Equador expande área de proteção às ilhas que inspirou a teoria de Darwin


Espécies de Galápagos estão sob risco de extinção


O governo do Equador aumentou a reserva marinha das Ilhas Galápagos de 138.000 km quadrados para 198.000 km, para proteger espécies que correm risco de extinção.

A biodiversidade das ilhas consolidou a teoria da evolução natural das espécies do naturalista inglês Charles Darwin (1809-1882).

Guillermo Lasso, presidente do Equador, assinou o decreto da expansão marítima na sexta-feira (14), a bordo do navio de pesquisa Sierra Negra, que estava ancorado na Ilha de Santa Cruz, o centro turístico de Galápagos.

As espécies mais ameaçadas de extinção são tubarões-martelo, tubarões-baleia e tartarugas.

A poluição do Oceano Pacífico — há plásticos boiando na região das ilhas — e o intenso turismo são as principais ameaças às espécies.



> Com informação das agências, com vídeo do Youtube.

Fotos 'Gênesis' de Salgado se inspiraram na teoria de Darwin 


Livro de Darwin mostra que todos os seres vivos são de uma única família


Comentários

Postagens mais visitadas

90 trechos da Bíblia que são exemplos de ódio e atrocidade

Pastor afirma que 'mendigos têm dever bíblico de passar fome'

Carl Sagan escreve sobre um 'pálido ponto azul' nos cosmos, a Terra

Veja os 10 trechos mais cruéis da Bíblia

Trechos bíblicos cuja existência crente finge não saber

Nos EUA, críticos da pseudociência processam fabricante de homeopatia