Pular para o conteúdo principal

Promotoria da Finlândia investiga deputada por usar a Bíblia para ofender homossexuais

A PROCURADORA TOIVIAINEM
ABRIU DOIS PROCESSOS CONTRA
A DEPUTADA CRISTÃ RÄSÄNEN

A Procuradoria Geral da Finlândia deu um recado aos cristãos: a Bíblia não está acima das leis do país e quem utilizá-la para discriminação ou ofensa pode sofrer consequências penais.

Raija Toiviainem (na foto à esquerda), a procuradora-geral, abriu dois inquéritos para investigar a deputada Päivi Räsänen (foto) por ofensa aos homossexuais.

Em 2019, Räsänen transcreveu em seu perfil no Tweet o primeiro capítulo e os versículos de 24 a 27 de Romanos, que são passagens da Bíblia que condenam a homossexualidade.

Procuradoria também está investigando um panfleto escrito por Räsänen há quinze anos onde defende que a família só pode ser formada com um homem e uma mulher. "Ele [Deus] os criou", afirmou.

O pastor luterano que publicou o panfleto também está sob investigação.


Parlamentar há 25 anos, Räsänen disse estar surpresa porque, como parlamentar cristã, apenas fez referência à Bíblia.

No entendimento da Procuradoria, contudo, ofensa aos homossexuais, mesmo sendo feita com base em um livro religioso, continua sendo ofensa.

Sites religiosos acusam a procuradora Toiviainem de querer proibir o cristianismo, camuflando o fato de que o que está em questão é a homofobia, e não a religião.

Se houver condenação, Räsänen  poderá ter de pagar multa ou ficar presa por algum tempo.

Do total dos finlandeses, 70% são membros da Igreja Luterana Nacional, mas um terço da população não acreditam em Deus.

Os finlandeses que ainda frequentam um templo o fazem, em sua maioria, com o propósito de se envolver em atividades sociais, de ajuda a quem precisa.

No ranking anual do Relatório Mundial de Felicidade, da ONU, a Finlândia tem estado entre os primeiros países.

Com informação da Procuradoria da Finlândia e de outras fontes e fotos de divulgação.



Finlândia acaba com juramento a Deus em depoimento à Justiça

Indiano que desvendou milagre teve de fugir para Finlândia

Bélgica multa asilo católico por não atender pedido de eutanásia

Países menos religiosos lideram outra vez ranking dos mais felizes




Comentários

Posts + acessados nos 30 dias mais recentes

Morre de Covid-19 pastor bolsonarista que defendia uso da cloroquina

Angolanos expulsam os pastores brasileiros de 30 templos da Universal

Edir Macedo amaldiçoa angolanos que expulsaram pastores brasileiros de templos