Ateus são o grupo com maior taxa (76%) de rejeição ao Governo Bolsonaro

Edir Macedo e Jair Bolsonaro:
um evangélico terrível e
um presidente terrivelmente
evangélico

Os ateus são o segmento da sociedade que mais tem rejeitado do Governo Bolsonaro, com a taxa de 76%, de acordo com o Datafolha. 

A segunda taxa mais representativa apresenta uma diferença de 24 pontos percentuais: do total dos moradores do Nordeste, 52% rejeitaram os primeiros meses do novo governo.

A pesquisa foi feita com 2.878 pessoas com mais de 16 anos em 175 municípios, entre os dias 29 e 30 de agosto.

Entre os que mais aprovam o Governo Bolsonaro estão os evangélicos neopentecostais, com 46%. A maior taxa foi apresentada pelos empresários, 48%.

De maneira geral, a reprovação do Governo Bolsonaro subiu de 33% para 38%, em relação à pesquisa anterior, feita de 4 a 5 de julho.

A elevada rejeição dos ateus já era esperada porque Bolsonaro, além de suas atrapalhadas verbais diárias, tem se tornado um presidente “terrivelmente evangélico”, embora seja católico.

Bolsonaro não abandonou a seu slogan da campanha eleitoral—“Brasil acima de tudo, Deus acima de todos” —, o que explica apoio que tem recebido dos neopentecostais.

Com frequência, Bolsonaro afirma que o Estado é laico, mas ele é cristão, não se sabendo o que significa isso porque um presidente, independentemente de sua crença ou descrença, tem de respeitar a separação entre o Estado e a Igreja.

Bolsonaro já recebeu em audiência mais de 40 líderes evangélicos, aos quais têm prometido vantagens e facilidades fiscais, além daquela prevista na Constituição.

No dia 1º de setembro de 2019, o bispo Edir Macedo, da Universal, abençoou Bolsonaro no Templo Salomão, em São Paulo.

A foto do presidente da República ajoelhado diante de Edir Macedo diz muito mais do que se vê.



Com  informação do Datafolha e de outras fontes e foto de divulgação.




Fundamentalismo religioso de Bolsonaro é pior que o da Idade Média, diz Roberto Freire

Bolsonaro logo vai descobrir que orações não resolverão os problemas do Brasil

Bolsonaro logo vai descobrir que orações não resolverão os problemas do Brasil

Justiça suspende passaporte diplomático que Bolsonaro concedeu a Valdomiro





Comentários

Emerson Santos disse…
Ele sabe que precisa de apoio pra manter o gado sobre controle.
Ricardo disse…
Melhor presidente de todos os tempos. E quem vos está dizendo não é um evangélico, mas im um professor universitário.
Leandro Bueno disse…
Para mim, isso é conversa fiada. Isto porque é difícil de acreditar que em uma pesquisa que queira saber acerca da popularidade de um governante X ou Y, ainda sejam questionada a religião ou a descrença desta pessoa. Não faz sentido nenhum. Eu conheço vários ateus que apoiam Bolsonaro.
Novo Satanás disse…
Assim como o Presidente da República pode vetar uma lei, expondo as razões do veto, qualquer um de nós também deveria poder, basta para isso ter as razões do veto.