Pular para o conteúdo principal

Ambev vai produzir e doar álcool-gel

A Ambev anunciou que usará as linhas de produção de sua unidade de cervejas em Piraí (RJ) para produzir 500 mil unidades de álcool em gel para serem doadas a hospitais públicos de São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília.

AMBEV, MAIOR FABRICANTE DE
CERVEJA DO MUNDO, VAI DOAR
 ÁLCOOL-GEL PARA OS
HOSPITAIS PÚBLICOS DO BRASIL 


De acordo com informe da empresa, todos os hospitais públicos desses  municípios  receberão cada qual 5 mil unidades cada do álcool em gel da Ambev. As cidades foram escolhidas pelo número de casos confirmados da Covid-19 no Brasil.


A ideia é produzir álcool a partir do produto retirado do fabrico da versão não alcoólica da cerveja Brahma (Brahma 0.0) e do restante da produção cervejeira. O envase, em garrafas pet e a logística de distribuição também ficarão por conta da empresa. Ou seja: a doação é de ponta a ponta.

Mas atenção: a Ambev não criou nenhum site, nem grupo de WhatsApp para essa distribuição e nem vai doar álcool a pessoas físicas. Toda a prodição será doada a hospitais público e tudo será realizado por canais formais e institucionais. 

Com informações da Ambev e do site  Boatos.Org




Primeira vítima fatal do coronavírus no Rio era diabética e hipertensa

Bilhões de pessoas não têm sabão para lavar as mãos e se livrarem do coronavírus

Número de mortos pelo coronavírus é muito maior que os dados oficiais, diz diretor de convênio

Morre de coronavírus o presidente do conselho do Santander em Portugal

Incentivador de manifestação pró-Bolsonaro, general Heleno está com coronavírus

Com a postura criminosa de Bolsonaro, Covid-19 pode virar a peste negra do Brasil



Comentários

Editor deste site
Paulo Lopes é jornalista
Trabalhou no jornal 
abolicionista Diario Popular, 
Folha de S.Paulo, revistas da
Editora Abril e em outras 
 publicações. 
Contato

POSTS MAIS LIDO EM 7 DIAS

13 teorias da conspiração sobre o coronavírus. Ou: a bolsa ou a vida?

90 trechos da Bíblia que são exemplos de ódio e atrocidade

Saiba por que a seita Testemunhas de Jeová é um paraíso para pedófilos