Pular para o conteúdo principal

Cristianismo é a religião que mais perseguiu o conhecimento científico

Luís Carlos Balreira / Opinião  As epidemias e pandemias durante milhares de anos antes do cristianismo tiveram as mais estapafúrdias explicações dos deuses.

Morte de Hipatia de Alexandria

MORTE DE HIPATIA DE ALEXANDRINA EM ILUSTRAÇÃO DE UM LIVRO DO SÉCULO 19


Algumas mentes brilhantes da antiguidade, tais como Imhotep (2686-2613 a.C.) e Hipócrates (460-377 a.C.) tentaram passar explicações científicas para as massas de fanáticos religiosos, ignorantes, bestas humanas.

Com a chegada ao mundo das feras cristãs mergulhamos numa era de 2000 anos de trevas e ignorância.

Os cristãos foram os inventores da queima de livros e bibliotecas. O cristianismo foi a religião que mais perseguiu o conhecimento científico e os cientistas.

O Serapeu foi destruído em 342 d.C. por ordem de um bispo cristão de Alexandria, sob a proteção de Teodósio I.


A grande cientista Hipátia de Alexandria (351/370) foi despida em praça pública e dilacerada viva pelas feras e bestas imundas cristãs.

Somente após a Teoria dos Micróbios, dos cientistas modernos é que os fanáticos cristãos sujos e imundos não puderam mais queimar cientistas na fogueira ou dilacerá-los, assassiná-los, em praça pública, tampouco queimar livros científicos.

Todavia, já no século XVII, os índios do Brasil, que segundo o cristianismo católico eram animais sem alma, ensinaram os padres jesuítas a curar a malária com quinino.

A recompensa por isso foi o extermínio dos indígenas com as pestes trazidas pelo cristianismo europeu.

Será que o coronavírus é castigo de Deus pelos genocídios dos índios americanos pelos cristãos?

Luís Carlos Balreira é presidente mundial da Legião Científica Brasileira.






Coronavírus faz igreja dos EUA de cura pela fé a cancelar visitas a hospitais

Justiça manda Santuário de Aparecida cancelar eventos por causa do Covid-19

Coronavírus faz Centro Adventista cancelar palestra com criacionista

Pastor americano diz que Deus enviou o coronavírus para 'eliminar' pecadores





Comentários

  1. 04.04.2020
    POR QUE OS PODEROSOS DEUSES MICRÓBIOS, ONIPRESENTES E ONIPOTENTES, ESTÃO NOS CASTIGANDO COM TANTOS MEDOS, CANSAÇOS, ESGOTAMENTOS, DEPRESSÕES E ESTRESSES? POR QUE TANTAS AMEAÇAS E VIOLÊNCIAS POR PARTE DESSES SERES SEM PERNAS E SEM BRAÇOS? O QUE ESTÃO QUERENDO NOS ENSINAR ESSAS CRIATURAS ACÉFALAS E CRUÉIS? QUANTOS SACRIFÍCIOS HUMANOS TEREMOS QUE OFERECER A TAIS NANODEUSES ATÉ DEIXARMOS DE SER ESTÚPIDOS, IMBECIS E DESCEREBRADOS? Eu depreendi que esses pequenos-grandes seres impiedosas perderam a paciência com a estupidez dos governantes e administradores das grandes metrópoles, ensinando, com prejuízo da explosão demográfica deles mesmos, que para uma parcela significativa da população de uma megalópoles basta saírem às ruas 3 vezes por semana, no máximo, basta usar a Ciência, o método científico, a lógica, a razão. No momento, o Covid-19 está ensinando que é preciso o isolamento social para que possa haver tratamento para todos, assim como médicos, enfermeiros, não estressados; medicamentos, equipamentos, leitos, etc. Vejam como os micróbios sem cérebro estão ensinando as criaturas com o maior cérebro proporcional ao corpo, dentre todos os seres vivos. O Covid-19 está nos dizendo para nos organizarmos para diminuir de imediato os mortos no trânsito, nessa corrida insana atual. O Covid-19 está nos dizendo que nas grandes megalópoles é necessário planejamento familiar para que haja tempo de formar professores bem qualificados, médicos, enfermeiros, padeiros; aperfeiçoamento e criação de soluções por parte dos cientistas, etc. O Covid-19 está mostrando que já temos algumas tecnologias e metodologias para solucionar boa parte de nossos problemas urbanos. Por exemplo, o casal que quiser ter um número exagerado de filhos deve ir para o interior onde está faltando profissionais para as populações rurais, das florestas. Os motoristas de caminhão das rodovias podem dirigir menos e mais devagar, sem tomar arrebites, se as fábricas providenciarem caminhões fabricarem veículos de carga com o triplo da capacidade, ou quem sabe outra solução? Será que não vamos tirar ensinamentos desse alto preço que estamos pagando, sendo castigados pelos deuses micróbios, por nossas imbecilidades? Para que igrejas lotadas todos os dias? Quantos fieis morrem por dia no trânsito? Quantos são assaltados? Quantos saem sem um tostão furado dos templos, após deixarem lá todas as suas pequenas posses? Não temos celulares? Televisão? Computadores? Videoconferências? Até quando vamos nos comportar como bestas humanas? Como gado? Como ovelhas? Como manada? LUÍS CARLOS BALREIRA. PRESIDENTE MUNDIAL DA LEGIÃO CIENTÍFICA BRASILEIRA.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Precisa estudar um pouco mais. Texto tão grande sem nenhum tipo de informação útil. Está parecendo mais com um discurso de alguém que foi ferido por algum "lider" de tantos que temos hoje e que se dizem cristãos.
      Você foi preconceituoso. Quer falar sobre a os lideres mals, pastores e padres pedófilos pode falar, mas não generalize, pesquise um pouco mais e use palavras corretas.

      Forte abraço

      Excluir
  2. 05.05.2020
    CIÊNCIA URGENTE, URGENTÍSSIMO. POR QUE DEVEMOS AMAR A CIÊNCIA SOBRE TODAS AS COISAS E PROVIDENCIAR AOS CIENTISTAS TUDO QUE ELES PRECISAM PARA PODEREM TRABALHAR EM CONDIÇÕES APROPRIADAS PARA O BEM DE TODA A HUMANIDADE. (PARTE I). Minhas teorias científicas estão sendo confirmadas uma após outra. A propósito, 15 dias após eu publicar meu comentário, mencionado acima, a Revista Galileu publicou (01. 04.2020) um artigo fundamentado na revista científica Annals of Oncology (Anais de Oncologia) um novo salto milagroso da Ciência pertinente às minhas ideias mencionadas sobre as demandas dos cientistas. Pesquisadores norte-americanos desenvolveram um novo tipo de exame de sangue que identifica 50 tipos de câncer e a localização dos tumores no corpo humano. os cientistas revelam que o procedimento usa o sequenciamento para analisar alterações químicas nos chamados grupos metil do DNA das células cancerígenas. Com isso, os pesquisadores conseguem avaliar se os genes cancerígenos estão ativos ou inativos. No meu comentário do dia 15.03.2020 (“Por que todos os tipos de câncer ainda não são preveníveis? (...). (Parte II)”, eu expliquei que cada ser humano é um universo à parte, cada qual se alimenta de um modo, usa temperos diferentes, seus ancestrais longínquos de séculos atrás se alimentavam com determinados alimentos, mas hoje temos uma infinidade de alimentos industrializados. Um indivíduo pode ter comido um pedaço de carne do boi que pastou num lugar naturalmente impregnado de material radioativo, como urânio, por exemplo, encontrado livre na natureza, no pasto ou na água. Uma molécula ou isótopo qualquer pode se alojar no DNA do indivíduo, dentro de qualquer organela da célula. Portanto, essa pessoa será única dentre os quase 8 bilhões de pessoas. Por que um quisto nasce e se desenvolve no “cangote” de alguém e o mesmo tipo de quisto nasce em local diferente em outra pessoa? Eu comentei no artigo do dia 15.03.2020 que conheci um negro velho capataz numa fazenda de um tio meu, em São Lourenço do Sul/RS, com mais de 100 anos, saudável, andava a cavalo, fumava a vida toda palheiros com aquele fumo de corda. Minha tia brigava com ele, dizia que ele já estava aposentado e que não deveria fazer mais nenhuma lida do campo, mas ele ficava bravo, era temperamental. Ela dizia que ele ia acabar caindo do cavalo e morrendo sem ninguém saber. Ele só balançava os ombros. O mundo está repleto desses exemplos, às aos milhões. Pessoas que comem vidro, areia, ácido sulfúrico, terra, etc. Hoje vi uma cientista brasileira na TV dizendo que ninguém entende porque alguns com 100 anos de idade se salvam do coronavírus, e outros com tratamento muito mais aprimorado morrem. Estava tentando dizer em meu comentário que os cientistas precisam ainda de trilhões de dólares para acabar com todas as doenças, da humanidade, tornar a medicina menos invasiva. Mas a humanidade só se interessa em construir igrejas, rezar e dar dízimos aos bilionários proprietários. LUÍS CARLOS BALREIRA. PRESIDENTE MUNDIAL DA LEGIÃO CIENTÍFICA BRASILEIRA.

    ResponderExcluir
  3. 07.04.2020
    COVID-19 E A FALTA DE PESQUISAS CIENTÍFICAS: SE TIVÉSSEMOS NO MUNDO UMA QUANTIDADE DE CIENTISTAS EQUIVALENTE AO NÚMERO DE PADRES E PASTORES NÃO TERÍAMOS MAIS PRAGAS E DOENÇAS NO MUNDO. O PAPA FRANCISCO ATÉ QUE SE ESFORÇOU, COITADO, MAS AQUELE CRUCIFIXO MILAGROSO DE SÃO MARCELO NÃO SERVIU NEM MESMO PARA ESPANTAR OS MOSQUITOS DA PRAÇA DO VATICANO. Eu já procurei centenas e centenas de pesquisas científicas ortodoxas e heterodoxas, em determinadas áreas da medicina, na Internet mundo afora, e não encontrei o que eu queria. Estão faltando milhares de pesquisas importantes para dizimar doenças e pestes. Por exemplo, pouco se sabe sobre o a imunidade de animais que vivem do lixo, nos charcos lamacentos, embaixo da terra, nas lixeiras a céu aberto, etc. Na África houve um morticínio epidêmico de leões. As hienas comeram cães domésticos com cinomose, depois disso foram disputar presas com os leões, estes estavam com a doença dos carrapatos, estavam fracos, e adicionaram no organismo a cinomose; começaram a ter convulsões devido à tal comorbidade patológica. Os outros leões machos não gostaram do comportamento “esquisito” ou bizarro dos companheiros doentes (convulsões) e passaram a atacá-los, adquirindo a peste pelas mordidas. Não encontrei estudos aprofundados sobre as consequências dessa peste exterminadora de leões, para saber o porquê de ter não ter acontecido o mesmo com as hienas, já que elas costumam dar mordidas nos leões nas disputas pelas presas ou carcaças. Estudos laboratoriais profundos sobre a imunidade plasmática dos abutres, que vivem de carniças, bem como seu aproveitamento ou não pela medicina também não são encontrados. Estudos sobre irradiações eletromagnéticas – para a durabilidade dos alimentos – tais como micro-ondas, radiação ultravioleta, raios X e radiação gama são facilmente encontrados na Internet. As radiações ionizantes são as de maior importância em alimentos (partículas alfa, raios beta, raios gama, raios X e raios cósmicos), todavia, aplicadas em microrganismos para a produção de vacinas ou medicamento eu não encontrei em níveis satisfatório de conhecimentos aplicados na medicina, a não ser no bombardeamento de mosquitos para limitar sua multiplicação ou proliferação. Quero dizer com isso, que o mundo está necessitando urgentemente de mais cientistas do que de padres e pastores. Estes não estão servindo para nada no covid-19, só atrapalham e gritam por causa dos dízimos que diminuíram. Estão exigindo “contribuições horizontais”. O Papa Francisco até que se esforçou, coitado, mas aquele crucifixo milagroso de São Marcelo não serviu nem mesmo para espantar mosquitos. Parece que até mesmo os vampiros já têm imunidade contra cruzes e crucifixos, na verdade eles até dão risadas quanto são atacados por um. Vamos ver se agora, com essa peste covid-19 ao vivo e a cores os governantes cristão imbecis começam a cobrar impostos dessas igrejas cristãs multibilionárias e aplicar em pesquisas científicas médicas. LUÍS CARLOS BALREIRA. PRESIDENTE MUNDIAL DA LEGIÃO CIENTÍFICA BRASILEIRA.

    ResponderExcluir
  4. 08.04.2020
    CRISTÃOS, POR QUE VÓS ESTAIS COM O MEDO DA MORTE? NÃO ACREDITEIS QUE JESUS CRISTO, O MÉDICO DOS MÉDICOS, ESTEJA À VOSSA ESPERA? SE ESTIVERDES COM MEDO DE IR AOS CULTOS ESTARÁS DESONRANDO A MEMÓRIA DOS CRISTÃOS PRIMITIVOS QUE DESAFIAVAM NERO E IAM CANTANDO PARA SEREM DEVORADOS PELAS FERAS DO COLISEU! O QUE HOUVE COM O SALMO 91? DESTA VEZ, PELO MENOS, VOSSO BOLSONERO ESTÁ SENDO COERENTE! Assim como os cristãos adaptaram a Bíblia durante séculos, retirando aquilo, colocando isto, plagiando mitologias mais antigas, quando se apoderarem oficialmente do mundo terreno também alteraram toda a história, fazendo do Imperador Nero um poeta louco, incendiário, tocador de arpa. Acontece que Nero tinha um plano econômico, monetário, que queria que desse certo, da mesma forma que o nosso imperador Bolsonero. A maior parte dos grandes historiadores da atualidade não aceitam as mentiram dos cristãos sobre o incêndio de Roma. Por que estais com medo de frequentar os cultos, cristãos brasileiros, onde está vossa rebeldia religiosa? Não estejais vós, por acaso, com medo da autoridade secular, não é mesmo? Eu não vou nem um pouco com a cara de Bolsonaro e de Malafaia, mas eles estão demonstrando otimismo e confiança em Deus “acima de tudo”, estão confiando nos Três Patetas da Santíssima Trindade, a menos que estejam fingindo; mas, parece que vós estai, cristãos brasileiros, se borrando de medo de se juntar à Javé, a Jesus e ao Espírito Santo. Onde está vossa crença e confiança no Pai Celestial? Olhai os lírios dos campos, escutai os proprietários das igrejas evangélicas, que desejam ver igrejas lotadas. De acordo com o padre do filme “A guerra dos Mundos”, os vírus que destruíram os inimigos alienígenas eram criaturinhas de Deus. Os pastores, bispos, e apóstolos brasileiros querem que todos vocês, fiéis, saiam às ruas, enfrentem os coletivos lotados até os cultos, com o dízimo em mãos, assim como os cristãos primitivos seguiam felizes para os cultos e refúgios nas catacumbas, ou então se deslocavam cantando para a arena do Coliseu. LUÍS CARLOS BALREIRA. PRESIDENTE MUNDIAL DA LEGIÃO CIENTÍFICA BRASILEIRA.

    ResponderExcluir
  5. 08.04.2020
    Solicito aos cientistas e médicos que estão trabalhando na pandemia do covid-19 que façam testes em pacientes com os primeiros sintomas com a fórmula original do celestamine conjugado com o aciclovir. (L.C. BALREIRA).

    ResponderExcluir
  6. 10.04.2020
    CORONAVÍRUS. APOLO 13. BRAINSTORM. MUNDO, NÓS TEMOS UM PROBLEMA! O risco de risco de morte iminente dos astronautas da Apolo 13 fez com que na Terra fossem requisitados dos maiores gênios pertinentes ao assunto para salvar os astronautas. No caso do covid-19, já deveríamos estar fazendo isso desde o começo da epidemia na china, antes que se tornasse pandemia. Ainda dá tempo no Brasil de formarmos alguns grupos de especialistas em várias áreas do conhecimento, como medicina, biologia, farmácia, enfermagem, etc., somente para fazer anamneses e brainstorms, examinando casos concretos de pessoas que não foram contaminadas por pessoas próximas que morreram ou ficaram gravemente abaladas com a doença. Por exemplo, eu vi na TV uma mulher que teve sintomas muito leves em casa e ficou curada na quarentena enquanto o marido quase morreu com o covid-19. A anamneses nessas pessoas que não foram atingidas ou o foram de modo muito leve. Que tipo de medicamentos essas pessoas ingeriram antes da pandemia? Por exemplo, será que várias dessas pessoas que não foram atingidas pela peste tomaram contraste intravenoso à base de iodo? Tomam coquetel anti-HIV? Enfim, existem milhares de sustâncias nas farmácias, alguma(s) dela(s) poderia(m) salvar muitas vidas. Três grupos de pesquisas com pesquisadores de várias áreas em cada grupo poderiam estar trabalhando já há bastante tempo, inclusive em países onde a pandemia já tenha chegado há bem mais tempo. LUÍS CARLOS BALREIRA. PRESIDENTE MUNDIAL DA LEGIÃO CIENTÍFICA BRASILEIRA.

    ResponderExcluir
  7. 10.04.2020
    PODE EXISTIR AMOR, PERDÃO, EMPATIA, IRMANDADE, SOLIDARIEDADE, FELICIDADE, POR MEIO DO FANATISMO ILUSÓRIO DA RELIGIÃO, DA SUPERSTIÇÃO, IGNORÂNCIA, FALSIDADE E DA MENTIRA? SOMENTE O ENFRENTAMENTO DA REALIDADE ATRAVÉS DO ATEÍSMO CIENTÍFICO FOI POSSÍVEL À HUMANIDADE ENCONTRAR O VERDADEIRO AMOR, E AQUILO QUE É MAIS PRÓXIMO POSSÍVEL DA REAL FELICIDADE. (PARTE I). O cristianismo só trouxe felicidade para os lobos cristão, enquanto que às ovelhas cristãs analfabetas, ingênuas, incautas, sofredoras, insignificantes, restou sempre a esperança do paraíso na vida após a morte. Os livros de história provam e comprovam as religiões jogaram a humanidade em um verdadeiro inferno de milhares de anos. O cristianismo, juntamente com os monarcas e imperadores de todo o mundo, só trouxe ignorância, analfabetismo, sofrimento, servidão, escravidão, crendices, tortura, espada, fogo, doenças, pestes, guerras, perseguições, fogueiras, genocídios. A humanidade somente começou a ter amor, liberdade, só começou a rir, brincar, conhecer, ter laser, qualidade de vida, bem-estar, dignidade, etc., quando a Ciência se livrou dos grilhões de seus dois maiores flagelos, ou seja, a religião e as monarquias e impérios escravocratas e impiedosas. A religião é uma peste tão infame e demoníaca que ela domina até hoje as “democracias” republicanos dos países do Terceiro Mundo, principalmente. Todavia, os cientistas não param de lutar para libertar as ovelhas ignorantes e analfabetas das suas algemas e correntes cristãs. Através de uma simples dedução lógica os pobres, ignorantes e analfabetos funcionais poderiam se libertar da mentira religiosa, quero dizer, somente os ricos e poderosos podem ter redes de Rádio e Televisão. Principalmente empresários, igrejas e políticos. Quem permite que os ricos e poderosos possuam meios de comunicação de massa no Brasil a não ser o poder executivo e o legislativo? Vejam como essas mídias tratam os pobres e feios em suas novelas bilionárias! Vejam a escrava Isaura como é bonitinha, gostosinha! Vejam as escolhas do Big Brother, luxúria e beleza. Se colocarem um negro pobre é só para dar satisfação ao politicamente correto. Ou seja, essa dupla diabólica, políticos e religiosos, que estão no poder político e administrativo há milênios, no mundo todo, não dá moleza a ninguém, a menos que levem alguma vantagem. Vendo tais injustiças, os cientistas nos deram a Internet, para que todos tenham o direito à liberdade de expressão. Contudo, os crápulas proprietários dos monopólios midiáticos estão há horas querendo destruir a WWW. Vemos uma lavagem cerebral cristã intensa, há 40 anos, desde as primeiras eleições das Diretas-Já, no Rádio e na TV. O ateísmo científico – que nada tem a ver com ateísmo comunista político ou ideológico, ou qualquer outro tipo de ateísmo – vem fazendo de tudo para libertar a humanidade dos canalhas políticos e castas religiosos. As igrejas cristãs, católica e evangélica, se apossaram dos conhecimentos dos cientistas para vendê-los aos país de alunos ricos. É vergonhosa no Brasil a astronômica evasão escolar dos pobres e miseráveis, que se multiplicam em favelas, cortiços e lixões, só porque a Bíblia ordena o “Crescei e multiplicai-vos”. A Igreja Católica foi sempre a maior inimiga do planejamento familiar no Brasil. Os países nórdicos estão levando o planejamento familiar de modo seríssimo desde o primeiro método, a pílula, que os cientistas entregaram à humanidade no começo da década de 1960. Mas, não houve jeito, o povo não para de dançar alternadamente na roda diabólica dos poderosos, sejam eles comunistas, religiosos ou capitalistas selvagens. Cabe salientar que a China fez um bom trabalho de controle da natalidade, mas sacrificou as liberdades individuais, como liberdade de expressão e de ir e vir. LUÍS CARLOS BALREIRA. PRESIDENTE MUNDIAL DA LEGIÃO CIENTÍFICA BRASILEIRA.

    ResponderExcluir
  8. 10.04.2020
    PODE EXISTIR AMOR, PERDÃO, EMPATIA, IRMANDADE, SOLIDARIEDADE, FELICIDADE, POR MEIO DO FANATISMO ILUSÓRIO DA RELIGIÃO, DA SUPERSTIÇÃO, IGNORÂNCIA, FALSIDADE E DA MENTIRA? SOMENTE O ENFRENTAMENTO DA REALIDADE ATRAVÉS DO ATEÍSMO CIENTÍFICO FOI POSSÍVEL À HUMANIDADE ENCONTRAR O VERDADEIRO AMOR, E AQUILO QUE É MAIS PRÓXIMO POSSÍVEL DA REAL FELICIDADE. (PARTE II-FINAL). Poucas nações conseguiram um certo grau de liberdade, civilidade, qualidade de vida e dignidade humana, como acontece nos países nórdicos, tais com Noruega, Dinamarca, Holanda, Finlândia, etc. Todavia, o fanatismo religioso cristão ou de qualquer outro tipo foi repudiado por essas nações. Todas as maravilhas dos países nórdicos foram alcançadas com ateísmo, educação, planejamento familiar, conhecimento, Ciência, pesquisa e desenvolvimento, tecnologias, etc. Portanto, o amor, alegria, segurança, qualidade de vida, dignidade humana, direitos fundamentais, somente foi conseguido graças à Ciência e suas tecnologias. Os meios de comunicação de massa tradicionais falam dia e noite em Deus, Jeová, Javé, Jesus Cristo, Espírito Santo, porque estão apavorados. Trata-se de uma lavagem cerebral demoníaca, escravocrata, para que os indivíduos continuem aceitando uma educação de 15ª categoria. Para que a ignorância, a evasão escolar, a criminalidade, a corrupção, a impunidade dos poderosos, e, desde as Diretas-Já, também a impunidade dos facínoras e monstros pés-de-chinelo, com direito a 40, 50 passagens pela polícia. Para que todos aceitem o desemprego, a fome, a injustiça com coisas que existem no mundo inteiro desde Adão e Eva. Toda e qualquer desgraça brasileira os políticos entrevistados logo citam os países do Primeiro Mundo como exemplos similares ao Brasil. Para que as massas populares ignorantes e supersticiosas, mansas como cordeiros, aceitem tudo sem se revoltar, pela conformação, sem a necessidade de nada mudar. Por favor, analfabetos e analfabetos funcionais fanáticos, façam perguntas, procurem saber como foram dos 10 mil últimos anos de trevas religiosas do passado da humanidade. Você pode acelerar o paraíso terrestre científico e tecnológico que está regredindo com a brutal reação do fanatismo religioso, que quer novamente manter os cientistas sob seu velho jugo e dominação. Os lobos não querem aproximar o povo da Ciência, do conhecimento. Este é a árvore proibida. Para os lobos cristão, as ovelhas precisam ser controladas pela ignorância. O fanatismo religioso cristão está devastando o Brasil há 40 anos, quando os evangélicos se juntaram aos comunistas e terroristas anistiados que tomaram o Brasil de assalto; o covid-19 é a cereja do bolo da vitória desses malditos e amaldiçoados discípulos das Diretas-Já que estão dilacerando a nação brasileira, e que estão desgraçando a humanidade, há milhares de anos. Eles são diabólicos, demoníacos, maquiavélicos, mefistofélicos, insanos, psicopatas, sociopatas, genocidas. Não há limites para o instinto de poder e dominação desses seres alados infernais funestos. LUÍS CARLOS BALREIRA. PRESIDENTE MUNDIAL DA LEGIÃO CIENTÍFICA BRASILEIRA.

    ResponderExcluir
  9. 13.04.2020
    LAVAGEM CEREBRAL RELIGIOSA EXPLÍCITA E SUBLIMINAR NA INFÂNCIA. A PRÓPRIA CIÊNCIA PODE SER A RESPONSÁVEL PELA EXPLOSÃO DO FANATISMO RELIGIOSO CRESCENTE E INSUPORTÁVEL JÁ HÁ VÁRIAS DÉCADAS NO BRASIL E NO MUNDO. O FANATISMO CRISTÃO ANTICIENTÍFICO, RECRUDESCENTE E RESILIENTE, É O GRANDE RESPONSÁVEL PELO COVID-19. EX.: ÓDIO CONTRA AS VACINAS. Muitos crentes tentam fazer com que seus filhos não assistam Televisão, ou, então, selecionam desenhos e filmes que suas crianças podem assistir. Os ateus e os cientistas tinham a esperança que o conhecimento, a Ciência e suas tecnologias pudessem varrer as religiões da face da Terra, haja vista que aqueles milagres mitológicos do judaísmo-cristão na Bíblia seriam desmascarados pela falta de prática dos deuses. Ou seja, como os milagres eram mentirosos, como a travessia dos “escravos” hebreus no Mar Vermelho, por exemplo, uma das maiores e mais difundidas fraudes e fake news de todos os tempos, a Bíblia se tornaria um livro de piadas, de humor negro e de falsas esperanças. Os milagres da Bíblia ao vivo e a cores desapareceriam, como de fato desapareceram, porque eram farsas, fraudes, embustes; todavia os avanços tecnológicos do cinema e TV fizeram com que os filmes e jogos eletrônicos ficassem cada vez mais reais. O filme “Os Dez Mandamentos”, por exemplo, já em 1956 apresentou efeitos visuais incríveis, formidáveis, sendo que o próprio produtor disse na época que não era mágico, mas conseguiu fazer aquele filme impressionante. Imaginemos agora as crianças sofrendo uma lavagem cerebral com esses filmes e desenhos religiosos desde os primeiros anos de vida. O resultado é o fanatismo evangélico cristão enlouquecido das Diretas-Já, onde os interesses dos comunistas e do cristianismo proporcionaram uma coalizão demoníaca, ampla, geral e irrestrita para saquear os cofres públicos e alienar impiedosamente todo um povo. A tal ponto, que as vacinas e todos os demais conhecimentos científicos, como o heliocentrismo, a esfericidade da Terra, etc., foram sendo degradados passo a passo, enquanto os canalhas destruíam a nação brasileira, a ex-Pátria Amada. Foi algo tão diabólico, maquiavélico e demoníaco essa tal de “Diretas-Já” que até as Forças Armadas Brasileiras se prostituíram e passaram a ajudar os corruptos a saquearem os cofres públicos. Os resultados desse amargo regresso ao fanatismo religioso, ao preconceito dos fanáticos cristão contra as vacinas está aqui e agora para quem quiser ver e sentir, ou seja, a corona vírus. Já está comprovado que as aglomerações nos cultos cristãos são os responsáveis pela importação do coronavírus da China. LUÍS CARLOS BALREIRA. PRESIDENTE MUNDIAL DA LEGIÃO CIENTÍFICA BRASILEIRA.

    ResponderExcluir
  10. 15.04.2020
    DEPOIS DO VENDAVAL CORONAVÍRUS A CIÊNCIA BRASILEIRA VAI TER QUE DEIXAR DE ANDAR EM RITMO DE LESMA. JAMAIS HOUVE NA FACE DA TERRA CLASSES RICAS E MÉDIAS TÃO SUBSERVIENTES, EXPLORADAS, OPRIMIDAS, COVARDES E CRETINAS, COMO AS DO BRASIL DAS DIRETAS-JÁ (PARTE I). Essas verbas vergonhosas que os cretinos das Diretas-Já vem apresentando à Ciência são ultrajantes. Esses politiqueiros vagabundos, pilantras, canalhas, querem se perpetuar no poder com suas dinastias porcas, até mesmo para que com mandato seus filhos e outros parentes passam blindar com poder partidário a corrupção e a roubalheira dos cofres públicos, uns dos outros. Uma das fórmulas mais certeiras dos clãs para se perpetuarem no poder é eternizarem a pobreza, o analfabetismo, manterem imensos exércitos de reserva de desempregados, verdadeiras massas de manobras políticas e religiosas. A primeira coisa que os populistas imundos e famigerados fazem é dar casa, comida e roupa lavada para os pobres e miseráveis, juntamente com as igrejas e ONGs, principalmente. A maioria do povo brasileiro das classes ricas e médias, e até pobres, trabalha muito, faz planejamento familiar, cuida de seus filhos, estuda, paga seus respectivos aluguéis ou compra sua casa, sua comida, lava suas roupas, compra seus remédios, paga seus planos de saúde, etc. Não somente as classes médias fazem isso, mas também centenas de milhares de chefes de famílias das classes pobres e até miseráveis trabalham muito e vencem sem precisar do governo a não ser a escola pública. Eu conheço muitas famílias que assim procederam. Todavia aqueles pobres e miseráveis que exigem “Minha casa Minha vida”, meus ranchos, meus móveis e meus eletrodomésticos doados, minhas cotas de energia, etc., enchem suas “casas minhas vidas” de filhos e netos e seguem se reproduzindo como ratazanas e elegendo comunistas e evangélicos, políticos porcos e imundos do inferno, que sugam tudo que as classes médias produzem. Robin Hoods de meias-tigelas que passaram 40 anos sugando, massacrando os ricos honestos e produtivos e as classes médias estudiosas, trabalhadoras, proativas, planificadoras, racionais. Considerando que temos um Estado e uma república imunda, corrupta, perdulária, dilapidadora, inchada, incompetente, temos aí a fórmula para o desastre nacional. Temos uma nação com uma parcela assustadora de analfabetos e fanáticos religiosos cristãos. A Ciência está estagnada no Brasil há 40 anos, desde que esses imundos comunistas mancomunados com os malditos evangélicos tomaram o país de assalto com as Diretas-Já. Se as classes ricas e médias acovardadas não tomarem as rédeas desse país, não haverá mais chances de salvarmos os Brasil dos comunistas porcos, dos advogados do diabo e dos evangélicos fanáticos malditos que infectaram todos os poderes do Estado e da República brasileira. Os cientistas precisam de verbas e não de esmolas que sobram dos programas sociais de pobres e miseráveis que pelo menos deveriam fazer planejamento familiar e deixarem de se multiplicar como ratazanas. Em milhares de casos de assaltos, roubos, assassinatos, estupros, estelionatos, etc., são esses malditos miseráveis que depois de criados e fortalecidos com vacinas, bolsas disso, bolsas daquilo, minha casa, minha vida, minhas roupas lavadas, vêm assaltar e assassinar os filhos das classes que trabalharam duro para sustentar os programas sociais que esses bandidos se locupletaram. LUÍS CARLOS BALREIRA. PRESIDENTE MUNDIAL DA LEGIÃO CIENTÍFICA BRASILEIRA.

    ResponderExcluir
  11. 06.05.2020
    BOBINA DE TESLA E ENERGIA ESTÁTICA CONTRA O CORONAVIRUS? Pesquisei na internet e não encontrei nenhum estudo prático com a finalidade de esterilização contra o covid-19 em portais de passagem ou ligados aos doentes para combater a doença no organismo. (L. C. BALREIRA).

    ResponderExcluir
  12. 15.05.2020
    SEIS ANOS DEPOIS, NENHUMA AUTORIDADE “FISCALIZADORA” INCOMPETENTE OU CORRUPTA PRESA PELA TRAGÉDIA NA BOATE KISS, EM SANTA MARIA. Publico novamente minha homenagem, meu pesar e minha solidariedade com as famílias das vítimas (242 jovens mortos. E também o meu repúdio pela impunidade promovida pelo Poder Judiciário mais vagabundo, inútil, irresponsável e canalha do mundo.
    POESIA by L.C. Balreira Copyright © 2017

    TRÁGICA, ETERNA E ESFUMADA ESCURIDÃO

    Empalideci no confronto cruel com a palidez da realidade.
    Senti meu corpo escorrer pelos espinhos da fatalidade.
    Estarreci-me diante do desengano das circunstâncias.
    Vi na busca da alegria o veneno do teu velório.
    Banhei-me na poeira da agonia.
    Na jornada pelos labirintos do destino
    O desencontro com a vida que se torna pó
    Lugar onde agora tenho mais pressa de chegar
    E que nunca imaginei você antes de mim.
    Enturvei-me na torrente da mágoa.
    Raso revés inflamável de encontro ao trovão.
    Brota-me feridas de roxo véu
    Jorrando-lhe sombras de sinistro enigma.
    Ouvi vozes proféticas de dias de muitas trevas.
    Remói-me a separação sepulta da desunião desumana.
    Em desespero despeço-me deste abandono.
    Desespero seria dizer adeus
    Pois contigo sempre rogo estar
    Mesmo sem violar o vínculo de teu silêncio.
    Padecerá trêmula a traição que nos marcou
    Pois no intento de separar-nos
    Viu a morte não ser o fim
    Mas apenas uma nova etapa no infinito amor.
    Ao perverso castigo revido com ironia
    Flutuando sobre sua lama
    Com a força da paixão eterna
    Na repulsa à renúncia infinita.
    Jamais jazigo algum enterrará minha saudade
    Na mancha de pó que paira sobre as ruínas
    Transpira, rompendo em lágrimas
    O vagar do último torvelinho.
    A ânsia de minha alma
    Estará sempre à procura de sua solidão.
    No horizonte do meu olhar
    Estará sempre você na minha viagem,
    Longa ou curta, longa ou breve seja ela
    Diante do meu rastro você permanecerá.
    (L.C. BALREIRA).

    ResponderExcluir

Postar um comentário

POSTS MAIS LIDO EM 7 DIAS

Romualdo Panceiro cria a Igreja das Nações para concorrer com a Universal

Maitê recupera pensão de solteira apesar de união com empresário

Pastor diz que máscara é ‘frescurite’; fiel idosa e marido morrem de Covid-19







EDITOR DESTE SITE
Paulo Lopes é jornalista.Trabalhou
no jornal abolicionista Diario Popular,
Folha de S.Paulo, revistas da
Editora Abril e outras publicações.

Contato