Pular para o conteúdo principal

Polícia prende na Paraíba Testemunha de Jeová sob suspeita de abuso de menino

O religioso teria molestado a vítima no dia 5 de dezembro de 2023; religião não se manifesta


A Polícia Civil Juazeirinho, no Cariri paraibano, prendeu um ancião (equivalente a pastor) das Testemunhas de Jeová sob a acusação de abusar sexualmente de um menino de 12 anos.

O homem tem 60 anos, seu nome ainda não foi revelado pela polícia, e o crime teria ocorrido no dia 5 de dezembro de 2023 na casa da criança.

A delegada Mairan Moura informou que o suspeito usou autoridade de ancião para intimidar o garoto e acariciar as partes íntimas dele. Até agora, as TJs não se manifestaram, o que é frequente em casos envolvendo a opinião pública, principalmente sobre denúncias de pedofilia.

O religioso se encontra à disposição da Justiça na carceragem de Campina Grande.

Comentários

Post mais lidos nos últimos 7 dias

Influenciadora cristã torna-se ré por associar enchentes no Sul à quantidade de terreiros

90 trechos da Bíblia que são exemplos de ódio e atrocidade

Bianca Machado Cotta, vítima do voo AF 447

Responda cristão: Deus criou as estrelas antes ou depois da Terra?

Alunos evangélicos de escola de Manaus recusam trabalho de cultura africana

Líder de igreja é acusado de abusar de dezenas de fiéis

Ateus americanos recorrem à Justiça na 'guerra ao Natal'

Ateus são o grupo que menos apoia a pena de morte, apura Datafolha

Valdemiro pede 10% do salário que os fiéis gostariam de ter

A física moderna sugere que o tempo não avança, é apenas uma ilusão