Adventistas montam em plenário da Câmara de Itapevi piscina de batismo

Evangélicos usam
 a sede do Poder Legislativo
 da cidade como templo

Pastores adventistas de Itapevi (SP) desfecharam no Estado laico um golpe que é sintomático destes tempos de "Brasil acima de tudo, Deus acima de Todos".

Com o apoio da vereadora Professora Camila Godoi (PSB) [camilagodoi@camaraitapevi.sp.gov.br], eles montaram uma piscina no plenário da Câmara Municipal e ali batizaram fiéis.

A sede do Poder Legislativo da cidade se tornou literalmente em um templo religioso, na noite de 19 de maio de 2019.

Itapevi tem 220 mil habitantes e fica na Região Metropolitana de São Paulo.

O presidente da Câmara é o Professor Rafael (PODE).

“Foi maravilhoso, uma grande benção”, escreveu a vereadora em seu perfil no Facebook.

“A Câmara ficou superlotada, com inúmeros batismos e pessoas louvando ao nosso Deus.”

Com contadores de uma TV evangélica, “programação fantástica”, nas palavras da vereadora, estendeu-se pelos dias seguintes, finalizando somente hoje (24), totalizando uma semana.

Houve uma palestra do pastor Ari Cidral, “fazendo um estudo profundo do livro de Apocalipse”.

Os evangélicos usaram de graça a infraestrutura da Câmara, como luz e água.

Como o evento chamou a atenção da imprensa, a direção da Câmara se fez de desentendida, afirmando não saber que seria montada uma piscina dentro do plenário.

Em nota, afirmou que vai pedir aos responsáveis pelo evento o ressarcimento dos gastos.

Talvez a Câmara devesse descontar o prejuízo aos cofres público do salário da Professora Camila e de outros vereadores que apoiaram a transgressão à Constituição, quantos meses forem necessários.

Espera-se que o Ministério Público tome uma iniciativa, mas o mais provável é que esse vergonhoso atentado ao Estado laico caia no esquecimento, porque a própria Câmara, na nota, alega que encontros evangélicos ocorrem com frequências em outras casas legislativas, inclusive na federal. 

Religião com financiamento
dos cofres públicos

Com informação do Facebook e do Estado de S.Paulo.





Políticos adotam pregação de pastores, e Estado laico tende a desaparecer

Evento gospel joga Estado laico no ralo, escreve professora

Programas evangélicos na TV ameaçam a liberdade religiosa, diz antropóloga

Prefeito não pode entregar chave da cidade a Deus, decide TJ-BA



Receba por e-mail aviso de novo post

Comentários

Postar um comentário

EDITOR DESTE SITE

Paulo Lopes é jornalista profissional diplomado.
Trabalhou no jornal centenário abolicionista
Diario Popular, Folha de S.Paulo, revistas da
Editora Abril e em outras publicações.