Papas praticavam pedofilia desde o Renascimento, diz livro



por José Maria Mayrinka
para Estadão

Título soa como
 panfletário, mas
 conteúdo é sério
Soberba, avareza, luxúria e pedofilia, os itens enumerados na capa de Os Pecados do Vaticano [Gryphus, 353 págs., R$ 49,90], são apenas uma amostra dos escândalos que Claudio Rendina, escritor, poeta e historiador descreve em 352 páginas, com lupa de pesquisador e experiência de vaticanista. Lançada em 2009, a obra vendeu 30 mil exemplares em um mês. Não só pelo apelo do título e pelo conteúdo do índice — sete capítulos e apêndice —, mas também pela ficha bibliográfica do autor.

Rendina escreveu, anteriormente, outros livros na mesma linha, entre eles Cardeais e Cortesãs, História dos Segredos do Vaticano e A Vida Secreta dos Papas, sempre com muito sucesso. É um autor que incomoda o Vaticano, mas não deixa de ser respeitado.
Com base em documentos e citações fidedignas, Rendina descreve tramoias financeiras, aventuras sexuais, crimes de homicídio e massacres institucionais praticados por autoridades da Igreja.

Os escândalos vêm desde os primeiros séculos, multiplicam-se na Idade Média e avançam até os tempos modernos. No caso da pedofilia, por exemplo, que incrimina cardeais e papas da época do Renascimento, as denúncias chegam até os dias de hoje.

Ao tratar de assassinatos de pontífices no passado, o autor registra a suspeita de que João Paulo I teria sido envenenado em 1978 numa suposta queima de arquivo. O título do novo livro de Rendina soa um tanto panfletário - o conteúdo, porém, é sério.



Livro conta a vida sexual de papas: pedofilia, incesto e zoofilia


Comentários

  1. Interessante. Creio que se fosse expor todos os podres do Vaticano em um livro, este ficaria bem maior do que a bíblia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Será que eles não se inspiraram na própria bíblia? Que fonte de inspiração, não?

      Excluir
  2. Os tempos mudaram agora o povo quer saber onde quando como e porque . Muitas pessoas Já não acreditam cegamente em tudo o que lhes dizem. Isto é o fim da igreja.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A extinção de Deus.

      Excluir
    2. A Ciência e sua precisão de conhecer ressuscitou o "como" e renovou a Filosofia ávida de "por que".
      O materialismo filosófico chuta de lado o idealismo e a metafísica.

      Excluir
  3. Sempre que homens tentam negar instintos e mascarar a sua natureza, para parecerem melhores que os outros e, assim, serem "referência moral" para os demais,acabam gerando hipocrisias, como são, dentre outras, as eclesiásticas que, depois, tornam-se insustentáveis.

    ResponderExcluir
  4. O fato que me atém é que ele é um cara que incomoda o Vaticano. Ou seja, a ICAR faz seus podres, e quando alguém descobre e os publica num livro, ficam ofendidinhos.
    São muito canalhas!

    Winston Smith

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse Livro não passa de uma mentira,do inimigo contra Igreja Católica
      cada ano que passa esses ateus mostra as unhas contra a Santa Igreja,
      Não tem fonte de verdade nenhuma,simplesmente história enventada para
      derrubar acredibilidade da Igreja Católica são mais de 2 Mil anos de Fé,Cristã com os Martiz que foi os Santos do século passado não meia duzia de idiota de ateus filho do diabo que vai derrota a Igreja de Cristo não pode ser derotada pelo inimigo o Pai da mentira.
      essa Igreja e abençoada pelo Pai filho Espírito Santo.Amém

      Excluir
  5. São muito canalhas mesmo. Como disse Saramago, a igreja não esta preocupada com a alma, mas sim com os corpos e seus apetites.
    Este livro não me trara novidades, pois ja sabemos.

    ResponderExcluir
  6. Na Grécia antiga a pedofilia era comum e foi justamente a Igreja Católica que a combateu heroicamente desde o início do cristianismo.

    Na Grécia e no Império Romano, o uso de menores para a satisfação sexual de adultos foi um costume tolerado e até prezado. Na China, castrar meninos para vendê-los a ricos pederastas foi um comércio legítimo durante milênios. No mundo islâmico, a rígida moral que ordena as relações entre homens e mulheres foi não raro compensada pela tolerância para com a pedofilia homossexual. Em alguns países isso durou até pelo menos o começo do século XX, fazendo da Argélia, por exemplo, um jardim das delícias para os viajantes depravados (leiam as memórias de André Gide, “Si le grain ne meurt”).

    Por toda parte onde a prática da pedofilia recuou, foi a influência do cristianismo — e praticamente ela só — que libertou as crianças desse jugo temível.

    Nos países muçulmanos, ainda hoje é bastante comum a pedofilia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. aham, sei... fala isso para os padres pedófilos.

      Excluir
    2. me diga como é saber que um ateu também é pedofilo, por que vivem olhando fotos de meninas de 15 anos de biquine na internet?

      Excluir
    3. Que mentira!

      O cristinismo realizou muitos casamentos de meninas, ainda crianças, com velhos babões.

      Excluir
    4. por que será que tem ateus que olham fotos de meninas e meninos de 15 anos de biquine? e por que será que muitos que não aceitavam o cristianismo e eram muito depravados chegando a bater em mulheres? e para fugirem das punições de estrupo se escondiam em conventos e ou casavam-se com as vitimas?

      Excluir
    5. Deus, essa resposta nem sua é. É de um artigo daquele troglodita chamado Olavo de Carvalho. Da próxima vez, dê os créditos a quem é de direito.

      Com relação a sua resposta, só podemos dizer o seguinte: se é mesmo verdade o que o Olavão diz, que o cristianismo combateu a pedofilia, é porque padre não gosta de concorrência. Eles querem as crianças só para o seu usufruto exclusivo. É meu e ninguém tasca.

      Excluir
    6. É um erro grave igualar pederastia com pedofilia.

      Pederastia era uma relação homossexual entre um homem adulto, entre 25-40 anos, e um jovem na puberdade, entre 12-18 anos, e tinha significado mais pedagógico que sexual em si. Mas era uma prática antiga, e aceita na Grécia Antiga. Hoje, relação entre adultos e adolescentes tem suas leis e limitações (o que num certo ponto eu discordo, porque adolescente já tem discernimento, mas essa questão é bastante relativa). Lembrando que a pederastia não era a única prática homossexual permitida na Grécia Antiga. Relações sexuais com eununcos e escravos também era permitida, pois eram considerados de castas inferiores. Só não era permitido a prática homossexual entre dois homens viris, pois não era vista com bons olhos. Claro que tinha exceções, como, por exemplo, o exército sagrado de Tebas em composta totalmente por casais homossexuais masculinos. Em Esparta também tinha essa tradição, pois acreditavam que isso fortalecia o exército. Personagens históricos, como Alexandre o Grande, também mantiveram relacionamentos homossexuais. No caso do Alexandre, alguns historiadores acreditam que ele e seu melhor amigo, Heféstion, eram amantes, e ele mantinha relações com um eununco. Fora ainda as relações homossexuais entre personagens mitológicos, como Aquiles e Patroclos, Zeus e Ganímedes, e Apolo e Jacinto.

      Vale lembrar também que antigamente pederastia era sinônimo de homossexualidade masculina, mas hoje em dia, por causa do seu significado, digamos, pejorativo, deixou de ser usada. Só continuam usando esse termo os anacrônicos e reacionários.

      Pedofilia é uma perversão sexual, que consiste na atração sexual por crianças impúrberes, um desvio de comportamento grave, e é crime. Só isso.

      Excluir
    7. que dó! instituição tão pura, tão perseguida!

      Excluir
  7. Existem vários outros historiadores (conheço uma boa bibliografia), que contestam essa visão rancorosa a respeito da Igreja. Difícil justificar os motivos que levam um neo ateu a essa birrinha infantil, carente de razoabilidade, contra a Igreja Católica.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah coitadinha da icarzinha! O que o livro fala é mentirinha, viu!!!
      A icarzinha é santa, santa, santa.
      Só vale a bibliografia dos que se esforçam em esconder a verdade. O resto é tuuuuuuudo mentira.

      Excluir
    2. Anônimo das 12:42: se você tivesse se informado um poquinho, não viria aqui escrever bobagem. Veja, o sociólogo Claudio Rendina, autor do livro, não é ateu. Ele é católico.

      Excluir
    3. Agora a ICAR virou vítima? E as crianças estupradas pelos padres não são vítimas? Os canalhas da alta cúpula da ICAR que ficam jogando a sujeira deles pra debaixo do tapete, eles são homens santos?

      Excluir
    4. Palhaço nem viu que o auto é católico.... kkkk

      Excluir
  8. Livro de velhas fuxiqueiras. É importantíssimo saber quem comia quem, mas ser pego com uma Tititi é feio... Então vamos pegar um livro mais acadêmico que possui a mesma essência.

    Afinal de contas, é sempre bom saber que os outros são filhos da puta, que eu me sinto menos culpado de ser um.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu acho que a icar do espírito santo pode fazer isso tudo. Vamos por fogo no livrinho de fuxiqueiras. Depois nóis aproveita e queima o autor também.(Sarcasmo, hein)

      Excluir
    2. É bom saber que aqueles que dizem ter uma reputação ilibada,se dizem dignos, portanto de determinar o que é moral ou imoral, na verdade têm o "rabo prezo", possuem um passado completamente mundano, como qualquer outra instituição humana, cheia de hipocrisia, desrespeito e corrupção. E de santa só tem o nome.

      Excluir
    3. Nunca foi novidade que certos padres, bispos e papas levaram vidas desregradas e cheias de imoralidades. Esse livro só quer chocar alguns desavisados.

      Excluir
  9. Vixi, sei não, mas tá com cara de ser livro para vender em banca de jornal, tipo Código da Vinci. Fiquei até interessado em conhecer as grandes "fontes" do sujeito, até por ter lido alguns livros verdadeiramente acadêmicos e que dizem coisas totalmente apostas, em especial sobre os primeiros séculos. Não consigo confiar nesses livros publicados para chamar atenção, para chocar, blabla.

    ResponderExcluir
  10. A igreja como todo servo de deus luta contra a carne....para viver em espirito....mas esquecem que a materia requer balanceamento corporeo..inflingem seu proprio ser...e acabam em escandalos como a PEdofilia*

    ResponderExcluir
  11. Como dizem os torcedores: "Eu já sabia".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Justo: eu já sabia. Mesmo. E como eu já disse, ainda estamos na ponta do iceberg em termos de Igreja Católica. Ainda estamos sobrenadando no raso, como dizia Clarice Lispector. A Igreja Católica ainda tem muito o que revelar. Aos cristãos.

      Excluir
  12. Só um aparte: pedofilia no Renascimento é um conceito anacrônico.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso é verdade, não sei o que está escrito no livro, mas era um costume universal no mundo casar as moças com 12 ou 13 anos.

      A rigor, pedofilia é a atração por pessoas pré-púberes. Pode ter muita forçação no livro, é preciso de mais informações.

      Excluir
  13. jesus amava as criancinhas.

    ResponderExcluir
  14. Jesus, Maria, José!

    ResponderExcluir
  15. "...o sociólogo Claudio Rendina, autor do livro, não é ateu. Ele é católico."

    De qual tendencia: Tradicional ou progressista como o senhor Paulo Lopes?!

    " Com base em documentos e citações fidedignas, Rendina descreve tramoias financeiras, aventuras sexuais, crimes de homicídio e massacres institucionais praticados por autoridades da Igreja.

    Os escândalos vêm desde os primeiros séculos, multiplicam-se na Idade Média e avançam até os tempos modernos. No caso da pedofilia, por exemplo, que incrimina cardeais e papas da época do Renascimento, as denúncias chegam até os dias de hoje."

    Já virou uma tática de esquerdistas(progressistas) infiltrados dentro da Igreja dizer que tem acesso a "documentos e citações fidedignas" para criar a história "por trás dos bastidores".

    Mas quando se pega esses livros as tais informações é mais do mesmo:

    "O autor entrevistou vários prelados que estão na biblioteca do Vaticano."

    "O autor tem contato com muitos sacerdotes que lhes passa mensagens importantes."

    "O autor teve contato com documentos ultrassecretos que até então eram desconhecidos do público."

    Eu particularmente nunca vi um livro que supostamente "revela os documentos segredos do Vaticano" serem mostrados.

    Tá parecendo a tática usada pelo autor do livro "O Papa de Hitler" de John Cornwell. O autor desse livro na sua divulgação, disse que vasculhou os documentos do vaticano por muitos anos. Até que ele admitiu que só tinha ido duas vezes na biblioteca do Vaticano, e de apresentar como descobertas suas inéditas alguns documentos que copiara de publicações acadêmicas. O sr. Cornwell mostrou ser belo vigarista.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. http://g1.globo.com/globo-news/sem-fronteiras/videos/t/todos-os-videos/v/roubo-de-documentos-secretos-do-vaticano-indica-conflito-de-interesses-politicos/2071658/

      E a exposição "Lux in arcana" feita pelo próprio Vaticano?

      Excluir
    2. ‘’‘Já virou uma tática de esquerdistas(progressistas) infiltrados dentro da Igreja dizer que tem acesso a "documentos e citações fidedignas" para criar a história "por trás dos bastidores".’’’

      Teoria de conspiração teu nome é "multifacetado", por algum motivo ainda não compreendido pela ciência moderna, anônimos multifacetados tem um frisson pela esquerda, para eles, ela (a esquerda) é um monstro que está infiltrado em todo lugar, pronto para comer (sem malicia aqui) os pobres e oprimidos arautos da verdade. (talvez ele me chame de esquerdista /ateísta/gayzista/abortista e outros epítetos de criatividade avassaladora)

      Excluir
    3. il corvo, o engraçado é que esses documentos secretos do vaticano nunca fala sobre escândalos de pedofilia. Já reparou nisso?

      Excluir
    4. Shiroyasha, é mentira que muitos dos ditos sacerdotes são claramente progressistas (esquerdistas)?

      E não é mentira que existe infiltração de progressistas dentre da Igreja. Muitos comunistas e ex-comunistas confirmam isso.

      E não te acuso de ser esquerdista. Posso dizer que você é pelo menos simpatizante?

      Excluir
    5. "Sua Santità", do jornalista Gianluigi Nuzzi não fala especificamente sobre pedofilia, mas demonstra um pouco a rede de mentiras, hipocrisia e interesses políticos dentro do Vaticano.

      E sobre "Lux in arcana", você queria o que? Se não houvesse culpa, não haveria o que esconder.

      Excluir
    6. "Gianluigi Nuzzi não fala especificamente sobre pedofilia,..."

      il corvo, esse jornalista não fala especificamente sobre pedofilia: ele não fala nada sobre pedofilia.

      "mas demonstra um pouco a rede de mentiras, hipocrisia e interesses políticos dentro do Vaticano."

      Isso desde a época de Cristo. Ou você nunca ouviu falar de Judas Iscariotes?

      Se Judas estivesse vivo, pode ter certeza que ele seria um desses mentiroso, hipócrita e preocupado com interesses políticos dentro do Vaticano.

      Excluir
    7. il corvo, esse jornalista não fala especificamente sobre pedofilia: ele não fala nada sobre pedofilia.

      Precisamente, não disse o contrário, contudo isso concluí que de "santa e imaculada" a Igreja Católica não tem nada, que suas decisões são guiadas por interesses humanos e não guiadas pelo Espírito Santo ou por intervenção divina.

      Excluir
    8. Lux in arcana permitiu o acesso a uma quantidade quase ínfima de documentos, se comparar com os que são mantidos como secretos. Por que não é disponibilizado todos os documentos de que dispõem o Vaticano? A biblioteca secreta, os arquivos, as encíclicas, tudo deve ser revelado. Se escondem é porque têm culpa.

      Excluir
    9. "contudo isso concluí que de "santa e imaculada" a Igreja Católica não tem nada, que suas decisões são guiadas por interesses humanos e não guiadas pelo Espírito Santo ou por intervenção divina."

      Se não fosse santa e imaculada já teria sido destruída a muito tempo. É só ver quantos inimigos na sua história já teve e não conseguiram destruí-la.

      O engraçado senhor il corvo é que acusam a Igreja de pedofila, mas esses tais documentos revelados não mostram um caso de pedofilia.

      Isso não seria um prato cheio para a imprensa em mostrar esses documentos de casos de pedofilia?

      Excluir
    10. Site da exposição Lux in arcana, Luz sobre os segredos em latim.

      http://www.luxinarcana.org/en

      Excluir
    11. "Por que não é disponibilizado todos os documentos de que dispõem o Vaticano? A biblioteca secreta, os arquivos, as encíclicas, tudo deve ser revelado. Se escondem é porque têm culpa."

      il corvo, não sei se você sabe: Os documentos do Vaticano são liberados para os pesquisadores que pedem para fazer pesquisas. Dei o exemplo do picareta do autor do livro "O Papa de Hitler". Ele teve aceso aos documentos do período da Segunda Guerra Mundial. Assim que nas duas vez (mostrando como ele é até preguiçoso) em que visitou a biblioteca do Vaticano ele não achou nada de escandaloso, ele teve que inventar.

      Os pesquisadores não querem pedir permissão para fazer pesquisas, porque sabem que é muito melhor adotar a tática como eu coloquei mais acima:

      "O autor entrevistou vários prelados que estão na biblioteca do Vaticano."

      "O autor tem contato com muitos sacerdotes que lhes passa mensagens importantes."

      "O autor teve contato com documentos ultrassecretos que até então eram desconhecidos do público."

      Excluir
    12. "Se não fosse santa e imaculada já teria sido destruída a muito tempo. É só ver quantos inimigos na sua história já teve e não conseguiram destruí-la."

      Então o comunismo deve ser "santo e imaculado", porque já fazem 23 anos, desde o fim da Guerra Fria, e alguns o vêem em todo lugar.

      "O engraçado senhor il corvo é que acusam a Igreja de pedofila, mas esses tais documentos revelados não mostram um caso de pedofilia."

      Novamente, não disse que os documentos tratam sobre pedofilia. Mas e os escândalos na Irlanda, Escócia, EUA, Brasil e no mundo, são invenções?

      Excluir
    13. "il corvo, não sei se você sabe: Os documentos do Vaticano são liberados para os pesquisadores que pedem para fazer pesquisas."

      Alguns documentos são liberados, não todos. E para alguns seletos pesquisadores, não para todos.

      Excluir
    14. "Então o comunismo deve ser "santo e imaculado", porque já fazem 23 anos, desde o fim da Guerra Fria, e alguns o vêem em todo lugar."

      il corvo, já ouviu falar sobre Anatoly Golitsyn?

      Se não, dê uma boa pesquisada.

      "Novamente, não disse que os documentos tratam sobre pedofilia. Mas e os escândalos na Irlanda, Escócia, EUA, Brasil e no mundo, são invenções?"

      Eu não disse que o senhor falou que os documentos falam de pedofilia. Eu disse que "já que as acusações de pedofilia são tão alarmantes, como a imprensa passa, por que os documentos vazados não falam nada sobre isso?" Pergunto outra vez:

      Não seria uma prato cheio para a mídia se aparece documentos tão escandalosos?

      Em relação aos casos nos países mencionados por você, no caso da Irlanda, o senhor Olavo de Carvalho (mesmo sabendo que muitos aqui não gostam dele), mostrou que para atacar a Igreja vale tudo:

      http://www.olavodecarvalho.org/semana/090605dc.html

      Excluir
    15. "Alguns documentos são liberados, não todos. E para alguns seletos pesquisadores, não para todos."

      Cadê a prova senhor il corvo de que os "documentos são liberados, não todos" e "para alguns seletos pesquisadores, não para todos"?

      Algum pesquisador progressista já te falou isso?

      No meu comentário acima sobre a Irlanda, mais uma prova que a Igreja está abarrotada de progressistas, o cardeal Sean Brady, nem sede deu o trabalho de investigar as acusações.

      Com sacerdotes progressistas como esses, nem precisamos de inimigos.

      Excluir
    16. Vou perguntar para o anônimo, os padres que você acusa de serem esquerdistas (veja que eu trato o seu “pensamento” com desdém) são cristãos ou não?

      Sobre o link do Olavo de Carvalho (ou para os mais íntimos "O Astrólogo"), bem, ele não nega os casos de pedofilia, ele nega a estrapolação que fizeram com eles.....fail

      Admita, a ‘Santa’ Igreja Católica, de santa não tem nada(huguenotes que o digam).

      Excluir
    17. Shiroyasha, a pessoa que segue a doutrina católica é cristã. A Igreja condena o socialismo (marxismo). Se um sacerdote segue a ideologia marxista ele já excomungado latae Satentiae. Ou seja: O Papa não precisa falar que esse sacerdote ou um leigo que segue algo condenado pela Igreja está excomungado. O próprio já tem que saber disso.

      Mas por que hoje o católico não sabe dessas coisas?

      Simples: O Concílio Vaticano II não prepara o católico para ser católico, qualquer leigo deveria saber disso. Mas em tempos de Vaticano II...

      "os padres que você acusa de serem esquerdistas (veja que eu trato o seu “pensamento” com desdém) são cristãos ou não?"

      Não.

      Olavo de Carvalho, mesmo eu não sendo um seguidor dele, já que tenho criticas em relação a muitas coisas que ele escreve, mostrou que o próprio número foi distorcido. Vai saber o que mais foi distorcido nesses relatórios.

      O que chama a atenção é que muitos dos tais abusos cometidos por padres, na verdade foram chineladas, cintadas que muitas crianças mal educadas tomavam quando faziam mal-criação que acabaram na lista de "abusos contra crianças".

      Algo parecido aconteceu com o irmão de Bento XVI, Georg Ratzinger.

      Algumas pessoas quando crianças acusaram Georg Ratzinger de ter abusado delas.

      Quando foram ver na verdade Georg Ratzinger também dava cintadas e chineladas em crianças desobedientes. O que para a mídia anti-católica era o mesmo que abusos sexuais.

      Aliás, um alerta para todos aqueles que tem filhos:

      Se a tal "Lei da Palmada" passar no senado, muitos aqui que ficam revoltados contra a Igreja quando é noticiado na mídia, irão também entrar na mesma panela de "abusadores de crianças" se derem um tapinha nos filhos.

      Ai eu quero ver.

      Excluir
    18. Obrigado, você conseguiu escrever a maior falácia do escocês que eu já presenciei nesse blog.
      Custa ser franco e direto, sem ser tão verborrágico?

      Excluir
    19. Shiroyasha, me mostre a falácia do escocês?

      Você me perguntou se os padres que eu acuso de serem esquerdistas são cristãos ou não?

      Eu respondi que não. Antes eu mostrei porquê.

      Depois você me diz que o link do Olavo de Carvalho não nega os casos de pedofilia, o que eu em momento nenhum disse isso. Só mostrei como a tática usada foi de colocar na mesma panela cintadas e chineladas como se fossem abusos sexuais.

      Então volto a perguntar:

      Shiroyasha, me mostre a falácia do escocês?

      Excluir
    20. il corvo, já ouviu falar sobre Anatoly Golitsyn?
      Se não, dê uma boa pesquisada.


      Sim, farei isso. Já adianto que não sou desses que "morrem de amores" pelo comunismo. Mas consultar somente propaganda anticomunista divulgada à exaustão, é demonstrar interesse somente por um lado da história. O senhor já ouviu falar sobre um livro de título “An African student in China” (Frederick A. Praeger, London), de um tal Emmanuel John Levi. Pesquise sobre o livro e sobre a história do estudante.

      Documentos que o jornalista Gianluigi Nuzzi teve acesso, falam sobre o "acobertamento" e negligência, ou na expressão popular, "fazer vistas grossas", sobre o escândalo envolvendo o fundador dos Legionários de Cristo. Marcial Maciel era responsabilidade do Vaticano.

      Cadê a prova senhor il corvo de que os "documentos são liberados, não todos" e "para alguns seletos pesquisadores, não para todos"?

      Sobre o acesso e consulta ao Archivum Secretum Vaticanum:

      Today permission is granted to consult the documents in the archives up until the end of the papacy of Pius XI (February 1939).

      E os mais recentes, onde estariam os "supostos" casos de pedofilia?

      Dentre as muitas exigências e restrições para o acesso aos arquivos estão:

      Send an application to the Prefect of the Archivio Segreto Vaticano providing personal details (name, family name, address, nationality), qualifications, profession and reasons for the research.

      Posso imaginar qual seria a resposta, se solicita-se um documento com a intenção de investigar e divulgar certos escândalos.

      Fontes o próprio site oficial do Vaticano relacionado ao assunto: http://www.archiviosegretovaticano.va/en/consultazione/accesso-e-consultazione/

      Excluir
    21. A única coisa que você mostrou é que eles não podem ser católicos, mas como bem sabemos nesse mundo de Odin, Catolicismo não é a única vertente do Cristianismo, então os padres ainda podem ser cristãos, mas sem serem realmente católicos.

      Fail.....

      Excluir
    22. il corvo, procurarei saber sobre o livro “An African student in China”.

      "Marcial Maciel era responsabilidade do Vaticano."

      E quem disse que não era.

      Sobre o monstro Marcial Maciel, já falei aqui que a maior tática foi colocar esse monstro como conservador se ele mesmo era a favor do igualitarismo, a favor dos pobres (no sentido que falam os Teólogos da libertação), e de todas as falácias da esquerda.

      "Dentre as muitas exigências e restrições para o acesso aos arquivos estão
      Send an application to the Prefect of the Archivio Segreto Vaticano providing personal details (name, family name, address, nationality), qualifications, profession and reasons for the research.

      Posso imaginar qual seria a resposta, se solicita-se um documento com a intenção de investigar e divulgar certos escândalos."

      Ué, senhor il corvo?!

      Já tirou a prova?

      O tal Gianluigi Nuzzi já fez isso?

      Já que os "documentos que o jornalista Gianluigi Nuzzi teve acesso, falam sobre o "acobertamento" e negligência, ou na expressão popular,"fazer vistas grossas", sobre o escândalo envolvendo o fundador dos Legionários de Cristo."

      Por que mais e mais documentos ainda não apareceram?

      Afinal, os escândalos são muitos não é mesmo?

      Excluir
    23. Shiroyasha, isso que você escreveu é falácia do escocês.

      Excluir
    24. Ué, senhor il corvo?!
      Já tirou a prova?


      Infelizmente ainda não possuo esses requisitos, nem sei se algum dia os terei:
      Provide a presentation letter from a recognized institute of scientific and historical research or a person qualified in the field of historical research (tenured university professors)
      Por isso, penso ser importante mais transparência.


      "O tal Gianluigi Nuzzi já fez isso?
      Por que mais e mais documentos ainda não apareceram?"


      Os documentos que Gianluigi Nuzzi teve acesso refere-se ao caso do Vatileaks, documentos vazados pelo mordomo pessoal do Papa.

      Today permission is granted to consult the documents in the archives up until the end of the papacy of Pius XI (February 1939).

      Não é permitido o acesso a documentos mais recentes, no referido Archivum Secretum Vaticanum

      Afinal, os escândalos são muitos não é mesmo?

      Restringir o acesso à informações dá margem para especulações, por isso penso ser melhor a transparência e facilitar divulgação desses documentos históricos.

      Excluir
    25. "Provide a presentation letter from a recognized institute of scientific and historical research or a person qualified in the field of historical research (tenured university professors)
      Por isso, penso ser importante mais transparência."

      il corvo, deixa ver se entendi: Você que qualquer um tenha contato com documentos do Vaticano? É isso mesmo que eu entendi?

      Se for isso que você quer dizer, parece piada!

      "Não é permitido o acesso a documentos mais recentes, no referido Archivum Secretum Vaticanum"

      Eu tenho certeza que não.

      "Restringir o acesso à informações dá margem para especulações, por isso penso ser melhor a transparência e facilitar divulgação desses documentos históricos."

      Pelo que eu vejo a Igreja não está restringindo acesso de nada. É crime a Igreja querer que peritos tenham acessos a documentos em vez de jornalistas mediocre?

      Excluir
    26. il corvo, irei desligar meu computador.

      Boa noite.

      Excluir
    27. "il corvo, deixa ver se entendi: Você que qualquer um tenha contato com documentos do Vaticano? É isso mesmo que eu entendi?"

      Parte dos documentos já foram expostos ao público, porque não fazer o mesmo com o resto. Contudo, sei que se trata de documentos históricos e sua preservação é importante, então não pode ser uma biblioteca pública onde qualquer um pega o quer, além do que eles pertencem ao Vaticano.

      Pelo que eu vejo a Igreja não está restringindo acesso de nada. É crime a Igreja querer que peritos tenham acessos a documentos em vez de jornalistas mediocre?

      Não é crime, visto que é propriedade da Igreja Católica, ela é que decide quais peritos podem ter acesso aos documentos. Só acho que poderiam facilitar.

      Excluir
  16. Il corvo, esse é o livro mencionado por você?

    http://www.fe.hku.hk/cerc/Seminars/African_Students_in_ChinaChongqing.pdf

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não, o livro ao qual me referi é mais antigo, acho que da década de 60. Ele é uma propaganda anticomunista, mas apresenta alguns fatos indiscutivelmente verdadeiros. Um estudante africano ganha uma bolsa de estudos e vai viver na China, então sob o regime de Mao Tsé-Tung. E relata o desapontamento que teve com o comunismo. Na época não se sabia o que sabemos hoje, o estudante era na verdade americano e agente da CIA. Propaganda difamatória era feita pelos dois lados.

      Excluir
  17. É interessante como adoram descer a ripa e criticar a Igreja. Essas questões de pedofilia, homossexualidade, incesto pederastia, são questões da humanidade não são da Igreja. Esta porém, como é humana, pode incorrer em erros. Mas, é engraçado, como colocam as coisas como se tivessem sua origem na Igreja, e só na Igreja. Isso é falta de seriedade e honestidade... Ou então, encontrem um outro nome para isso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Resumindo: Esse bos... de espirito santo não vale nada mesmo. Está ungindo a igreja de deus de mentirinha né? Se fosse uma verdade essa nojeira toda não chegaria perto da sacro santa icar.
      E claro que são questão da humanidade. Assim como essa droga chamada religião também o é.

      Excluir
    2. Introdução à Realidade Prática17 de agosto de 2012 02:49

      Ah, claro... A Igreja é pai (mãe?) da moral, da ética, dos bons costumes e de tudo mais que é bom na face da Terra. Ditou as bases da cultura ocidental, inspirou os melhores artistas, criou as lentes de contato, o sacarrolhas, o micrro-ondas, o Plano Real, as pontes estaiadas... E obviamente não tem nada a ver com as coisas ruins e podres da humanidade. Fuéééééééééééééén!

      Excluir
  18. É muito raro se vê comentários sobre as coisas boas que a Igreja fez, faz; quantas e quantas vezes ela defende causas nobres, como no Brasil por exemplo, nos anos duras da ditadura, a importância que ela teve!...Mas, não, lamentavelmente,uma grande parte da imprensa ou dos escritores, só fazem comentários com conotação pejorativa.É uma pena e maldade, diria!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom a igreja esta sempre do lado dos vencedores, suas boas ações não precisam de inspiração divina. Essa luta contra a ditadura é igual aos que adotaram o comunismo de uma forma romantica para depois se decepcionarem com os homens que chegam ao poder prontos para mudar o discusso. Não se deve centralizar o poder de modo algum. No poder o homem fica enebriado, pelos apupos de sua curriola que o levara a mais erros. Os papas perpetraram terriveis crimes contra a humanidade, hoje querem ser lembrados apenas pelas suas boas ações, mas lembrem-se os piores assassinos tambem deram leite aos seus filhos.

      Excluir
  19. Algum católico saberia responder como César Bórgia se tornou papa? Ele era pedólfico?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo de 07:39, creio que você deve referir-se ao Papa Alexandre VI que se chamava Rodrigo Borja, não é?

      Anônimo, desde de quando a Igreja ensinou que todos os papas foram santos?

      Alexandre VI é considerado santo pela Igreja? Desde quando?

      Se Alexandre VI levou uma vida de perversão e se esse não se arrependeu a tempo, com certeza está sendo atormentado no inferno agora. Mesmo que você não acredite no inferno. Isso se ele não se arrependeu a tempo.

      O mais engraçado é que se Alexandre VI viveu uma vida de perversão, pelo mesmo quando papa ele não mandava nenhum cristão viver a vida pervertida que ele levava.


      Excluir
    2. Não acredito que esse tosco teve coragem de escrever isso!
      Acho que vou vomitar...

      Excluir
    3. Anônimo de 21:59, vai vomitar por quê?

      Eu não estou elogiando o papa Alexendre VI.

      Excluir
  20. Jesus Disse nos e nos avisou, de que tudo viria a tona, de que nada que é oculto ficaria em segredo, e mais uma vez tudo, as claras subterranios cheios de podridão, de como Tumúlos, caiados, agora estão afundando, no lamaçal.....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Voces cristãos são uns fanfarrões...

      Excluir
    2. Eu não sei o que esses caras fumam, mas o bagulho deve ser forte.

      Excluir

Postar um comentário

-------- Busca neste site