Edir Macedo relança livro acusado de demonizar religiões de origem africana

Livro é relançado em
um momento de um
 governo pró-evangélicos
 e de ataques a terreiros

O bispo Edir Macedo está relançando “Orixás, Caboclos e Guias — Deuses ou Demônios?”.

Sacerdotes de religiões de origem africana acusam o livro de demonizar suas crenças, promovendo o ódio e a intolerância.

Quando foi lançado em 1997 pela Igreja Universal, o livro causou polêmica por, segundo seus críticos, responsabilizar a umbanda, candomblé e outras crenças espiritualistas de “manobras satânicas” que dissemina o mal na sociedade.

Em 2005, a Justiça suspendeu a circulação do livro, que se tornara um best-seller evangélico com mais de um milhão de exemplares. 

Um ano depois, a decisão foi revogada.

A Igreja Universal diz que o “livro não ataca nenhuma religião ou seus praticantes”.

Esse não é o entendimento de lideranças da umbanda e candomblé. Elas estão se mobilizando para tentar impedir o relançamento.

Argumentam que o livro vai exacerbar ainda mais a intolerância religiosa, que tem sido a causa de evangélicos a terreiros.

Três trechos polêmicos do livro

— "Sempre tive desejo de colocar em um livro toda verdade acerca dos Orixás, dos Caboclos e dos mais diversos Guias, que vivem enganando os homens e fazendo deles "cavalos" , "burrinhos" ou "aparelhos"..." (Introdução, p. 16)

— “Já oramos muitas vezes por pessoas viciadas em tóxicos, bebidas alcoólicas, cigarro ou jogo, e na maioria dos casos, o responsável é o ex chamado “Zé Pelintra” ou “malandrinho” ou outro desta casta. Prostitutas, homossexuais e lésbicas, sempre possuídos por pomba-gira (“marias-molambos”, etc.)".(p.47)

— “Na umbanda, há uma preferência muito grande por sangue, enquanto no candomblé as ervas ocupam a preferência dos demônios. Diz-se que existem 21 ervas principais, com as quais se fazem os mais diversos trabalhos, misturados com aves, peixes, caramujos, etc. Acredita-se que o segredo do candomblé esteja nas ervas (2004,p.107)

Com informação do Boletim da Liberdade e de outras fontes, com foto de divulgação.


Condenada por intolerância, Record News tem de exibir programas de religião de origem africana

Dados do Coaf indicam que fortuna de Edir Macedo é de US$ 2 bi

Macedo comete charlatanismo ao 'curar' gay e 'queimar' Aids

Site oficial confirma que Edir Macedo tem em Miami apartamento de R$ 34,6 milhões

Quem não paga dízimo fica exposto ao Satanás, afirma Edir


Comentários