Justiça decreta prisão do padre que assediou garoto de 13 anos

O padre Devanir Ramos Fernandes (foto), 44, se entregou ontem (19) à Polícia Civil de Araçatuba (SP) após a Justiça ter decretado a sua prisão preventiva.

Ele estava sendo investigado desde o final de 2009, quando uma mulher descobriu que seu filho de 13 anos era assediado pela internet. Ela é de Limeira, cidade também do interior paulista.

Fernandes confirmou à polícia que vinha tendo contato pela internet havia dois anos com o garoto, o qual conheceu em um site de relacionamento. Também admitiu ter mandado ao menino R$ 80 para pagar uma viagem a Araçatuba de modo que houvesse um encontro, o que não acorreu.

A mãe procurou a polícia quando descobriu no computador do filho um vídeo do padre no qual ele, nu, faz poses pornográficas. Havia ainda mensagens com conteúdo sexual.

A polícia rastreou a conexão de internet e chegou ao padre, que tinha prestígio em Araçatuba. Ele se dedicava à defesa da ecologia e era responsável pela paróquia de Bom Jesus da Lapa.

Em fevereiro deste ano, a polícia apreendeu dois computadores do padre e neles encontrou vídeos de pornografia infantil.

Na época, Rafael Gomes dos Santos, advogado do padre, acusou a mãe do menino de estar fazendo “acusações infundadas”. Depois, diante da contundência das provas, Fernandes, em uma tentativa para escapar da acusação de pedofilia, disse acreditar que o menino fosse maior de idade . 

Até agora, a Arquidiocese de Araçatuba não se manifestou.

Com informação do Globo e arquivo deste blog.

maio de 2011

Comentários

  1. Anônimo5/20/2011

    Alguem tem alguma dúvida que a Igreja católica é uma putaria......?

    ResponderExcluir
  2. Anônimo5/22/2011

    O Magno Malta lascou tudo.Alguém acha que esse garoto é inocente?Bom,claro que o padre cometeu um crime hediondo e eu acho que deve ser punido com severidade sem dúvida nenhuma mas esse rapazinho sabia o que fazia perfeitamente.Ora, masturba-se na webcam e quer passar por inocente.Isso demonstra que ele tinha noção de tudo.Claro,não justifica o ato do padre safado mas para mim isso não é pedofilia mesmo porque eles não tiveram contato nenhum.CRIME DE LASCÍVIA É DE LASCAR!! .Crime de estupro NA MINHA CABEÇA é outra coisa.Só podia ser coisa inócua e improfícua de protestante que nem reduz a incidência do crime se analisarmos direito.

    ResponderExcluir
  3. Anônimo7/18/2011

    este padre é gayzão,bom lá em roma ta cheio.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas

90 trechos da Bíblia que são exemplos de ódio e atrocidade

Artista gospel se recusa a cantar em casamento de amigo gay

Veja os 10 trechos mais cruéis da Bíblia

Trechos bíblicos cuja existência crente finge não saber

Carl Sagan escreve sobre um 'pálido ponto azul' nos cosmos, a Terra

Igreja de 221 anos fecha nos EUA por falta de fiéis; avanço da secularização