Pular para o conteúdo principal

Polícia prende na Paraíba Testemunha de Jeová sob suspeita de abuso de menino

O religioso teria molestado a vítima no dia 5 de dezembro de 2023; religião não se manifesta


A Polícia Civil Juazeirinho, no Cariri paraibano, prendeu um ancião (equivalente a pastor) das Testemunhas de Jeová sob a acusação de abusar sexualmente de um menino de 12 anos.

O homem tem 60 anos, seu nome ainda não foi revelado pela polícia, e o crime teria ocorrido no dia 5 de dezembro de 2023 na casa da criança.

A delegada Mairan Moura informou que o suspeito usou autoridade de ancião para intimidar o garoto e acariciar as partes íntimas dele. Até agora, as TJs não se manifestaram, o que é frequente em casos envolvendo a opinião pública, principalmente sobre denúncias de pedofilia.

O religioso se encontra à disposição da Justiça na carceragem de Campina Grande.

Comentários

Post mais lidos nos últimos 7 dias

90 trechos da Bíblia que são exemplos de ódio e atrocidade

Cientistas brasileiros e mexicanos descobrem pequena espécie de morcego

Veja 14 proibições das Testemunhas de Jeová a seus seguidores

Um em cada 4 brasileiros não tem acesso à coleta de esgoto, mostra IBGE

Veja os 10 trechos mais cruéis da Bíblia

Quatro séculos tentando provar a existência de Deus. E fica cada vez mais difícil

Igrejas católicas alemãs estão sendo derrubadas. É a demolição da própria religião

Contar o número de deuses é difícil porque são muitos, dezenas de milhares, milhões

Padre autor do mosaico de Aparecida é acusado de invocar a Trindade para ter sexo a três

Ministro 'terrivelmente' evangélico decide que financiar monumento religioso é constitucional