Pular para o conteúdo principal

Pesquisadores encontram na Amazônia fósseis de tartaruga de 10 milhões de anos

ESSA TARTARUGA É A 
MAIOR QUE JÁ EXISTIU

Pesquisadores suíços, colombianos e venezuelanos encontram na região amazônica fósseis da maior
tartaruga que já existiu, há 10 milhões de anos.

Com o nome científico de Stupendemys geographicus, ela tem pessoa acima de uma tonelada, envergadura de três metros e comprimento de 2,4.



De acordo com estudo publicado na Science Advances, a tartaruga, apesar do seu tamanho, tinha um predador: o Purussaurus, um jacaré de 10 metros de comprimento.

Em algumas conchas de tartaruga, havia mordidas do jacaré gigante.

Traços de mordidas também foram encontrados nas várias conchas descobertas durante o estudo.

Marcelo Sánches, diretor do instituto e museu de paleontologia da Universidade de Zurique, disse que os primeiros fósseis do Stupendemys geographicus foram encontrados na década de 1970 e que eles foram importantes na montagem da árvore genealógica das tartarugas, que continuam vivendo na região.

FÓSSEIS AJUDARAM A MONTAR A ÁRVORE
GENEALÓGICA DAS TARTARUGAS



Dinossauro carnívoro viveu a 90 milhões de anos na região onde hoje é o Paraná

Ossos mostram espécie de dinossauro que viveu no Brasil há 233 milhões de anos

Descoberto mamífero brasileiro que conviveu com dinossauros

Testemunhas de Jeová tentam se convencer de que a Bíblia cita os dinossauros



Com informação e ilustrações do Science Advances.

Comentários

Editor deste site
Paulo Lopes é jornalista
Trabalhou no jornal 
abolicionista Diario Popular, 
Folha de S.Paulo, revistas da
Editora Abril e em outras 
 publicações. 
Contato

POSTS MAIS LIDO EM 7 DIAS

13 teorias da conspiração sobre o coronavírus. Ou: a bolsa ou a vida?

90 trechos da Bíblia que são exemplos de ódio e atrocidade

Vídeo: R.R. Soares manda o Covid-19 para o inferno, mas não tira a máscara do rosto