Lançamento da autobiografia de Dawkins será em setembro

"Infância, Adolescência, Verdade", de Dawkins
Britânico conta relata sua
evolução para o ateísmo
O lançamento da autobiografia do cientista e militante ateu Richard Dawkins, 72, será em setembro, havendo uma antecipação de um ano. A versão em inglês já se encontra em pré-venda na Amazon.

O livro se chama “Infância, Adolescência, Verdade” (Childhood, Boyhood, Truth). Trata-se de uma associação que Dawkins faz de sua evolução como cientista e, principalmente, como ateu. O título do livro também faz referência à autobiografia de Leon Tolstoi (1828-1910).

O britânico Dawkins se tornou mundialmente conhecido por meio do seu livro “Deus, um delírio”, que foi best-seller também no Brasil.

Ele já era famoso na comunidade científica por causa de suas pesquisas sobre genética. É o autor do livro “O Gene Egoísta” (1976), onde apresenta a teoria da evolução das espécies, de Charles Darwin, a partir da perspectiva da genética.

Dawkins é considerado por religiosos como ateu radical por defender a extinção de todas as crenças organizadas. A opinião é compartilhada inclusive por parte dos descrentes.

Ainda não há previsão do lançamento da biografia no Brasil.





Com informação das agências.

Explicar origem da vida com a religião é ridículo, diz Dawkins
março de 2013

Peter Higgs acusa Dawkins de ser ateu fundamentalista
janeiro de 2013

Richard Dawkins   Ateísmo

Comentários

  1. Precisamos de mais radicais dotados de tamanha tolerância.

    ResponderExcluir
  2. Apenas uma correção Paulo, Dawkins já era um escritor científico reconhecido quando lançou The God Delusion, de fato seu 9º livro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi o que eu quis dizer no quarto parágrafo com "Ele já era famoso na comunidade científica por causa de suas pesquisas sobre genética.[...]"

      Excluir
  3. Dawkins, um ateu controvérsio e famoso por suas estranhas "verdades" sustentadas até um debate com religiosos. Tadinho, se embanana todo, em instantes é desmentido. Cada coisinha sem fundamento, minunciosamente articuladas porém totalmente refutadas; é triste ver vocês ateus querendo ser livres da força de Deus, jogando no ar simples teorias que nunca foram provadas, e de repente querem que prove a existência materialista dele, uma coisa de cada vez, primeiro se prova o que se quer que seja aceito pra depois poder dizer "Deus não existe"! Será que vocês conseguem tentar provar que Deus não existe sem usar de falácias? Por favor, sejam maduros e principalmente coerentes em suas teorias e "descobertas científicas", porque ninguém me provou nada até agora e nunca vai provar. Enquanto isso sofistas, eu vou rindo de vocês tentando provar a não existência de Deus, sendo que eu posso provar a existência dele, mas vão falando...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Controvérsio"?!?!? Seu Creisson, é você?...

      Um cara que crê em amigo imaginário vem acusar outrem de dizer "coisinha sem fundamento". Cada uma, viu... Você deve ser daqueles teistazinhos que, apresentado a um fóssil de transição, por exemplo, vai dizer que é armação, que o que é real é a cobra ou a mula falante da (gi)Bíblia; que, mesmo sentando em fios elétricos desencapados e levando um tremendo choque, vai dizer que eletricidade é uma invençao "minuciosamente articulada, porém totalmente refutada" (e talvez termine dizendo que o que é real é o cabelo detentor da força de Sansão). Por fim, termina fazendo aquela famigerada inversão do ônus da prova, coisa que, hoje em dia, só é usada por pessoas cujo QI mal passam de um dígito. Vou dar uma canja e explicar para você (embora eu tenha sérias dúvidas sobre sua capacidade de entender...): só se prova algo com evidências, prova enseja existência de evidência. Não tenho que provar que algo inexiste. Provar é uma afirmação, eu estou negando, então não tenho que provar. Já você... Bem, se pode provar a existência do amigo imagi..., digo, Deus, prove! A oportunidade é agora! Ainda te dou uma dica para você faturar uma grana alta: James Randi está pagando R$ 2 milhões para quem provar que Deus(es) ou qualquer outra coisa sobrenatural existe. Vai lá ganhar, bonzão! E caso não possa provar, como falou, vou parafrasear aquele rei espanhol: POR QUE NÃO TE CALAS?

      Ruggero

      Excluir
    2. Anônimo 18 de março de 2013 21:34 - Claro, claro, o primeiro tem que se pronunciar e como dogma ateu pegar um erro de digitação e dizer triunfante: "Olhem ele é burro, errou aqui uma letra gente, olhem, nós somos os intelectuais insuperáveis." Uuuh, nossa! Voltando ao seu discursinho falacioso, eu posso de primeira mão pegar uma frase da sua resposta e utilizá-la como resposta novamente, olhe bem: "Não tenho que provar que algo inexiste." Percebeu como seus argumentos também me favorecem? Não? Então deixa eu te dar uma canjinha: enquanto você não me prova que Deus não existe, eu não te provo como Deus existe. Se você quer que eu te prove uma coisa que você nega, você automaticamente tem que me provar aquilo que ela não é, ou não pode. Quer manter um debate? Comece me dando provas a favor do seu argumento. O seu "santo" Dawkins é um neo-ateu oportunista, passa a se engrandecer a partir das mentiras sobre Deus que nem ele mesmo sustenta, conheço de perto o que Dawkins faz, e sei seus pontos fracos.

      Excluir
    3. Como eu disse, seu QI deve ser bem rasteiro, mesmo. Já se contrariou nesse segundo post, deu pra trás, reconheceu, mesmo com birrinha de neo- crente, que não pode provar a existência de deus, seja lá qual for. Se acha que pode refutar Dawkins, vai lá, entra em contato com ele, sabichão! Provavelmente, nunca leu Deus, Um Delírio ou qualquer outro livro dele e se acha apto a refutar ou contestar alguma coisa. Eu já li boa parte da (gi)Biblia e tenho argumentos mais que suficientes para dedenestrá-lá. No mais, usando sua paupérrima linha de raciocínio, quero que você prove que o Umicornio Rosa Invisível não existe. Vamos lá, " páreo pra Dawkins"!

      Ruggero

      Excluir
    4. É trollagem ou esquizofrenia?

      Excluir
    5. Estou a ler o seu primeiro livro, aquele que o lançou a gloria O gene egoísta. Ele não é apenas um Ateu pentelho, mas um Biólogo Brilhante um dos três cientistas mais influentes vivos. Quantos ateus odiados por tantos gravaram e gravaram seus nomes na historia, através de grandes descobertas.

      Excluir
    6. Ah, pode provar que deus existe?
      Por favor, nos ilumine com o seu conhecimento privilegiado, ó sapientissimo crentalhão!

      Excluir
    7. Ad-hominem e inversão do ônus da prova, isso é o melhor que você tem?
      Vai estudar um pouco mais, crentóide.

      Excluir
    8. Ruggero você é o típico ateu que se acha todo por ler vários livros de ateus influentes, e se impõe chamando as pessoas de burras ou coisa do tipo. «Claro, um ateu não passa disso» Uma coisa é você apenas atacar, outra é você ter provas de seus argumentos, o ateu tem de primeiramente provar por meio da "santa ciência" que Deus não existe pra depois afirmar que ele não existe. Essa é a lógica que você e seus irmãos ateus não tem. Você apenas falou bobagens arrogantes, mas sobre a inexistência de Deus: cadê as provas? Vou dizer mais uma vez: primeiro me prove e eu logo te dou minhas provas. Mas será que o seu "santo" Dawkins consegue esse prodígio? Hum...acho que não hein! Sua religião é meio fracassada das pernas o senhor não acha? Bom, eu tenho certeza. Tenho pena de você e dos ateus, sejam cientificos ou não, por estar a todo tempo querendo ser Deus. É realmente deprimente observar vossos argumentos ilógicos, caminhando sempre em busca sim, de comprovar a INexistência de Deus para manterem seus discursinhos, mas aí chegam a um certo ponto e simplesmente falam: "Ó, tem uma força ali hein, só não sabemos o que é, mas que tem, tem..." CÁCÁCÁ oooh sério senhores deuses? Rêpiou! Ruggero, quando eu te digo que sei do que se trata a cabecinha do Dawkins, é porque eu realmente sei, não se engane. Cientistas não são Deus, por isso que trabalham baseados na fé, e procuram a todo custo a resposta sobre esse universo inexplicável.

      Excluir
    9. Anônimo 19 de
      março de 2013
      13:20 - Isso é tudo o que você tem a falar? Inversão do ônus? Não seria apenas contra-argumentar meu caro? Quem tem que estudar aqui não sou eu, mas você. A origem de tudo eu ja sei, agora cabe a você me provar que o que você afirma é verdade. Quem nega ou questiona, é quem primeiramente tem de ter provas a pôr na mesa, teorias não provam nada, de novo, NA-DA!

      Excluir
    10. Acho que esse crentelho não bate bem...

      Excluir
    11. Os crente pira com o richardao

      Excluir
    12. O Richard pira com os debates religiosos!

      Excluir
    13. Ainda to esperando a tal prova da existência de deus...

      Excluir
    14. Quem tanto questiona a existência dele, tem de ter primeiramente provas da sua inexistência, fora disso, se torna algo sem fundamento. É fácil, e objetivo, pena que a sua "santa ciência" não me provou nada ainda. Paz e bem!

      Excluir
    15. Qual a sua dificuldade em entender que provar inexistência de qualquer coisa é algo absurdo?
      E qual a sua dificuldade em entender que ser ateu não é se considerar dono da verdade absoluta sobre a inexistencia de uma forma de divindade?
      É desonestidade pura ou problema cognitivo?

      Excluir
    16. Pobres ateuzinhos ilógicos! Anônimo das 15:01 será que você não vê que você mesmo se contradiz? Vamos ver parte da sua falácia: "Qual a sua dificuldade em entender que provar
      inexistência de qualquer coisa é algo absurdo?" Bom, assim se Deus não existe, como que eu vou te provar alguma coisa? E se vier me falar, "mas você afirma que ele existe então tem de ter provas" sendo que você também faz uma afirmação dizendo que ele não existe, ou seja, você automaticamente tem de ter provas. Ou será que você vai continuar a se contrapôr com a sua própria "ciência divina"? Não é ela que formula teorias sem provas a séculos? Ah e por falar em ciência, me explica os casos de incorrupção(sem processo de saponificação, embalsamento ou mumificação) nos mais de 2.000 corpos de santos da Igreja, em que alguns exalam perfume de flores, fluem óleos, ou tem órgãos flexíveis; e por que só acontece com os santos? Porque será? Me explica também os casos de hóstias que viraram carne de coração e fluem sangue; de fiéis que se recuperam de câncers sem cura, ou paralisia. Todos os casos citados acima foram exaustivamente analisados por cientistas renomados da NASA etc, dentre milhares espalhados pelo mundo que a Igreja não divulga pois primeiro quer que se examine. Por favor, me explica também porque as aparições da Virgem Santa Maria (examinadas também) profetizando, se cumpriram e estão se cumprindo? As leis da natureza não nos explica isso, nem também sua ciência ou seus deuses ateus. Paz e bem!

      Excluir
    17. Rapaz, eu quase achei que você fosse sério, mas agora to vendo que é um troll ou um completo lunatico.

      Excluir
    18. Claro, claro, agora sou lunático ou troll. Saber que a ciência apenas confirma a existência de Deus, é realmente impactante pra sua mente. E qual é a válvula de escape principal de um ateu quando não tem respostas ou provas? Criticar, difamar, caluniar, xingar...Pra fechar esse debate com chave de ouro, (porque eu sei que o que vem, não vai passar de insultos ou questionamentos contraditórios) vamos a célebre frase do cientista ex-ateu muito respeitado na atualidade: “Eu acredito que o ateísmo é a mais irracional das escolhas.” Francis Collins. Paz e bem, e saiba: Igreja te espera sempre!

      Excluir
    19. pior que evanjegue fundamentalista é CHATÓLICO fundamentalista.

      Excluir
  4. richard dawkins é pop.

    o papa é pop.

    o michael jackson foi pop.

    o pop não poupa ninguém.

    ResponderExcluir
  5. Como ja disse sabiamente Daniel presidente da ATEA. Quando alguem lhe pergunta sobre a existencia de Deus, a pergunta ja se responde. Ninguem duvida da existencia do sol, etc.

    ResponderExcluir
  6. Esse anonimo tem um sério deficit mental.
    VOCÊ ESTÁ COMETENDO A INVERSÃO DO ÔNUS DA PROVA!!!!!!!
    NÃO SE PROVA "INEXISTÊNCIA", QUEM DIZ "PROVAR" QUE ALGO NÃO EXISTE NÃO PROVA NADA!
    AGORA QUEM AFIRMA QUE ALGO EXISTE, ESSE SIM, DEVE LOGICAMENTE PROVAR A EXISTÊNCIA DO QUE AFIRMA.
    E É JUSTAMENTE POR NÃO PROVAREM A EXISTÊNCIA DE DEUS E PELOS ARGUMENTOS USADOS PARA DEFENDER SUA EXISTÊNCIA TEREM SIDO TODOS REFUTADOS QUE EXISTEM ATEUS E AGNÓSTICOS.

    ResponderExcluir
  7. Erros do anônimo teísta:
    Ad hominem e generalização obviamente equivocada. Eu Poderia dizer que todo cristão não passa de um nefelibata maniqueísta, mas dada a diversidade de cristãos, essa afirmação apesar de me parecer procedente, me parece igualmente sem evidências. Portanto, não generalize suas opiniões pessoais a todos os ateus.
    INVERSÃO do ÔNUS da PROVA.
    Você cometeu a famosa falácia lógica predileta dos proselitistas . E o erro está no fato de que não se prova "inexistências", conclui-se inexistência "material" quando não é possível verificar a veracidade de alguma coisa. Dada a impossibilidade de verificar a existência de Deus ou qualquer outro criador (pessoal ou não) "materialmente", conclui-se que ele "cientificamente" (ciência depende de evidências empíricas) não existe. É valido tentar provar a existência de seres imateriais apenas na metafísica. E na metafísica, que é uma vertente do conhecimento lógico, a inversão do ônus da prova é epistemologicamente uma falácia, ou seja, ela é ilógica. Não se prova que algo não existe. Quem "prova" que algo não existe não prova nada. Isso significa que pela impossibilidade de provar a "inexistência" de Deus, ele é verdadeiro? Não. Pois não significa que os conceitos dos deuses pessoais não possam ser logicamente refutados.
    A onipotência divina é refutada (paradoxo da pedra)
    A onisciência simultânea ao livre arbítrio é refutada (Havendo onisciência, há logicamente determinismo. Havendo determinismo, não há livre-arbítrio, não havendo livre arbítrio paradoxalmente não há determinismo, pois nesse caso tudo é aleatório)
    A onibenevolencia simultânea à onipotência é refutada (Paradoxo de Epicuro ou problema do mal)
    Juntando-se a esses argumentos já refutados incluem-se as "provas ontológicas" e teleológicas da existência de Deus.

    "Ó, tem uma força ali hein, só não sabemos o que é, mas que tem, tem..." CÁCÁCÁ oooh sério senhores deuses? Rêpiou!

    Realmente existem forças, e não é só uma, são quatro e sabemos quais são graças ao que você chama de "santa ciência", são elas:
    - Força Fraca
    - Força Forte
    - Eletromagnética
    - Gravidade

    - O universo não é inexplicável, ao menos não em sua totalidade.
    - Você diz que queremos ser um Deus e se auto-intitula um, pois para você saber tudo que se passa na "cabecinha" do Dawkins você teria que ser onisciente.
    - Para finalizar, bons cientistas trabalham com base na "vontade" sensata de atestar a existência do que existe, diferente do criacionismo ou design inteligente (eufemismo de criacionismo) que trabalha com base na fé para tentar atestar o que ela QUER que exista.
    "Uma visita ao hospício mostra que a fé não prova nada". - Friedrich Nietzsche

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Busca neste site