Deputado evangélico quer suspender veto à ‘cura’ de gay


O deputado João Campos (PSBD-GO) apresentou um PDC (Projeto de Decreto Legislativo) que, se aprovado, suspenderá a resolução 1/99 do CFP (Conselho Federal de Psicologia) que proíbe o tratamento para curar gays e lésbicas.

Para o CFP, homossexualidade não é doença, nem distúrbio ou perversão -- não é o caso, portanto, de tratamento. O conselho também proibiu que os psicólogos se manifestem publicamente contra a homossexualidade, para não reforçar um preconceito.

Campos (foto) milita contra o movimento gay que reivindica igualdade de direitos. Ele é presidente da FPE (Frente Parlamentar Evangélica) e pertence à Frente Parlamentar em Defesa da Família e do Fórum Evangélico Nacional de Ação Social é Política.

Ele quer a suspensão da resolução para que ela seja submetida ao Judiciário. O deputado entende que o CPF, ao editar a medida, tomou uma decisão que implica abuso de poder, “usurpando competência do Poder Legislativo”.

O PDC parece ter sido elaborado sob medida para o caso da psicóloga evangélica Rozângela Alves Justino. Em julho de 2009, o CFP a censurou publicamente por oferecer o tratamento para que pessoas deixassem a homossexualidade. Na prática, ela foi impedida de cuidar de pacientes com esse propósito.

Rozângela (foto) se defendeu com o argumento de que tinha de atender os homossexuais que a procuravam. Ela acusou o conselho de tolher a sua liberdade de expressão.

Na época, ela deu uma entrevista com uma máscara médica e óculos escuros para não ser reconhecida porque, disse, estava sendo ameaçada de morte por integrantes do movimento gay. Atualmente, mantém um blog onde apoia a militância anti-gay, como a do deputado Campos.

O PDC, para ser votado no plenário, terá de ser aprovado pelas comissões de Seguridade Social e Família e pela de Constituição e Justiça.


Manifestação em 2009 de partidários da psicóloga
Com informação deste blog e da Câmara dos Deputados.

Psicóloga que diz curar gays se livra da cassação profissional.
julho de 2009

Evangélicos dão cursos de ‘cura’ de gays em países da América Latina.
dezembro de 2010

Gay religioso pede ajuda: 'Qual a forma mais rápida de ser normal?'
junho de 2011

Comentários

AlyneS2 disse…
"homossexualidade não é doença, nem distúrbio ou perversão"
Foi o que se resumiu na minha mente como está no texto. Se existem gays que querem ajuda para deixar de ser o que são, é devido ao preconceito que sofrem, como o caso do rapaz que tem uma matéria aqui, pedindo ajuda, eu o aconselhei a deixar a religião, se as pessoas não aceitarem ele, então não precisa delas para ser feliz. Não podem mudar isso, eles já nasceram assim, contanto que tenhamos respeitos um pelos outros seria tudo muito bom.^^
Anônimo disse…
Evangelico. Isso ja esclarece que é um homofobico, intolerante, preconceituoso, sem respeito pelo proximo, apoiador da discriminacao.
Anônimo disse…
Criacionistas conspiracionistas de araque.
Anônimo disse…
Militância anti-gay ?Qual é a lógica de se ter um movimento para entravar ou obstacular a luta dos gays pelos seus direitos?
Anônimo disse…
Quem pode se manifestar sobre isso é a ciência e ela já o fez.Aos fundamentalistas religiosos como esse deputado cabe respeitar o Conselho Federal de Psicologia,bem como a OMS ,a medicina do mundo todo e os conselhos de psiquiatria e psicanálise americanos e da Europa,para citar alguns.E militar por causas mais nobres do que perseguir injustamente pessoas por conta da sua sexualidade.Lutar por um mundo menos desigual ao invés de perder tempo redacionando projetos de lei fúteis.
Manoel Machado disse…
Não sou contra contra a "cura" (veja bem, entre aspas) dos homossexuais, desde que apresentem PROVAS CIENTÍFICAS sem charlatanismo e falsa ciência. Desde que tenha testes comprovados de sua eficácia, sem causar qualquer efeito colateral ao indivídui. Provando que funciona, não vejo mal nenhum.

Agora, imaginem se descobrem que a homossexualidade seja um traço genético, natural do ser humano. Será que cristãos seriam a favor da manipulação genética para a alteração desta característca? A bioética poderia se fazer valer da "ética" cristã para "consertar" um erro atrobuído ao divino, ou mesmo a demônio?

Eu queria saber dos cristãos, caso a ciência comprovasse que a homossexualidade é um traço genético natural (presente de diversas formas na natureza, como em bonobos e chimpanzés) Se seria aceitável a manipulação genética para a heterossexualidade?
Anônimo disse…
O "tratamento" é anticientífico, porque primeiro, não há uma ETIOLOGIA dessa "doença", que nem doença é; não há afecção, ou infecção, patogenia ou patógenos, nada que debilite ou enfraqueça MESMO A MENTE; EM OUTRAS PALAVRAS, NÃO EXISTE DOENÇA, mas comportamento. O fato da norma vigente ser a heterossexual TAMBÉM NÃO É NATURAL como a falácia propaga e o senso comum PENSA (SERÁ QUE PENSA?); pois em outras civilizações a norma vigente era homossexual, o caso de Esparta, por exemplo. O hilário, o histriônico, é que as bibas que não se aceitam, uma vez que não podendo camuflar pela efeminação, RESSENTEM-SE contra a rejeição universal à identificação do estereótipo...Ao saírem dos tais tratamentos, das tais curas...CONTINUAM COM OS MESMOS TREJEITOS, MESMOS ESTEREÓTIPOS, confundindo-se unicamente a si mesmas que são heterossexuais...A ninguém mais, para diversão de todos nós. Incrível a força que uma biba faz pra parecer macho heterossexual. Voz impostada, andar sempre de mangas compridas e paletós, praticar artes marciais, dirigir caminhão...Até curso de mecânico. Uma amiga minha fez este "curso" (é, pra virar homem) em Minas Gerais, sob o patrocínio da Igreja Videira, que é uma agrégora de ex-maconheiros ricos com passado de abusos homossexuais na infância, curiosamente todos se dizem vítimas de pedofilia (por que será?); quando sabemos que eram gays precoces, que não se aceitam, nunca se aceitaram, e vivem pra divertir os outros com suas choramingas, enganar mulheres trouxas com quem casam-se, pois continuam sendo trouxas e gostando de trouxas. O trocadilho até que deu certo , nos dois sentidos. Inté.
Anônimo disse…
Ele vai cobrar pela "cura".Caso consiga o que quer,espero que o estado e a imprensa se mobilizem para informar a população com a seguinte ressalva:"o método possui contra-indicação para pessoas com bom senso e não é sempre que funciona".
Anônimo disse…
Acho que o caríssimo deputado e olha que é caro mesmo ,deveria se preocupar com setores importantes da política como a educação, saúde e segurança que não funcionam neste pais.
Anônimo disse…
Manoel Machado ,não há só indícios e não só evidências como há estudos que apontam a homossexualidade como fato provavelmente de origem genética.Não sei o que pensam os conservadores acerca de bioética mas eles com certeza achariam que uma manipulação genética seria justificável nesses casos.
Anônimo disse…
Eu acho que ele deveria justificar o seu alto salário,se preocupando com coisas mais relevantes da sociedade.
Anônimo disse…
Eu tenho três explicações para o homossexualismo: Explicação esotérica:é castigo de Deus contra os homens. Ficção:é a natureza se defendendo dos homens devido a superpopulação.Humana:a culpa está onde Hugo Chaves falou;nos hormônios do frango.
Luan Cunha disse…
Está praticamente comprovado que a homossexualidade é resultado de vários fatores: biológico, psicológico e social, atuando em conjunto. Existem muitas evidências para isso. Tem muito ainda a ser estudado, mas afirmar que é escolha é pura falta de informação.

E se for comprovado que é genético mesmo (o que provavelmente é), acho improvável a manipulação genética nesse caso para que não nasçam mais homossexuais. Se os crentes concordarem com isso, além de serem hipócritas, estarão jogando toda a bioética no lixo, e seria justificável também a clonagem humana, que eles consideram blasfêmia.
Anônimo disse…
Genten,não é nada disso...Como a humanidade ainda está longe da verdade. Vejam o caso de Kim Esuom, EUA. Nasceu menino e aos sete anos fez operação de fimose. Sentindo-se "castrado", além de humilhado publicamente por mãe (castradora?) que o fazia despir-se na frente dos outros, envergonhado; desenvolveu fantasia de ocultar o pênis como fazem os transexuais, colocando-o embutido. Atrofiado o órgão pela constrição ou provavelmente porque geneticamente era hipertrofiado, adulto resolveu amputá-lo. Tendo ganhado bastante dinheiro como travesti, desistiu do tratamento e passou a exercitar-se como "ativo" nos interlúdios profissionais. Apaixonado por uma cabeleireira (mulher de verdade) que faz até hoje seus penteados (hoje trabalha como drag queen embora faça mais o estilo laerte); abandonou a prostituição e vive hoje como heterossexual e mais dificil ainda (mesmo entre heterossexuais) como um hetero monogâmico. Não há nada determinado, o desejo é líquido e fluente e escorregadio. O problema está em que o querem compartimentar, enquadrar, para identificar, estereotipizar, localizar e assim poder CONTROLAR.
Anônimo disse…
Perdoem-me a indiscrição (a mente ver o que quer), mas essas duas chaves parecem dois chifres de veado, é subliminar, ou proposital, hein?
Franzoi disse…
Não acho que tenha cura, por não ser uma doença. Como heteresexual eu não imagino nenhum tratamento que me faço virar homosexual, então acho que tentar transformar um homosexual em hetero acho ser impossivel.
Como dito em alguns comentários acima, quem deseja procurar um tratamento desse, é devido o grande sofrimento e discriminação que sofre.
E por que cargas d'agua esse povo vive mais preocupado com a sexualidade de outras pessoas do que com coisas realmente importante para a humanidae.
Anônimo disse…
Franzoi,realmente não dá para compreender os motivos dessa preocupação mórbida com questões íntimas e particulares das pessoas.
Anônimo disse…
Genten, não é nada disso. Vejam o caso de Kcud Donald, solteiro, que após questionado pelos próprios familiares, porque nunca casou, descobriu-se apreciador de gays feminilizados, vulgo pintosas, rejeitados até pelos próprios gays. Tornou-se marido de uma delas, e vivem felizes até hoje, na cidadezinha norueguesa de Kjasired. Por muito tempo Donald foi a chacota da comunidade, chamado de rapaz velho, tio, essas coisas, até que encontrou Tam Gaas, seu primo homossexual efeminado e ambos contraíram recente matrimônio. A pessoa pode mudar muitas vezes ao longo da vida, nada está determinado.
Anônimo disse…
A igreja Catílica é péssima, mas, pelo menos, é uma religião. E, como tal, ela tem uma base. Os evangélicos são uma SEITA. É completamente diferente. Um líder de uma seita que não tem nenhum estudo de teologia, filosofia, história (como os bispos católicos têm). Essas seitas chegam a chamar a líder de "BISPA". Ora, bispa é uma palavra que sequer existe. O feminino de bispo é EPISCOPISA. Evangélicos não são NADA. Absolutamente nada. O que eles falam nem se ouve. Quanto mais se ecreve!
Anônimo disse…
Eu penso que pra começo de conversa, o estado é laico, então, pq deixarem ser formadas essas frentes parlamentares evagélicas e afins?! Eles estão lá pra denfender os direitos e melhorar a vida da população, e não para impôr suas opiniões e falar o que eles acham certo ou errado. Pra ser político, teria que ser necessário um teste psicológico, atestando sanidade mental e discernimento entre o que ele quer e o que a população quer.
Anônimo disse…
KKKKKKKKKK cuecas apertadas atrofiam pênis segundo o anônimo das 19:20.Deve transformar garotos em gays kkkkkkkkkkkkk.....É cada louco...
Anônimo disse…
A Igreja Católica não é uma religião. É uma camarilha de ladrões da boa-fé, máfia de mentirosos que sustentam uma fábula de um ser mitológico, ícone da astrologia heliocentrista. Já está desmentida, refutada definitivamente esta falácia há cinco séculos desde Galileu e Newton. Desmentida por Darwin, por todas as evidências científicas que não há, nunca houve, arca de Noé, nem Adão e Eva. Menos ainda Jesus cristo. O QUE HÁ é o vaticano, a maior lavanderia de dinheiro sujo do mundo, e as concorrentes tupiniquins, universal do reino do diabo, internacional da lama de deus, apostolo de satanas, bispa do demo, e também o pokemon, e o satangos.
Anônimo disse…
Prefiro mil vezes o mangá.
Cristão disse…
A maioria dos homossexuais 99,9%, não tem cura. Porque Deus os abandonou, por não reconhecerem que ele é Deus. Por isso satanás entra e faz o estrago, e isso pode acontecer desde o ventre. No outro post eu disse que um marginal muitas vezes é melhor do que um homossexual porque muitos, (muitos mesmo) deles se convertem em determinado momento, mais quanto a homossexuais não posso dizer o mesmo.Está Escrito: "Porque as suas coisas invisíveis, desde a criação do mundo, tanto o seu eterno poder, como a sua divindade, se entendem, e claramente se vêem pelas coisas que estão criadas, para que eles fiquem inescusáveis;
Porquanto, tendo conhecido a Deus, não o glorificaram como Deus, nem lhe deram graças, antes em seus discursos se desvaneceram, e o seu coração insensato se obscureceu.
Dizendo-se sábios, tornaram-se loucos.
E mudaram a glória do Deus incorruptível em semelhança da imagem de homem corruptível, e de aves, e de quadrúpedes, e de répteis.
Por isso também Deus os entregou às concupiscências de seus corações, à imundícia, para desonrarem seus corpos entre si;
Pois mudaram a verdade de Deus em mentira, e honraram e serviram mais a criatura do que o Criador, que é bendito eternamente. Amém.
Por isso Deus os abandonou às paixões infames. Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural, no contrário à natureza.
E, semelhantemente, também os homens, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para com os outros, homens com homens, cometendo torpeza e recebendo em si mesmos a recompensa que convinha ao seu erro.
E, como eles não se importaram de ter conhecimento de Deus, assim Deus os entregou a um sentimento perverso, para fazerem coisas que não convêm;....."
Anônimo disse…
Essas pregacoes homofobicas, cheias de odio pelo proximo, junto com ameacas, condenacoes, improperios, maldade no coracao, intolerancia, preconceito e discriminacao...

Uma olhadinha basica em cima do texto de Fernando (Cristão), mostra quem é o verdadeiro perverso:

O Cristao

Qualquer homossexual é muito mais etico e moral do que cristaos como o Fernando.
Manoel Machado disse…
Cristão, desculpa, mas você é um, desculpe o termo, idiota!
Anônimo disse…
Esse Cristão é o Fernando o fundamentalista extremista perigoso(homem-briba)semelhante ao Wellington atirador do Realengo.
Mujica disse…
Ele disse:
...
"A maioria dos homossexuais 99,9%, não tem cura"
...
Pelo visto, era paciente...
E foi curado... Oh...!
Fazia parte destes 0,01%...
...
Sugiro que sirva como objeto de estudo...
Pode ser uma solução para o mundo...
O problema é este baixo índice de cura...
E a apresentação de efeitos colaterais...
Notadamente...
Andar em círculos...
Repetir frases feitas...
Mujica disse…
Chiiii...! Caculadora Ching Ling...
...
Ele disse:
...
"A maioria dos homossexuais 99,9%, não tem cura"
...
Pelo visto, era paciente...
E foi curado... Oh...!
Fazia parte destes 0,1%...
...
Sugiro que sirva como objeto de estudo...
Pode ser uma solução para o mundo...
O problema é este baixo índice de cura...
E a apresentação de efeitos colaterais...
Notadamente...
Andar em círculos...
Repetir frases feitas...
Anônimo disse…
Excelente artigo sobre o assunto: http://medico-psiquiatra.com/principal/homossexualidade.htm
Anônimo disse…
Querendo os religiosos ou não a homossexualidade dos homens,das mulheres,dos meninos e das meninas é atributo nato!A prática homossexual já está catalogada em milhares de animais de espécies e espécimes diferentes!
Mujica disse…
O artigo citado é duplamente recomendável...
...
http://medico-psiquiatra.com/principal/homossexualidade.htm
Anônimo disse…
É mais fácil deintegrar um átomo do que um preconceito, assim dizia Albert Einstein, isso foi há mais de 5 de´cadas atrás quando ele e outros milhões mundo afora foram perseguidos e caçados por nazistas degenerados, hoje ao que tudo mostra e comprova, esses mesmos nazistas hoje ampliaram sua preferência por novas presas, no topo estão ateus e homoafetivos.

De fato, a ameaça à direitos históricos vem sendo amplificada por discursos que lembram os tempos do 1º Reich, onde Hitler se difunde dentro da mente de pessoas sem objetivos coletivos, a prova disso é que nossas leis não são para combater preconceitos, mas para compactuar e se aliançar com elas.

Sempre soube que o compromisso desses fundamentalistas era jogar nossa democracia no lixo e nossa luta nas trevas. Preferiram se aliar ao inimígo do que se aliarem a nós.
Anônimo disse…
Falta do que fazer dizer que alguem é doente so porque é diferente, quero ve ela na paciata contra a corrupção essa doença que sulga nosso dinheiro ano apos ano, Doutora pisicologa porque não vai curar os homems de Brasilia acusados de grupo de exterminio, corrupção, lavagem de dinheiro e outras atitudes odiosas, Fique a frase que lhe cai bem:Carater não tem haver com sexualidade, Stalim matou sua esposa espancada, Stalin um hoem hetero, cristão e malvado, que garanto a voce ele não esta no céu.
Anônimo disse…
Baseado no relato acima depresão também não é doença?