terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

Condenado por estupro, pastor Sardinha diz estar feliz na cadeia

pastor José Leonardo Sardinha
Pastor foi condenado a
21 anos de prisão
“Estou vivendo o melhor momento de minha vida”, diz José Leonardo Sardinha (foto) no site da Igreja Assembleia de Deus Ministério Plenitude, seita evangélica da qual é o fundador.

Em novembro de 2008 ele foi condenado a 21 anos de prisão em regime fechado por estupro e atentado violento ao pudor. Sua vítima foi uma adolescente que, com a família, frequentava os cultos da Plenitude.

A jovem gostava de um dos filhos do pastor, mas o rapaz não queria saber dela. Sardinha então disse à adolescente que tinha tido um sonho divino: ela deveria ter relações sexuais com ele para conseguir o amor do filho, e a levou para o motel várias vezes. Mas a ‘profecia’ não se realizou. O Sardinha Jr. continuou não gostando da ingênua adolescente.

No texto publicado no site, Sardinha se diz injustiçado pela justiça dos homens, mas em contrapartida, afirma, Deus lhe deu a oportunidade de levar a palavra Dele à prisão. Diz estar batizando muita gente.
“Sou muito ‘feliz’ em tudo que está acontecendo e sei que vou até o fim!’

Está à venda no site um CD onde Sardinha relata o que tem feito em nome de Deus nos seus 300 dias de ‘cárcere’.

Condenado o pastor que estuprou garota em nome de Jesus.
novembro de 2008

Pastores pedófilos.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...