Pular para o conteúdo principal

Prefeito evangélico pede à população 21 dias de oração para vencer o coronavírus

O prefeito Iranil de Lima Soares, de Ladário (MS), baixou decreto pedindo à população 21 dias de oração e um de jejum para combater o coronavírus.

“Deus ouve a oração de um povo quebrantado”, diz o prefeito, que é pastor.


Ele estabeleceu que no dia 7 de junho haja um “cerco espiritual” na cidade através de orações, das 5h até as 6h.

Um detalhe no decreto demonstra uma vacilada na fé do prefeito-pastor: seguindo orientação de sanitaristas, ele pede que as orações sejam feitas na casa de cada um, não nos templos, para evitar o contágio do vírus em aglomerações.

É como se ele admitisse que Deus é poderoso, mas não pode tudo.

       COMO PREFEITO,
       SOARES TEM SIDO
       UM BOM PASTOR

Com informação do G1 e de outras fontes.






Defensor de templos abertos, deputado Pastor Silas Câmara pega coronavírus

Assessor de saúde pública de Trump diz que 'Deus sempre tem um plano'

Com sintomas de paranoia, alemã que nega haver pandemia foi internada em clínica psiquiátrica

Pastor americano diz que Deus enviou o coronavírus para 'eliminar' pecadores





Comentários

  1. Crente tem problemas mentais sérios. E se chama ,Fé.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O salário do enfermeiro é por hora de trabalho, não por trabalho, por isso não é preciso trabalhar rápido.

      Excluir

Postar um comentário

Posts mais acessados na semana

90 trechos da Bíblia que são exemplos de ódio e atrocidade

Projeto de lei de deputado-pastor permite uso dos recursos do FGTS para construir templos

São Carlos recorre ao Estado laico para restringir atividades religiosas no combate ao coronavírus