e Turilândia, 104. 



Com informação de vídeos e do site Imirante.





Defensor de templos abertos, deputado Pastor Silas Câmara pega coronavírus

Assessor de saúde pública de Trump diz que 'Deus sempre tem um plano'

Com sintomas de paranoia, alemã que nega haver pandemia foi internada em clínica psiquiátrica

Pastor americano diz que Deus enviou o coronavírus para 'eliminar' pecadores





Comentários

Heavyman disse…
O suicídio coletivo e esperado em grupos religiosos fanáticos. O caso Jim Jones. Esses crentes se inspiraram nele.
Ricardo disse…
O fanatismo é um coisa triste.
Psiquê disse…
Ora, se os religiosos morrerem, por causa do fanatismo, não haverão mais religiosos, assim o mundo será só de ateus.
Heavyman disse…
prefiro o mundo com ateus, do que cristãos.

Posts + acessados nos 30 dias mais recentes

Morre de Covid-19 pastor bolsonarista que defendia uso da cloroquina

Hackers invadem conta de Malafaia e doam R$ 10 mil à Cruz Vermelha

Angolanos expulsam os pastores brasileiros de 30 templos da Universal

Edir Macedo amaldiçoa angolanos que expulsaram pastores brasileiros de templos

Bispo Edir Macedo é internado com suspeita de estar com Covid-19