Ministro do STF critica a frase ‘Deus seja louvado’ do real

ministro Marco Aurélio, do STF
Marco Aurélio lembrou
 que somente no império 
a religião era obrigatória 
O ministro Marco Aurélio (foto), 65, do STF (Supremo Tribunal Federal), disse que não consegue conceber “que nas notas de moedas do real nós tenhamos ‘Deus seja louvado’”, porque isso fere a laicidade do Estado.

Em uma entrevista ao UOL, lembrou que na argumentação de seu voto favorável à descriminalização do aborto de fetos anencéfalos, em abril, ressaltou que o Brasil não está mais no império, “quando a religião católica era obrigatória e o imperador era obrigado a observá-la”. “

Como outro exemplo de incompatibilidade com o Estado laico ele citou o crucifixo do plenário do STF. “Devíamos ter só o brasão da República.”

Aurélio elogiou a decisão do Tribunal de Justiça gaúcho pela retirada do crucifixo de todas as suas dependências, o que demonstra, segundo ele, que o Rio Grande do Sul é um Estado que “está sempre à frente em questões políticas”.

Celso de Mello, outro ministro do Supremo, já tinha elogiado a decisão da Justiça gaúcha. Em março, em um artigo para o site Consultor Jurídico ele escreveu que “a laicidade do Estado brasileiro reveste-se de natureza eminentemente constitucional e traduz natural consequência da separação institucional entre Igreja e Estado”.

A entrevista de Marco Aurélio se concentrou na denúncia do ministro do STF Gilmar Mendes segundo a qual ele foi pressionado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva a adiar o julgamento do mensalão. Para Aurélio, Gilmar errou ao receber Lula no escritório do ex-ministro da Defesa Nelson Jobim, e não em seu gabinete no STF. e, pelo mesmo motivo, Lula também não agiu corretamente.

Crucifixo no plenário do STF
Até a mais alta Corte do país ostenta um crucifixo




Com informação do UOL

Dogmas de fé não podem influenciar decisões de Estado, diz Mello
abril de 2012

Comentários

Mello disse…
Já é um bom indício de que existem vozes que defendem a laicidade. Para desespero dos representantes do medievalismo.
Anônimo disse…
Por que o Presidente do Supremo Tribunal Federal não tira ou manda tirar o crucifixo?
Anônimo disse…
Pra tirar isto de lá é só subir numa escada e tirar e jogar no lixo e pronto.
Anônimo disse…
E por que o Presidente do Supremo não faz isso?
Anônimo disse…
Por falta de um braço forte e decidido que ele não é tirado dali, pois jamais o crucifixo deveria estar e até os religiosos deveriam que concordar com isto. O crucifixo ali é por puro mimimi religioso. O brasil constitucionalmente é um estado laico e não teocratico e ai vão dizer o que para que o crucifixo permaneça ali sem ser mimimi religioso??
Adivinhem quem foi o "gênio" por trás de colocar essa frase imbecil nas cédulas?

Sim, nada mais, nada menos que JOSÉ SARNEY.

Eu não preciso dizer mais nada, não é?
Rulphus disse…
Mello, diante do "ainda existente" medievalismo, seria mais fácil mudar o nome da moeda para IRREAL...
Conspiratus disse…
O Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul foi a primeira peça do dominó a cair. E, ao cair, gerou condições para que outras caiam: jurisprudência. No entanto, o Efeito Dominó será mais devastador se o Crucifixo do STF cair também. A Onda vai sacudir os demais juizados, varas e cartórios e dará uma lavada em outros órgãos públicos.
Catia disse…
O País é laico,pois bem:

Mudem o nome do estado de São Paulo,Santa Catarina,Espírito Santo,cidade de São Marcos(RS)etc....derrubem o Cristo redentor,vamos pessoal o País é laico então mudem tudo,quando digo tudo,é tudo mesmo.
Anônimo disse…
Boa idéia. Seria ótimo apagar qualquer resquício do mito judaico cristão da nossa nação nem que tivesse que criar uma nova nação pra isto.

Agora porque você não propôs colocar todos os símbolos religiosos lá na parede do judiciário? Talvez porque você ache que só a sua religião seja a correta e que ter um símbolo do candomblé ali não seria justo.
Anônimo disse…
Que tal São Paulo agora ser quadrante delta?
Anônimo disse…
Catia 1 de junho de 2012 13:12
O País é laico,pois bem:

"Mudem o nome do estado de São Paulo,Santa Catarina,Espírito Santo,cidade de São Marcos(RS)etc....derrubem o Cristo redentor,vamos pessoal o País é laico então mudem tudo,quando digo tudo,é tudo mesmo."

Calma, Kátia, AINDA não estamos discutindo isso!

Charles (rindo muito)


com o crédito e link da origem.
Catia disse…
Em momento algum falei que sou contra,só que acho que se for pra mudar que mude tudo,só isso.

O País é laico.

só um detalhe :

Catia com C.

Quanto ao rir muito:

Não somos obrigados a pensar da mesma maneira.

Você tem a tua opinião e Eu a minha.

No mínimo que tem que haver é respeito entre as opiniões.

Sem sarcasmo,por favor.
Anônimo disse…
Pra vc ver até onde vai a alienação do fanatico ideologico Catia...Não é diferente do caso da criança induzida a falar aqueles absurdos dos gays no culto crente....rs.....
Anônimo disse…
Tem que tirar mesmo.

O ideal é que a frase fosse "Tupã seja louvado" por nossas raízes indígenas ou então "Saravá Oxalá!" para fazer juz a única religião nacional (Umbanda).

E esses mitos e deusinhos chumbregas do oriente médio deveriam ser banidos para sempre do Brasil, junto com seus seguidores.

Att.,

Espancador de Pastores
Anônimo disse…
Então né...Seus argumentos se baseiam na pichação...Volta pra saia da sua mãe muleki......
Anônimo disse…
Quem é você para falar alguma coisa de Deus?...Você nem acredita que ele existe!..Como você pode simplesmente discutir sobre aquilo que voce considera ser uma fábula?...Tá drogado é...Porra?..........
Anônimo disse…
Sermos ateus dos deuses dos outros é uma pegadinha falaciosa que eles usam para dizer que os deuses das pessoas não possuem credibilidade....Só há um Deus e culturas diversificadas que entendem Deus de várias formas...Com vários nomes e imagens e isso não tira a credibilidade da religiosidade.....
Anônimo disse…
Realmente é estarrecedor....Muitas coisas nesta nossa vida nos indignam e acreditamos que a sua seja mais uma delas...Primeiro o desrespeito à liberdade de crença....É assegurado o direito ao culto senão vejamos nossa Carta Magna (Lei Máxima de um país – mas, isso com certeza, você já sabia):

Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo‑se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes:

VI – é inviolável a liberdade de consciência e de crença, sendo assegurado o livre exercício dos cultos religiosos e garantida, na forma da lei, a proteção aos locais de culto e a suas liturgias.
Citizen 86 disse…
Este comentário foi removido pelo autor.
Citizen 86 disse…
Este comentário foi removido pelo autor.
Fabiano disse…
Anônimo1 de junho de 2012 14:46

E o que uma frase numa nota de dinheiro tem a ver com isso?
Anônimo disse…
Anônimo das 14:40
Então satanismo é uma religião igual às demais?
Anônimo disse…
Reclamar de símbolos religiosos é quase como reclamar que no Brasil falamos português...É uma estupidez em relação à nossa história......Não-religiosos admiram monumentos históricos religiosos...Tratam-se em hospitais confessionais mantidos pela Igreja ou outras instituições religiosas....Estudam em universidades pontifícias e são gratos pelas obras de caridade, escolas, orfanatos etc, mantidos pelas diversas instituições religiosas...... E se tal “separação” fosse se dar a ferro e fogo?!..Já pensou, só estudar no Arquidiocesano ou nas PUCs mediante profissão de fé pública?...Ou ainda tratar-se no IBCC...Um dos maiores centros de referência para o tratamento de câncer no país e mantido e gerido pelos camilianos?....
Anônimo disse…
O tema é a frasew do real...não mude de assunto!

Charles
Anônimo disse…
frase!

Charles
Citizen 86 disse…
O Brasil é uma vergonha mesmo. Nossa Constituição diz que o país é laico, mas temos instituições estatais que têm crucifixos, e nossas notas de dinheiro têm a frase: "Deus seja louvado. Temos bancadas declaradamente religiosas no congresso que só serve para impedir os direitos civis de camadas desprotegidas pelo Estado, e criar um Estado religioso no país, com seus projetos grotescos, como A PEC da teocracia. Isso é a prova de o quanto a nossa sociedade é atrasada.

Sou totalmente a favor da retirada de qualquer elemento religioso nas instituições públicas, pois isso fere a pluralidade religiosa tão presente no Brasil e retira a imparcialidade do Estado nas questões religiosas. Imagine só se um juiz tivesse que decidir sobre ações que tem como tema, a religião, um sujeito umbandista processando um católico por injúria religiosa, o juiz decidindo sobre o tema com as partes da ação presentes e um crucifixo na parede atrás dele. O mesmo acontecendo num caso de um pastor que ofendeu um católico por ele adorar imagens de santos. Ambos os casos geram um constrangimento por uma das partes, pois o juiz decide com um crucifixo da religião majoritária pendurada na parede. Por mais que o juiz seja imparcial, não deixa de ser uma violência simbólica causada pela supremacia da religião majoritária, subliminarmente respaldada pelo Estado, que deveria ser laico.
Uma mentira atrás da outra, tome vergonha na cara, troll, e pare de lamber o saco da religião!
Anônimo disse…
O estado é laico agora crendice pode ter quem quiser no que quiser . Só que nosso estado é laico e não teocratico simples assim.
Anônimo disse…
O dinheiro é local de culto?
Anônimo disse…
cristo esta perdendo aqui igual perdeu no oriente para maomé.
Anônimo disse…
Não precisa ser tudo de uma vez, pode ser aos poucos.
Incógnitus disse…
Por que o Brasil se tornou Laico?
Anônimo disse…
Antes o nome era cruzado, cruzeiro, réis.
Cátia, não faz sentido o que você disse.
Nossa cultura é formada por diversos povos, de diversos credos que, cada um, deu sua contribuição à cultura nacional. Ou seja, diversos povos, raças e crenças podem contribuíram (e contribuem) para a formação cultural do brasileiro. Discordo dessa premissa de que somos uma nação cristã. O que dizer dos africanos, indígenas, árabes e judeus que somaram muito ao nosso país?

Sou agnóstico ateísta e minha tia (cristã) mora numa rua chamada Iemanjá, no município de Ibirité (MG). Não sou favorável que mudem o nome da rua, uma vez que ela faz parte da história da cidade e é um ponto de referência local, mesmo que esteja ligada a uma figura religiosa do candomblé.

Aqui mesmo em Belo Horizonte encontramos imagens de santos católicos que fazem parte do patrimônio histórico brasileiro. Se fossemos levar ao pé da letra, deveríamos retirar obras de artes sacras do barroco mineiro de museus públicos.

Mas (sempre tem um "mas") nosso presente (e futuro) é marcado por um Estado que contempla e respeita todos os seus cidadãos, de todas as crenças (ou descrenças). Ninguém deve ser obrigado a rezar o Pai-Nosso numa escola pública, assim como propaganda religiosa através do Estado também deveria ser proibida.

Não vejo o motivo para tanto barulho.
Wickedman disse…
Quer dizer que você acredita nos deuses dos outros, anônimo? Que comentário inteligente, gênio!

Você acha que o deus dos muçulmanos é o mesmo deus dos cristão? Se acha, então é um ignorante.
Concordo que se tirem a frase "Deus seja louvado" das notas de Real. A moeda europeia Euro, por exemplo, não possui frases de conotação religiosa em suas notas. Em contrapartida, o dólar americano vem com a frase "In God We Trust" (Confiamos em Deus).

Só acrescento uma coisa: assim como propaganda religiosa por via estatal deveria ser proibida, o mesmo deveria valer para a propaganda ideológica. Quando estava na universidade (UFMG), cansei de ver bandeiras do MST, do PSTU e do PT onde deveriam estar as bandeiras da nação, do estado e da universidade. Proselitismos religioso e ideológico deveriam ser igualmente proibidos.
Marcos Vinicius disse…
Se fosse assim, quem sairia perdendo são as instituições que não atendem não-cristãos. As pessoas de outra religião ou sem religião procurariam algum outro estabelecimento sem vínculo religioso.
Ou seja, eles não fazem essa distinção porque 1) é ilegal e 2) seria perda de clientela.
Anônimo disse…
Vc é 1 das maiores piadas aqui...rs....Vc é um autentico pseudo ateu....Vou na ferida....Vou faze-lo experimentar do proprio veneno que tanto espalha...Pra ver se aprende que não é assim, que as coisas se resolverão.....Pensa que eu não sei?!....Não passa de um homossexual frustrado e ressentido devido a rejeição, desprezo e marginalização da sociedade em que vive.....Seu comportamento e postura em geral, nada mais é que uma forma de vingança e retaliação....Patetico...
Correção: onde se lê "Ou seja, diversos povos, raças e crenças podem contribuíram (e contribuem) para a formação cultural do brasileiro" leia-se "Ou seja, diversos povos, raças e crenças contribuíram (e contribuem) para a formação cultural do brasileiro"

Abraços.
Anônimo disse…
Cara que droga você andou tomando é sério ? Vai se tratar vai fazer uma terapia ou qualquer coisa sei lá.
WillPapp disse…
Anônimo1 de junho de 2012 14:46

Acho que você se esqueceu de ler na Constituição Federal esse artigo:

Art. 19. É vedado à União, aos Estados, ao Distrito Federal e aos Municípios:

I - estabelecer cultos religiosos ou igrejas, subvencioná-los, embaraçar-lhes o funcionamento ou manter com eles ou seus representantes relações de dependência ou aliança, ressalvada, na forma da lei, a colaboração de interesse público;
Anônimo disse…
Como os neo ateístas ganham um debate irrefutavelmente: "Ah, teísta, vai se fudê".......rsrsrsrs......
Anônimo disse…
Como os neo ateístas ganham um debate irrefutavelmente: "Ah, teísta, vai se fudê".......rsrsrsrs......[2]
Anônimo disse…
Quem esta debatendo aqui ?? Você ?? Qual o seu problema, porque esta tão estressado?
WillPapp disse…
Catia

Minha querida, atitudes extremadas ("tem que mudar tudo") não são saudáveis para a harmonia social.

O que precisa ser mudado tem que ser mudado, mas, antes, é importante que haja, em relação a essas questões, um entendimento, uma compreensão popular.

Impor que se faça isso ou aquilo com base numa visão exclusivista de mundo é algo compatível com os governos teocráticos. Numa Democracia damos valor ao debate racional no qual todas as visões de mundo possíveis são colocadas, analisadas e uma conclusão é tirada.

Esse debate está só no começo, mas podemos observar que caminho ele irá tomar: alguns usarão a razão; outros, o fanatismo.
Anônimo disse…
Aqui eu não estou vendo nada aqui para ser debatido e sim para ser opinado , só estou vendo uma notícia que não tem nada pra ser debatida no meu ponto de vista , mesmo porque a notícia trata-se no campo de um assunto jurídico sobre simbologia cristã nos espaços públicos.

Você quer debater se é legalmente legítimo a simbologia no espaço público é isto que você quer debater ? Porque se for os símbolos já deveriam ser retirados por sermos um país constitucionalmente laico e digo isto me avaliando no compo jurídico e tanto é verdade que no estado do rio grande do sul eles tiveram que ser retirados. Agora debater no campo emocional religioso já não é comigo porque eu não fico nem um pouco ferido com isto.
Michelle disse…
Claro, pq Alá, Ganeesha, Shiva, Deus Cornífero, Kali, Tupã, Zeus, Anúbis, Odin,etc, são formas diversificadas do deus judaico-cristão. Aham...senta lá, Anônimo (1 de junho de 2012 14:40).
Anônimo disse…
Ou melhor fala sobre a moeda brasileira ter a frase "deus seja louvado" eu queria saber do responsável da frase o porque deus tem que ser ser louvado queria saber o que significa esta frase nos mínimos detalhes , e que ele me explicasse o que é o "deus" a quem devemos louvar, e porque meu dinheiro tem que ter esta frase.
Michelle disse…
Washington Ferreira,

Concordo em gênero, número e grau. Proselitismo religioso e ideológico não deveriam ter lugar em instituições públicas.
Anônimo disse…
Vc é uma piada mesmo WillPapp....Uma tipica fraude intelectual...Que se usa de estratagemas ridiculos e infantis alem de falacias enedotas a muito tempo manjadas no campo da apologetica para se livrar do debate e de mim.....Quando viu que a coisa iria engrossar ou se complicar apelou para o ridiculo que foi aquilo...rs......Esta desesperado atirando para todos os lados agora comigo né?!...Agora....Que ja esta "muito bem" desmascarado e exposto aqui....Alias...Cade o Cognitute?!...Ate hoje não apareceu para responder a minhas argumentações........Esse pelo menos não apelou a estratagemas ridiculos e infantis como a do copia e cola.....hahahahahahaha.....
Anônimo disse…
Melhor colocar:

>Baphomet seja louvado.

Hehehehe...
Incógnitus disse…
Onde está o estratagema ridículo?
Conspiratus disse…
Interessante!
Mas, seria mais útil ao Povo da Terra a frase:


"TODO O PODER A CONSPIRATUS."
WillPapp disse…
Anônimo1 de junho de 2012 16:47

Eu fui desmascarado? Não sou eu que me escondo sob o anonimato. É você.
Anônimo disse…
Este maluco deve ser da CCB.
Anônimo disse…
PARABENS...Esse foi o argumento Neo Ateu mais bem embasado, inteligente, complexo, profundo e irrefutavel que eu ja vi...rs.....
Anônimo disse…
PARABENS...Esse foi o argumento Neo Ateu mais bem embasado, inteligente, complexo, profundo e irrefutavel que eu ja vi...rs.....
WillPapp disse…
Anônimo1 de junho de 2012 16:58

Argumentos embasados, inteligentes, complexos e profundos são utilizados em debates com pessoas que valem a pena, pessoas que possuem um razoável intelecto para compreendê-los.

Não é o seu caso.
Anônimo disse…
Mandar o outro se fudê é indução ao suicídio, crime previsto no código penal.
Citizen 86 disse…
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse…
"Michelle1 de junho de 2012 16:39"


Reitero...Quem é você para falar alguma coisa de Deus?...Você nem acredita que ele existe!..Como você pode simplesmente discutir sobre aquilo que voce considera ser uma fábula?...Tá drogada é...Porra?..........Vá lavar uma roupa....
Citizen 86 disse…
Concordo com você,mas isso tem que ser debatido entre os alunos,funcionários professores e direção da da universidade. Símbolos religiosos e ideológicos devem ser vedado dentro do espaço público institucional que fira o direito dos outros a não concordar com determinada ideia. Mantê-los é uma forma de constrangimento. Nada disso impede de as pessoas terem suas crenças religiosas e ideologias, somente lembra que manter símbolos é uma forma de constrangimento e de bloqueio de novos pontos de vistas,numa instituição estatal que deve ser neutra.
Mauro disse…
Eu não acredito em fadas e gnomos, isso é motivo pra não poder falar deles? Deus é uma IDÈIA, e ideias podem e deve ser discutidas, goste vc ou não. Se está doloridinho, tome uma novalgina.
Anônimo disse…
"Como os neo ateístas ganham um debate irrefutavelmente: "Ah, teísta, vai se fudê".......rsrsrsrs......[2]"

"Vc é 1 das maiores piadas aqui...rs"

"Seu comportamento e postura em geral, nada mais é que uma forma de vingança e retaliação....Patetico.."


Sério mesmo que vc não se acha um troll hipócrita?
J, Tadeu disse…
Muda o disco, anônimo. Cê nem conhece as pessoas e já sai rotulando-as?! Give me a break!

Chutaquémacumba!
Michelle disse…
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse…
""""Não passa de um homossexual frustrado e ressentido devido a rejeição, desprezo e marginalização da sociedade em que vive..."""""

Ta, e depois diz q não é um troll filho da puta.
Agora vamos a parte em q vc pateticamente afirma q a homossexualidade seria errada e não-natural e q o rapaz merecia ser discriminado. Anda ! Cadê, vai usar o teu livrinho mitológico pra justificar terrorismos como sempre ? Patético aqui é vc, pra vc a sociedade é perfeita e TODOS Q QUESTIONAM estão errados ?
VAI SE TRATAR anencéfalo do caralho.
Tu já é idiota e ainda pega o fato de alguém ser gay pra vc se afundar ainda mais no poço da ignorância.

Realmente tem gente q parece menos idiota quando fica calado.
Me dá nojo e asco religiosos q deliberadamente vomitam homofobia, arrogância dogmática e discriminação.
Se mata cara, vc é só mais um paga-pau das convenções sociais, um zé-ninguém q diz amém pra tudo e nao questiona nada. A sociedade é perfeita ne ? Q incrível, agora enfia tua alienação no cu e uma faca no teu pescoço.
Jonnas disse…
Catia, o ESTADO é laico, não o País. Apenas a estrutura do Estado, seus órgãos e ramificações devem ser desprovidos de ligação religiosa. Ou seja, não fere a laicidade do Estado o Cristo Redentor, pois ali não se opera nenhum órgão do Estado. Os nomes das cidades são decididos por seus fundadores, não por órgãos do Estado, ou seja, nomear cidades com nomes religiosos, não sendo função do Estado, não fere sua laicidade.

Enfim, entenda: o poder público é representativo e, sendo o povo brasileiro um povo misto, diverso, não se deve priorizar um credo ou outro. A questão é que não caberá na parede do STF todos os símbolos de todos os credos do Brasil, então o melhor é que não haja nenhum e isso não fere o direito de crença de ninguém.
Obrigado, Michele e Citizen 86.

Não tenho nada contra o PT, o PSDB, o PSTU, o DEM, etc. Uma vez que são partidos políticos oficialmente reconhecidos, merecem meu respeito. Só que utilizem espaços destinados para isso. Uma universidade ou uma escola públicas não devem ficar reféns de partidos e movimentos.

Lembro que uma vez fui a uma palestra na Faculdade de Educação (FAE) da UFMG e, bem na entrada, deparei-me com uma bandeira gigantesca do MST na portaria da faculdade. A FAE mantém um curso de licenciatura chamado "Educação do Campo" destinado a atender membros dos movimentos rurais. Uma coisa é atender as demandas da população rural, outra é misturá-la com o MST ou um partido específico.

Eu não arriscaria em dizer que uma escola ou universidade deveriam manter-se neutras. Até porque a neutralidade, muitas vezes, é impossível. Diria que professores e funcionários deveriam manter uma postura imparcial.

Abraços.
vilson disse…
Até que enfim um ministro que quer honrar a nossa constituição pq tem uns ministros crentelhos que é de chorar: Peluso por exemplo é um baita retrógrado!
Michelle disse…
Este comentário foi removido pelo autor.
J. Tadeu disse…
O Brasil é o país do "na teoria a prática é outra".

Estado laico.

Certo.

CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL DE 1988

"(...)promulgamos, sob a proteção de Deus(...)"

Art. 5º, VIII - ninguém será privado de direitos por motivo de crença religiosa ou de convicção filosófica ou política, salvo se [grifo meu] as invocar para eximir-se de obrigação legal a todos imposta e recusar-se a cumprir prestação alternativa, fixada em lei; [Há lei que defina tal "prestação alternativa"?]

Art. 19. É vedado à União, aos Estados, ao Distrito Federal e aos Municípios:
I - estabelecer cultos religiosos ou igrejas, subvencioná-los, embaraçar-lhes o funcionamento ou manter com eles ou seus representantes relações de dependência ou aliança, ressalvada, na forma da lei, a colaboração de interesse público [grifo meu]; [Texto, na minha visão, ambíguo, pois deixa brechas para subserviência do Estado a determinado(s) setor(es) religioso(s).]

Art. 143. O serviço militar é obrigatório nos termos da lei.
§ 2º - As mulheres e os eclesiásticos ficam isentos do serviço militar obrigatório em tempo de paz, sujeitos, porém, a outros encargos que a lei lhes atribuir. [por que especificamente os eclesiásticos, e quais os outros encargos em lei?]

Art. 210.
§ 1º - O ensino religioso, de matrícula facultativa, constituirá disciplina dos horários normais das escolas públicas de ensino fundamental [grifo meu]. [O ensino religioso é, subentende-se, obrigatório para as escolas públicas, mas facultado, o que o texto não explicita, aos alunos (a matrícula poderá ser facultada à escola, tornando a frequência obrigatória?). Não fica claro como se dará esse ensino: haverá espaço para todas as religiões, imparcialmente?]
Michelle disse…
Anônimo (1 de junho de 2012 17:44)

Então, de acordo com o seu...hum..."argumento": quem é vc pra comentar num blog de ateus e discutir sobre os assuntos que são postados aqui se vc nem sequer é ateu?

Se assim for, nenhum teísta pode postar aqui ou em qualquer blog, página do FB ou site ou fórum voltado para o público ateu já que essas pessoas não são atéias e não tem nada que ficar discutindo ou criticando o ateísmo (de acordo com seu "argumento")

Eu vou falar pra vc o que eu já falei uma porrada de vezes pra quem se sentiu ofendidinho por causa das críticas que faço em relação às crenças deles: religiões, crenças, mitos, ideologias, etc, não são imunes à críticas. Só pq eu não tenho religiões e não creio em divindades não significa que não posso criticar as religiões e essas crenças.

Como o Mauro acima disse - mas vou modificar um pouco falando de divindades em geral - deuses são apenas idéias, mitos, portanto as crenças em divindades não estão num pedestal inatingível e inalcançável, totalmente imunes à críticas. Não gosta? Problema seu...vai tomar Ovomaltine se não aguenta o rojão.

Não vou deixar de criticar e expressar minhas opiniões sobre as religiões e crenças em deuses só pq algumas pessoas - que não sabem separar uma crítica à crença delas de uma crítica pessoal (que seria o ad hominem)como se essa crença e elas fossem tão grudadas ao ponto de não saber onde uma começa e a outra termina - se sentem pessoalmente ofendidas.

Como sou defensora do estado laico, tenho todo o direito de criticar religiões, ainda mais quando elas querem basear a legislação e políticas públicas em seus dogmas ultrapassados, qdo elas querem que instituições do governo cedam às suas vontades e caprichos como se elas tivessem privilégio sobre todas as outras religiões que existem nesse país,etc.

Eu estou exercendo meu direito de liberdade de expressão garantido pela Constituição de comunicar minhas idéias e opiniões. Problem?
Anônimo disse…
Dont feed the trolls! Para eles, se vc contra-argumenta, vc "não tem argumento", mesmo usando a msm fonte que ele (constituição).

Bobinho esse anônimo, bobinho...

Talita Weber
Anônimo disse…
Voltando ao tema...os religiosos é que deveriam ter maior interesse em tirar essa frase,pois se está usando o nome do seu todo-phoderoso em vão, numa cédula de dinheiro 'sujo' e 'mundano'.

Charles
serviço completo disse…
Os caras do STF têm coragem de rasgar a Constituição para inventar a "união gay estável", e não têm coragem de subir na cadeira pra tirar um crucifixo?

Que decepção. Os meretríssimos ministros do STF precisam participar mais da parada gay, pra aprenderem a fazer o serviço completo.
ateu futurista nostálgico disse…
Temos de abandonar o medievalismo e partir logo para a Idade da Pedra Lascada, época boa em que não havia cristãos chatos e o pau comia mais liberado.
serviço completo disse…
De fato, o laicismo sociopata dos ateístas e gayzistas psicóticos (como o ministro Marco Aurélio e outros dementes) precisa abolir nomes de santos e demais referências religiosas nas denominações de cidades, rios, ruas, tudo mais.
Anônimo disse…
O único DEMENTE que tem de ser abolido daqui é VOCÊ!
serviço completo disse…
O Anônimo expressou bem a intenção da militância ateísta religiofóbica:

"Calma, Kátia, AINDA não estamos discutindo isso!"

E, como falei:

De fato, o laicismo sociopata dos ateístas e gayzistas psicóticos (como o ministro Marco Aurélio e outros dementes) precisa, por coerência, abolir todos os nomes de santos e demais referências religiosas nas denominações de cidades, rios, ruas, tudo mais.

Em breve, os dementes "laicistas" irão propor isso. É só esperar, pois eles, como Jack o Estripador, vão "por partes".
serviço completo disse…
Em breve, os dementes laicistas irão exigir a eliminação de todos os nomes com alguma referência religiosa, e todas as demais expressões públicas da religiosidade do povo.

Por enquanto, os ateístas e parceiros se dedicam a atacar um crucifixo aqui, um "Deus seja louvado" ali, um pastor na TV acolá...

É só aguardar o resto da tirania laica-louca.

Pois os dementes laicistas, como Jack o Estripador, vão "por partes", arrancando, na medida em que conseguem, os pedaços de seus alvos.
Igor disse…
Concordo contigo também! Apesar de a laicidade ter uma motivação histórica diferenciada, creio que a essência pode ser estendida em relação às ideologias: respeito às diversidades. Por isso, as universidades também deveriam ser isentas de confissões ideológicas e/ou partidárias! Deixa isso para a consciência dos alunos, funcionários, etc...
_Quando à frase, entendo ser algo absolutamente, supérfluo; é mais uma máscara que alguns insistem em usar a fim de esconder suas reais intenções.
_De nada vale, uma roupagem(no caso, a frase), se as pessoas não vivem aquilo que falam. Em outras palavras: o que a pessoa é, é algo de dentro para fora e não de fora para dentro! Espero que entendam ou..., não; isso não importa!
_Quanto ao crucifixo, penso que realmente, deva ser removido.
Anônimo disse…
Facepalm, pelo amor de Odin todo-poderoso, o Brasil tem tantos problemas e tu se preocupa com o “Deus seja louvado” nas notas do Real?
Anônimo disse…
"_Quanto ao crucifixo, penso que realmente, deva ser removido."

Uau, até que enfim teve uma opinião sensata.
Anônimo disse…
/\
Sua obsessão já chegou a níveis extremos, pequeno gafanhoto.
Só um pateta mesmo pra dizer que o PT merece algum respeito.
Anônimo disse…
"Anônimo1 de junho de 2012 14:38

Quem é você para falar alguma coisa de Deus?...Você nem acredita que ele existe!..Como você pode simplesmente discutir sobre aquilo que voce considera ser uma fábula?...Tá drogado é...Porra?.........."

Hehehehe

Como é divertido ver crente dando pití! :)

Att.,

Espancador de Pastores
Anônimo disse…
Ir por partes é bem melhor do que tudo de uma vez.
Analista Man disse…
O Brasil é um Estado Louco.
Anônimo disse…
Verdade Analista Man, possuímos uma bancada evangélica.
Michelle disse…
Anônimo (1 de junho de 2012 14:38)

E quem é vc pra postar num blog voltado para ateus sendo que vc nem sequer é ateu?

Como vc pode vir aqui pra criticar algo que vc nem sequer faz parte?

Vai cantar em outra freguesia, de preferência uma que compartilhe das mesmas crenças e opiniões que vc.

Ps: Inverti a situação, só pra vc ver como é ridículo esse seu argumento. Não cremos em divindades, mas não significa que não podemos criticar essa crença. Não criticamos deuses em si pq não acreditamos que eles existem. Mas a crença em deuses é uma idéia e idéias não são imunes à críticas, portanto temos todo o direito do mundo de criticá-las. Não gosta? Paciência...
Anônimo disse…
E se você fizer perguntas para o troll e o troll não souber ou não quiser responder?
Analista Man disse…
É, os evangélicos ficam vendo a mão de Deus, onde não existe mão, daí vem a loucura. Mas num mundo material, onde existe a mão material, se o poder está concentrado nas mãos de alguém, é porque esse alguém é quem faz as coisas. Se alguém planta café e esse alguém colhe o café, esse alguém tem o poder nas mãos. Daí eu pergunto, o que os reis já fizeram para demonstrar que tem o poder nas mãos?
Rikardinhojudeu disse…
Como o estado pode ser laico se ''Aparecida'' é padroeira do Brasil????????
Este comentário foi removido pelo autor.
Este comentário foi removido pelo autor.
Não tem cabimento mudar o nome de uma cidade porque o custo disso para o Estado provavelmente seria muito alto... senão fosse por isso, deveria mudar sim!

E o Cristo Redentor é patrimônio histórico, não dá pra derrubar não...
Anônimo disse…
serviço completo, sabe o poq que os ministros do stf não subiram nas cadeiras para , retirar o crucifixo ? para deixar o g zuis ali exposto de testemunha para que ele veja ,como a icar está perdendo poder no br .
Anônimo disse…
Vale lempra, que morramos em um país livre de direitos. E que 90% da população brasileira é cristã.
Michelle disse…
Anônimo (5 de junho de 2012 18:10)

>> "Vale lempra, que morramos em um país livre de direitos. E que 90% da população brasileira é cristã."

And? Só pq 90% da população brasileira é cristã, ela tem que ter privilégios sobre todas as outras parcelas da sociedade que não são cristãs? Que bonito...ou não.

Caso vc não saiba, querido Anônimo: vivemos em uma democracia e uma democracia representa todos os seus cidadãos, não apenas a maioria.
Onisciente disse…
Induzem aqueles que plantam café a verem a mão de Deus indicando a mão do Rei como melhor destino dos lucros do café plantado.
Anônimo disse…
Acredito em Deus YHWH, mas tenho certeza que esse Deus seja louvado na nota do Real não é o mesmo em que eu acredito. Pois na nota do real está a mulher que nas escrituras é mencionada como rainha dos céus, mulher e mãe de Ninrod, mais tarde idolatrada como mulher de Baal também rainha dos céus, depois Isis no Egito e assim por diante, só muda o nome a mulher é a mesma, tem uma estatua dela a Columbia, estatua da liberdade. Também tem estatuas dela dentro da igreja católica Maria e é mais adorada que Deus em certas igrejas, aonde não se lê as escrituras.
mariana disse…
antes na nota brasileira nao tinha escrito `` deus seja louvado`` mas depois que colocaram a economia do país cresceu absurdamente em relaçao a como estava antes, os Estados Unidas tem na nota deles simbulo religioso cristao, e é o país com a maior economia, quando a europa era cristã estava estavel mas conforme foi perdendo sua ``religiao`` entrou na crise que esta agora.
estudo em um colegio espirita e isso nunca me atrapalhou em nada, a rua se chamar ``sao joao`` nunca me atrapalhou , oq ta ou nao escrito na nota nao prejudica ninguem se quiserem usem só cartao de credito, nao tem nada escrito la ¬¬
pra que mexer em algo que nao ta atrapalhando ninguem? vai acabar com a fome, violencia e tudo mais ,tentar lutar contra algo que realmente ta prejudicando o nosso país.
mariana disse…
falou bem, tantas coisas para se preucuparem e vai ser com oq ta escrito na nota ¬¬'
realmente, nao tem coisa pior no Brasil pra vcs lutarem contra nao ?
Analista Man disse…
Esse induzimento deve ser com a mão.
Plim! disse…
É das coisas pequenas que surgem as grandes.
Michelle disse…
mariana,

Vc viajou na batata, minha filha? O que a bunda tem a ver com a calça?

E quer ver que derrubo esse seu argumento na hora?

Sobre a inflação acumulada no Brasil em 1989, ela chegou a 1.764,86% (http://www.jblog.com.br/hojenahistoria.php?itemid=10949) e nessa época a moeda era o cruzado novo e tinha a frase Deus seja louvado: http://laeti.photoshelter.com/image/I0000QuytEz1Qw8g

Se - de acordo com seu "argumento" - a frase Deus seja louvado é responsável pela situação econômica do Brasil, então ela não foi bem sucedida em 1989 já que a inflação desse ano foi a mais alta da história brasileira.

E a frase In God We Trust não impediu a crise econômica atual dos EUA.
Michelle disse…
Este comentário foi removido pelo autor.
Michelle disse…
mariana,

E tb não há nenhum símbolo cristão no dólar. A não ser que vc acha que aquela pirâmide nas notas de US$1,00 é um símbolo cristão (na verdade, esse símbolo é mto usado na maçonaria...baseado na pesquisa que eu fiz.)
Plim! disse…
Ou coisas pequenas crescem.
Anônimo disse…
Que tal colocar: "vamos adorar o capeta" uma vez que a bagunça instaurada e a corrupção alcança todos os 3 poderes desse país!!!

STF deveria se preocupar em botar na cadeia a cambada de vive em Brasilia.
Anônimo disse…
Sim, a cambada de deputados evangélicos usando a religião para se eleger, que são os mais corruptos, você tem razão =)

No fim, as coisas se conectam, religião e corrupção. Não acredita? Vide Vaticano.
Anônimo disse…
Serviço "completo", qualquer um aqui percebe que a união gay é algo que te diz muito a respeito, não é mesmo? ;)
Anônimo disse…
Eita zorra! Só no Brasil! Enquanto os caras do mensalão tão se safando, a corrupção ta minando os cofres do tesouro nacional, um ministro do STF tá preocupado é com a representação do Cristo cruxificado é com a frase do real!!! Com tanta mancha neste e nos outros poderes, é capaz do Cristo pedir para sair!!!!!!
NoWhereMan disse…
.
GENTE LESA GERA GENTE LESA!...
Enquanto existirem professores adeptos a essas crenças, incutindo a moral da teologia Cristã na cabeça de seus alunos, teremos uma sociedade forjada com este tipo caráter!...

ESTELIONATO CONSENTIDO!
A contribuição da religião no incremento do caos social está diretamente associada a alienação de massas, ao obscurantismo, a limitação da lógica e do intelecto de grande parte da sociedade.

O s males da religião vão muito além do que tirar de um pobre indivíduo o bem pouco que lhe resta de suas economias, mas, de tirar dele a capacidade de ter; a capacidade de produzir.

Assim, essa grande massa é projetada para a exclusão social e, consequentemente, parte dela, acaba na miséria, limitada a subempregos ou contribuindo para engrossar as fileiras da superpopulação carcerária.

Tudo por conta de um Estelionato Consentido, que impera solene diante das vistas grossas do Poder Público e de parte de uma sociedade LEVIANA que apoia essa ação criminosa!...

Mais de 90% da lotação carcerária acredita em "deus" e, sobretudo, em sua grande maioria, são filhos de pessoas crentes em "deus"!

Um bando de alienados cristãos que nada tinham a passar aos filhos, pois ao invés de Cultura Científica, tinham apenas o vazio deixado pelo dogmatismo Religioso.

Com o dinheiro que tiraram do alimento de seus próprios filhos para encher o rabo de pastores estelionatários, esses crentes, poderiam ao menos ter comprado livros instrutivos para levar aos seus filhos, efetivos conhecimentos que os tornariam EMPREENDEDORES, dando-lhes assim, um destino digno.

Quanto mais Religião, mais Ignorancia, Miséria e "Pecadores"!...
O Brasil é o país mais Católico do mundo e um dos mais criminosos também!
Já a Suécia, o país que tem a maior população de Ateus, é a sociedade mais pacífica e com o menor índice de criminalidade do mundo.

"As religiões tornam-se repugnantes pelo simples fato a considerar que, o pior que um homem pode fazer é amar sua crença e por ela desprezar seus iguais."

.
RELIGIÃO É A PRAGA DA HUMANIDADE!...
Coisa de um bando de estúpidos que acreditam nessas porras de jesus e tantos outros deuses idiotas, que não passam de lendas boçais.
Crenças de adultos acéfalos, que costumam “falar” com seus "amiguinhos imaginários", como se infantis ainda fossem, no mundo de "Coelhinho da Páscoa", "Papai Noel", "Bicho-Papão", "Mula-Sem-Cabeça", "Saci-Pererê" e etc..!

Acéfalos que acreditam em:
"Capeta", “Arca de Noé”, “Jonas” que vive em barriga de baleia, universo de 10mil anos e não, 14 bilhões de anos!
Um "deus", que apesar de tantos poderes e alternativas, engravida a própria "filha" para ter com ela um “filho" (incesto), que é "Ele" mesmo, o próprio "Pai".

Um "deus" que ao fazer o mundo, os dias e noites, faz o Sol, somente no 4º dia (???), e, sobretudo, este Sol, no sistema do Geocentrismo, girando em torno da terra e não ao contrário.

Um "deus" de imensurável poder, que cria o projeto de um fabuloso Universo (que nem se sabe pra quê, já que se tem a Terra e os humanos, esses "Borra-Botas", como centro deste Universo), e o expõe ao risco de tudo isso ir para o carálho, porque este grandioso Projeto, está por conta e risco de uma BUCETA e de uma "Cobra falante”?

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=3386756118717&set=a.1811235691691.2088880.1563983264&type=1&theater

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=3513018395195&set=a.1811235691691.2088880.1563983264&type=1&theater
Morrigan disse…
essa resposta pode ter tido uma liguagem meio baixo nível, seu comentário foi muito bem feito e bastante bem estruturado, e sempre achei essa mitologia muito cheia de furos e absurdos.
Anônimo disse…
Faço-lhes um desafio:
1. Tentem caminhar, sem colocar uma perna após a outra e sem utilizar a cadeira de rodas;
2. OU, mais fácil: Tentem ficar 3 dias sem respirar, ou um mês sem beber algo, ou três anos e seis meses sem comer;
3. OU, mas fácil ainda, ter vida sem a colaboração do material genético dos genitores;

Caso consigam, aceito a idéia de trabalhar com um cérebro que não interajam seus emisférios, tendo o cerebelo como ponte de equlibrio. É o mesmo para a humanidade de tocar suas vidinhas pacatas sem o reconhecimento da paternidade do Criador Supremo: DEUS!
Anônimo disse…
Esse seu comentário não tem o mais remoto sentido.
Anônimo disse…
affff esse anonimo das 01:07 é ridiculo....ja que é assim pq Deus da carro ao inves de acabar com a fome dos miseraveis...ja q ele é tao justo! pq num acaba cm a aids, cancer? pq ele nunca apareceu...querem convencer sempre pelo dogmatismo se existe ...é tão ridiculo e mesquinho quanto seu comentario!!!
Lendo alguns comentários vejo que tem muita gente que não tem ideia o significado de Estado Laico, e pior, forçam uma tentativa triste de que é super natural o Estado puxar sardinha a uma única religião em desfavor das outras, pois a Constituição permite a liberdade de crença, mas de onde tiram essa que Estado Laico e Liberdade de crença é a mesma coisa? Estado é neutro, já você pode optar por qualquer religião, o Estado não pode privilegiar nenhum grupo da sociedade.
Calyne D. disse…
Ai meu rim... Pois é, começou sem sentido e terminou ainda pior.
Anônimo disse…
Oras... dinheiro e religião sempre andaram juntos. Templo é dinheiro!
Anônimo disse…
"Caso consigam, aceito a idéia de trabalhar com um cérebro que não interajam seus emisférios, tendo o cerebelo como ponte de equlibrio. É o mesmo para a humanidade de tocar suas vidinhas pacatas sem o reconhecimento da paternidade do Criador Supremo: DEUS!"

Faça o mesmo desafio colocando "Alá" no lugar de Deus, e você vai perceber o quanto foi retardado em ter postado esse desafio.
Anônimo disse…
engraçado, ele nn falou nada sobre a padroeira do brasil ou qualquer um dos outros santos de feriado...
simplesmente pq sao demônios pq esse políticos adoram usar fazendo macumba ¬¬
Anônimo disse…
Constituição da República Federativa do Brasil - 1988:

Art. 1.º, Parágrafo único. Todo o poder emana do povo, que o exerce por meio de representantes eleitos ou diretamente, nos termos desta Constituição.

Art. 14. A soberania popular será exercida pelo sufrágio universal e pelo voto direto e secreto, com valor igual para todos, e, nos termos da lei, mediante:

I - plebiscito;

II - referendo;

III - iniciativa popular.

Sugiro um plebiscito, referendo ou iniciativa popular.


Anônimo disse…
TEM PESSOAS QUE NÃO VIGIÃO SOBRE O Que vão falar.
sou contra a retirada da frase
'Deus seja louvado '
e que Deus seja louvado mesmo.
ÁMEM...
Anônimo disse…
Menores bandidos barbarizam a sociedade, porque será que não diminuem a maioridade penal?, prisão perpetua?

Anônimo disse…
ô gente, esse anônimo é o pombo enxadrista, vcs não perceberam? rsrsrs

Ana Paula
Anônimo disse…
Já notaram o português da crentalha?
Acho que esclarece tudo...
Anônimo disse…
É por isso que os EUA é o que é! Lá o dinheiro tb tem a palavra Deus, “In God we trust” e vcs acham que ficam perdendo tempo com tanta bobagem? Pra eles a Nação é mais importante, segurança, educação, saúde, etc... são assuntos mais importante, assim como os brasileiros...rsrs. Páis das bananas ou não seria "dos bananas".kkkkkkkkkkkkk
Michelle disse…
Anônimo (12 de abril de 2013 18:03)

Pra falar a verdade, tem gente nos EUA que se preocupa em tirar In God We Trust das notas do dólar por ser inconstitucional já que a constitucional norte-americana tb prevê a laicidade do Estado. Aqui vai dois links (em inglês) pra vc dar uma olhada:

- http://www.nbcnews.com/id/10103424/ns/us_news-life/t/atheist-challenges-god-we-trust/#.UWiEoEqyCZA

- http://www.patheos.com/blogs/friendlyatheist/2013/03/12/atheists-sue-u-s-government-to-take-in-god-we-trust-off-our-money/