Médico vende som homeopático que 'cura' ebola e gripe suína


Som é baixado no
 celular a US$ 5 por
 doses para três dias

O médico William Edwin Gray III, da Califórnia (EUA), tem vendido  gravações de “som homeopático” que, segundo eles, cura ebola, gripe suína, malária, diarreia e outras doenças.

O tal som é uma variação de assobios.

Em uma entrevista, Gray afirmou ter curado pelo menos 36 pessoas de malária com apenas algumas “doses” de 13 segundos do som, que é produzido por ele por um sistema de bobinas.

As doses são adquiridas pela internet e baixadas no celular ou no computador, após o preenchimento de um formulário sobre o problema do paciente.

Cada módulo de som (chamado de eRemedy) custa US$ 5 e contém doses para três dias. O pagamento é feito por cartão de crédito ou PayPal.


"Elas [doses] são completamente seguras, não têm efeitos colaterais, não requerem fone de ouvido e geralmente produzem um alívio instantâneo", diz o site do Gray, que é formado na Universidade de Stanford.

Para cada doença há um módulo, cujo total está planejado chegar a 800.

O conselho de médicos da Califórnia está ameaçando cassar a licença profissional de Gray sob a acusação de “negligência grosseira”.

"Não há evidência documentada na literatura científica revisada por especialistas de que remédios homeopáticos possam ser transmitidos eletronicamente por ondas sonoras ", diz relatório do conselho.

Observa-se, aliás, que não existem sequer evidências científicas que comprovem a eficiência das tradicionais gotas e pílulas da homeopatia.

O conselho afirma que Gray pode estar desviando pacientes com doenças graves do atendimento médico científico, com sérias consequências.

Gray disse não estar preocupado com sua provável cassação porque, como homeopata, não precisa de seu diploma de médico.

Caso não possa mais atuar nos Estados Unidos, o médico poderá dar atendimento do serviço público de saúde brasileiro, o SUS, que adota variadas pseudoterapias.

Com informação do site MD in Your Hand e outras fontes, com ilustração de captura de tela.



'Homeopatia não é ciência, não cura', diz ministra da Espanha

Grã-Bretanha bane homeopatia do serviço público de saúde




CNPq gasta R$ 400 mil com a pseudociência da homeopatia

A responsabilidade dos comentários é de seus autores.


Comentários

Busca neste site