Série ‘O Novo Papa’, da HBO, é interpretada pelo ateu John Malkovich

[texto contém spoiler] O carismático ator John Malkovich, 66, já fez papel de excêntrico, calculista, psicopatas, violões de vários tipos, e agora é o protagonista da série ‘O Novo Papa’, da HBO.

Quem conhece a história dos papas poderá concluir que faz sentido Maklovich interpretar um papa, mas o próprio ator, modesto, parece duvidar disso.

“Não penso em como sou visto [como ator]”, disse. “Isso não cabe a mim.”

Malkovich é um ateu assumido.

“Meus pais eram uma espécie de “ateus evangélicos”. Eu era religioso quando jovem, talvez em reação a eles. Hoje não acredito em nada, mas não sou sarcástico a respeito. Sinto-me bem numa igreja ou numa mesquita, mas não vejo um plano cósmico que preveja tudo. Entretanto, quem sou eu? Não sou nada.”



O criador da série é o católico italiano Paolo Sorrentino.

Sucessora de “O Jovem Papa”, de três anos atrás, a história de agora é sobre como Sir John Brannox, aristocrata inglês e ex-músico punk, assume o Vaticano após o papa Pio III entrar em coma depois de um ataque cardíaco.

Sorrentino disse que Malkovich foi a melhor escolha para interpretar John Brannox, que é um personagem “elegante, suave, irônico e ao mesmo tempo leve e profundo”.

Malkovich disse que o uso de trajes papais o ajudou a se aprofundar no personagem.

A sua interpretação é tão conviente que, durante filmagem em Roma, algumas pessoas lhe pediram que abençoasse o seu bebê.

“Talvez achassem que alguns podem entrar em estado de graça. Eu não, certamente. Mas adoro bebês”, disse Malkovich a um jornalista.






Filme 'Dois Papas' tenta resgatar Bento 16 da lixeira da história

Papa Francisco reconhece que a sociedade ocidental está deixando de ser cristã

Livro conta vida sexual de papas

Sim, papa Francisco, o Inferno não existe. E o Paraíso também não




Comentários


EDITOR DESTE SITE

Paulo Roberto Lopes é jornalista

profissional diplomado. Trabalhou

no jornal centenário abolicionista

Diario Popular, Folha de S.Paulo,

revistas da Editora Abril e

em outras publicações.

Contato