Pular para o conteúdo principal

Justiça mantém fechados os templos da Igreja Universal em Porto Alegre

O Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul negou à Igreja Universal liminar para reabertura dos templos de Porto Alegre.

O prefeito , Nelson Marchezan Júnior (PSDB) já tinha determinado o fechamento do comércio, templos e outros estabelecimentos por causa da pandemia. 



A decisão do TJ-RS reforça o entendimento da 1ª instância, que no dia 14 de abril negou liminar à Universal.

Para o desembargador relator Carlos Roberto Lofego Canibal, a decisão do prefeito não viola o direito à religião porque fiéis poderão entrar em contato com pastor por intermédio da internet. 

UNIVERSAL ESTÁ MAIS
PREOCUPADA EM ARRECADAR
DÍZIMO DO QUE PROTEGER
OS FIÉIS DA COVID-19


Com informação do Zero Hora.



Universal processa juiz que a condenou a devolver oferta

TJ-RS condena Iurd por ter coagido bipolar a pagar dízimo

Juíza Silvia Rocha deixa de prescrever ação milionária contra o bispo Edir Macedo

Justiça manda Universal devolver R$ 74,3 mil a fiel




Comentários

  1. Se o corona vírus matasse os religiosos, não existiriam religiosos.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Posts mais acessados na semana

Dona Religião é casada com sr. Atraso e têm vários filhos

Bolsonaro fica irritado com aprovação da CoronaVac que vai salvar vidas

Aprovação da CoronaVac significa duro golpe no bolsonarismo

90 trechos da Bíblia que são exemplos de ódio e atrocidade

Bolsonaro compra a novela 'Os dez mandamentos' da Record para a TV Brasil