Pular para o conteúdo principal

Santuário católico na França com águas milagrosas fecha por causa da Covid-19

Paulo Lopes / Notas de um ateu   Católicos acreditam que as águas da região da Gruta Massabielle são milagrosas, mas elas não podem fazer nada para impedir o contágio de um bichinho invisível ao olho nu, o novo coronavírus, o Covid-19.

Em torno da gruta, na cidade de Lourdes, França, ficam as igrejas do Santuário de Nossa Senhora de Lourdes, que teve de fechar por causa da doença. 

Um vexame para Nossa Senhora de Lourdes e grande prejuízo para o santuário cujos 22 lugares de culto são visitados anualmente por milhares de pessoas de todo o mundo, com arrecadação de milhões de dólares.


A gruta fica onde os católicos acreditam que a Virgem Maria apareceu em algumas ocasiões, a primeira delas no dia 11 de fevereiro de 1858. Até agora, nestes dias sombrios da pandemia, a santa não deu a cara.

Na Europa, a França é um dos países mais atingidos pelo Covid-19

Até este momento, 1h30 no horário Brasília de 7 de abril, houve 8.911 mortes, com 48.229 pessoas contaminadas.

Depois que a pandemia estiver sob controle da ciência, o santuário das águas de cura voltará a funcionar.
 
VEXAME DE NOSSA SENHORA DE LOURDES
DIANTE DA MATANÇA DO CORONAVÍRUS

Com informação do site Catholic Ireland e de outras fontes.






Coronavírus faz igreja dos EUA de cura pela fé a cancelar visitas a hospitais

Justiça manda Santuário de Aparecida cancelar eventos por causa do Covid-19

Coronavírus faz Centro Adventista cancelar palestra com criacionista

Pastor americano diz que Deus enviou o coronavírus para 'eliminar' pecadores





Comentários

Posts + acessados hoje

Pregação criacionista abre evento científico da Universidade Federal do Mato Grosso do Sul

Robinho e Neymar se negam a ver crianças de lar espírita

90 trechos da Bíblia que são exemplos de ódio e atrocidade